Foi assim (juventude e ternura)

Foi assimEu vi vocêPassar por mimE quando pra você eu olheiLogo me apaixonei Foi assimO que eu sentiNão sei dizerSó sei que pude então compreenderQue sem você meu bemNão posso mais viver Mas foi tudo um sonhoFoi tudo ilusãoPorque não é meuO seu coraçãoAlguém roubou de mimO seu amorMe deixando nessa solidão Foi assimE agora […]

Assim você mata o papai

Ai,ai! Ai ai ai ai Essa mina tá me olhandoAcho que tá dando moleEla tá me provocando já faz tempoIsso não vai prestarNão vai Ela é maravilhosa, tem um sorriso marotoO que será que ela tá querendo?Vou chamar pra dançar Vem cá mulherVem cá, dançarComigo agarradinho, vem cá que você vai gostar!Ah, vai! Isso, assim, […]

Por te amar assim (Por Amarte Asi)

Você ficou em mimDentro de minha almaFeito uma tempestadeQue nunca se acalmaAmor que me pegouDe um jeito inesperado… Teu nome é um gritoPreso na gargantaTe vendo acompanhadaParecendo santaE eu querendo serQuem está do seu lado… Será!Do jeito que você quiserAssim seráMesmo que toda vidaTenha que esperarEu ficarei guardadoNeste sentimento… Por te amar assimA felicidadeÉ o […]

Simples e absurdo

O olho claro no cabelo cor da noiteRiso branco feito açoite no olhar de paranóiaAqui é cúmplice o que é simples e absurdo:Esmeralda no veludo, onça negra com jibóia O que é quente se reúne ao que é gelado:Dois vaga-lume agarrado na casaca do pingüimO que é sagrado vaticina o que é pecado:Dois louva-deus afogado […]

Comigo é assim

A nossa vida tem sido um horrorE o culpado é só você que não me tem amorSe eu chego tarde você quer brigarBota banca de infelizNão pára de falarJá lhe avisei para tomar cuidadoPois você está seguindo um caminho erradoOra, deixe de toliceTrate com ternura e com meiguiceEsse seu benzinhoPra lhe agradarTudo já fizSó pra […]

Comigo é assim

A nossa vida tem sido um horrorE o culpado é so você que não me tem amorSe eu chego tarde você quer brigarBota banca de infelizNão pára de falarJá lhe avisei para tomar cuidadoPois você está seguindo um caminho erradoOra, deixe de toliceTrate com ternura e com meiguiceEsse seu benzinhoPra lhe agradarTudo já fizSó pra […]

Simples de coração

Volta pra casa Me traz na bagagem Tua viagem sou eu Novas paisagens Destino, passagem Tua tatuagem sou eu Casa vazia, luzes acesas Só pra dar a impressão Cores e vozes, conversas animadas É só a televisão Já perdemos muito tempo Brincando de perfeição Esquecemos o que somos: Simples de coração Volta voando Vinda do […]

Dolcissima Maria (M.Pagani, F.F.Premoli, F.Mussida)

Dolce Maria, dimentica i fiori Dipinti dal tempo, sopra il tuo viso, E gli anni andati via seduta ad aspettare una lunga, lunga via Nessuna da incontrare…ohhh Non voltarti più E il giorno arriverà vestito di poesia Ti parlerà di sogni che non ricordavi più, E ti benedirà Dolcissima Maria. Dolce Maria, dagli occhi puliti […]

Foi assim

Foi assim Eu tinha alguém que comigo morava Mas tinha um defeito que brigava Embora com razão ou sem razão Encontrei Um dia uma pessoa diferente Que me tratava carinhosamente Dizendo resolver minha questão Mas não Foi assim Troquei essa pessoa que eu morava Por essa criatura que eu julgava Pudesse compreender todo o meu […]

Você é Assim

Você é assimFeita de sonhos e esperançaNasceu pra amar e ser amada por alguém eternamenteE compartilhar Jesus e a VidaSerem, dois em um, uma família Você é assimPuro romanceChega a ser boba e engraçadaConta adiante, essa sua fé em contos de fadas E vem você agora me dizerQue está desanimada não quer mais saberQue você […]

Linda, a dor não é tão glamourosa assim afinal

Hoje, deixei escapar teu nome sem perceber. Tamanha injustiça me fez… A única guia a me afastar de perder o caminho sem pregos na fonte. Glamour, me diz ser. Romance viver assim. Mas não sabe o quanto me faz estalar as memórias. Não me condena a outra tarde neste inferno covarde porque eu sei que […]

Ciúme doentio

Ah meu Deus se eu soubesse quem ela eraJuro que jamais faria esta uniãoBonita mulher mas de gênio, uma feraDepois da briga eu fiquei nesta condiçãoOs ternos melhores que eu tinha estão rasgadosDos nossos moveis ela fez uma fogueiraMeu rosto até hoje esta todo arranhadoEnvergonhado jamais voltei em Mangueira Todo mundo dizia que Ana Maria […]

Conversando com o Brasil

BrasilA juventude está presenteLutando bravamentePara corrigir as distorções BrasilTanta terra e você negaDescaradamente entregaPara um bando de rufiões BrasilVoce matou tiradentesEle queria simplesmenteA sua emancipação BrasilVamos banir os abutresE dar vez aos filhos ilustresQue te amam de coração Eu nao dou bobeiraNinguém vai bater minha carteira(x2) BrasilPor favor preste atençãoSaúde terra educaçãoSão as vigas mestras […]

Triângulo amoroso

Elas são o meu tudo na vidaPra mim elas são iguaisSe por acaso eu perde-lásNão sei do que serei capaz É um triângulo amorosoFuncionando com perfeição{Uma me domina, a outra me fascimaMas as duas tem meu coração}(2x) Elas são o meu tudo na vidaPra mim elas são iguaisSe por acaso eu perde-lásNão sei do que […]

Lei do cão

AgoraVai ser tudo diferenteÉ olho por olhoÉ dente por denteNão faço mais opção RasgueiO meu diploma de boboNão sou mais carneiroEu agora sou loboEm qualquer situação Guerra é guerraPau no burroÀ ferro e fogoMudei as regras do jogoDou cartas na tapeação É a lei do cãoÉ na dureza, não dou molezaNão tem pra ninguémPrimeiro eu, […]

Apologia aos mestres

Glória aos nossos antepassadosCom seus nomes gravadosNa história da pátria amadaOswaldo Cruz, Miguel Costa,Rui Barbosa, Ana Neri,A corajosaEnfermeira abnegadaEstes vultos destacaramComo herança entregaramOs seus esforços naturaisE hoje na glorificaçãoOs seus nomes devem ser Para sempre imortaisRui BarbosaFoi como mago apologistaMiguel Couto especialistaAna NeriSímbolo da paciênciaOswaldo CruzMestre da biologiaCom suas galhardiasFoi apóstolo da ciênciasEsses vultos reunidosReceberam do […]

Idioma esquisito

Fui fazer o meu sambaNa mesa de um botequimDepois de umas e outrasO samba ficou assim Fui fazer o meu sambaNa mesa de um botequimDepois de umas e outrasO samba ficou assim Estrambonático, PalipopéticoCibalenítico, EstapafúrdicoProtopológico, AntropofágicoPresolopépipo, Atroverático Batunitétrico, PratofinandoloCalotolético, CaranbolâmboluPosolométrico, PratofilônicaProtopolágico, Canecalônica É isso aí, é isso aíNinguém entendeu nadaEu também não entendi(Eu então vou […]

Encanto da paisagem

Morro és o encanto da paisagemSuntuoso personagemDe rudimentar belezaMorro, progresso lento e primárioÉs imponente no cenárioInspiração da natureza Na topografia da cidadeCom toda simplicidadeÉs chamado de elevaçãoVielas, becos e buracosChoupanas, tendinhas, barracosSem discriminação Morro, pés descalços na ladeiraLata d’água na cabeçaVida rude alvissareiraCrianças sem futuro e sem escolaSe não der sorte na bolaVai sofrer a […]

Know-how

Oh meu bem,não sei..Sonhar,é demais pra mim babyEnfim,te amar,provar do que sou capaz(capaz baby) Gamei teu moralTeu desdem,teu know howPra que dizer?Pra que?Isso não se faz É pois já cansei de não ser seu parAssim veja bem quem errouAnjos de lá,dizem quem eu souVocê se enganou e me enganouDirei teu novo amor:É a solução! Meu […]

Castiçal

Se Deus quiserAmanhã verei o meu amorAlgo me dizQue amanhã a coisa irá mudarSó mesmo um grande amorNos faz ter capacidadePra viverRasgo as cartas que euSonhei em escreverPor castigo ou capricho eu vivo tão sóEntre palmas de mãosQue aplaudem musicasQue eu vou agora cantar Talvez minha moçaLinda moçaQueira me amarSou virgem da água de salUm […]

Pra não te acordar

Sorte é ver você sorrindoEnquanto você tá dormindo, amorSerá que sonha comigo?Eu não sei, mas não ligoE, pra não te acordar, eu nem respiro Sorte é ver você sorrindoEnquanto você tá dormindo, amorSerá que sonha comigo?Eu não sei, mas não ligoE, pra não te acordar, eu nem respiro Eu já tinha desistido dessa coisa de […]

Vaso quebrado

Você cutucou meu coraçãoCom a vara curta do amorDepois acenou e me deixouCurtindo essa imensa dorE disse pra eu ter muita paciênciaDa tolerância nasce a florVê se se manca e volta depressaNão me deixe assim, sofredor Você cutucou meu coraçãoCom a vara curta do amorDepois acenou e me deixouCurtindo essa imensa dorE disse pra eu […]

Um lugar do caralho

Eu preciso encontrarUm lugar legal pra mimDançar e me escabelarTem que ter um som legalTem que ter gente legalE ter cerveja barata Um lugar onde as pessoasSejam mesmo afudêUm lugar onde as pessoasSejam loucas e super chapadasUm lugar do caralho Sozinho pelas ruas de São PauloEu quero achar alguém pra mimUm alguém tipo assimQue goste […]

Canção da América

Amigo é coisa prá se guardarDebaixo de sete chavesDentro do coraçãoAssim falava a cançãoQue na América ouviMas quem cantava chorouAo ver seu amigo partir… Mas quem ficouNo pensamento vôouCom seu cantoQue o outro lembrou… E quem voouNo pensamento ficouCom a lembrançaQue o outro cantou… Amigo é coisa prá se guardarNo lado esquerdo do peitoMesmo que […]

Onze fitas

Por engano, vingança ou cortesiaTava lá morto e posto, um desregradoOnze tiros fizeram a avariaE o morto já tava conformadoOnze tiros e não sei porque tantosEsses tempos não tão pra ninhariaNão fosse a vez daquele um outro iaDeus o livre morresse assassinadoPro seu santo não era um qualquer umTrês dias num terreno abandonadoOstentando onze fitas […]

Perto demais de Deus

Tem gente perto demais de deusTem gente que não deixa deus sozinhoE diz deus ilumine seu caminhoE guarda deus na cristaleiraCristo perto dos cristaisCristo assim perto demaisCristo já é um de nósCarne e osso pão e vinhoTem gente que não deixa deus em pazTem gente incapaz de viver sem deusE o trata como um funcionário […]

A amor é um ator revolucionário

O amor é um ato revolucionárioQuem vive amando dando amor e sendo amadoColhendo o que lhe é oferecidoE a si mesmo se coloca ofertadoSe este está nu veste-o manto sagradoQue ao que ama o infinito faz vestidoDe Deus e os deuses sim é o mais queridoMesmo no escuro seu sentir é iluminado O amor é […]

Quem é?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Twitterexibições66.614Quem É?Agnaldo Timóteo Play Quem É?Couldn’t find anything.Quem é? Que não sofre por alguémQuem é? Que não chora uma lágrima sentidaQuem é? Que não tem um grande amorQuem é? Que não chora uma grande dorQuem é? Que não sofre por alguémQuem é? Que não chora uma lágrima sentidaQuem é? Que não […]

Orgulho, Hipocrisia (Quem Espera Sempre Alcança)

Orgulho, hipocrisia, vaidade e nada maissão três coisas que em menos de um segundo se desfazo mundo é mesmo assim, cheio de ilusãoa arte de convencer meu coração a vida mal vivida é ilusãovaidade nunca fez bem a ninguémé tudo hipocrisia, orgulho e nada maisa vida que passou não volta atrás

Carinhoso

Meu coraçãoNão sei porqueBate felizQuando te vê E os meus olhos Ficam sorrindoE pelas ruas Vão te seguindoMas mesmo assim Foges de mim Ah Se tu soubessesComo sou Tão carinhosoE muito e muito Que te queroE como é sincero O meu amorEu sei que tu Não fugirias Mais de mim Vem, vem, vem, vemVem sentir o calorDos lábios meusÀ procura dos teus Vem matar […]

Teu retrato

Já sei que vais emboraQue não queres mais o meu amorQue minh’alma que choraE te pede, por favorDeixa ficar teu retrato comigoQuero ter a ilusãoQue ainda vivo contigo Fica abre a luz dos teus braçosMeu coração em pedaçosSó pode falar assim, por quê?Eu lhe imploroSe fores embora eu choroNão te separes de mim

Felicidade

Para que tanta ambição, tanta vaidade?Procurar uma estrela perdidaQuase sempre o que nos dá felicidadeSão as coisas mais simples da vida Felicidade é uma casinha simplesinhaCom gerânios, em flor na janelaUma rede de malha branquinhaE nós dois a sonhar dentro dela (Ai, ai, ai, isto é tão pouco, minha nega)Ai, ai, ai, mas pra mim […]

Seu Libório

Seu Libório tem três vizinhas Manon, Margot e Fru-fruSaem todas as tardinhasCarregando o seu LuluNinguém sabe o que elas fazemPorém todo mundo dizQue Seu Líbório é quem mandaAh!,Como o Libório é feliz A Manon é mais lourinhaQue boneca de ParisA Margot é queimadinhaPelo sol do meu paísA Fru-fru tem um sinalzinhoNa pontinha do narizO Seu Libório […]

Vozes da seca

Seu doutô os nordestino têm muita gratidãoPelo auxílio dos sulista nessa seca do sertãoMas doutô uma esmola a um homem qui é sãoOu lhe mata de vergonha ou vicia o cidadão É por isso que pidimo proteção a vosmicêHome pur nóis escuído para as rédias do pudêPois doutô dos vinte estado temos oito sem chovêVeja […]

Respeita Januário

Quando eu voltei lá no sertãoEu quis mangar de JanuárioCom meu fole prateadoSó de baixo, cento e vinte, botão preto bem juntinhoComo nêgo empareadoMas antes de fazer bonito de passagem por GranitoForam logo me dizendoDe Taboca à Rancharia, de Salgueiro à Bodocó, Januário é o maior!E foi aí que me falou meio zangado o véi […]

Paraíba

Quando a lama virou pedraE Mandacaru secouQuando a ribaçã de sedeBateu asa e voouFoi aí que eu vim me emboraCarregando a minha dorHoje eu mando um abraçoPra ti pequenina Paraíba masculinaMuié macho, sim sinhô Eita pau pereiraQue em princesa já roncouEita ParaíbaMuié macho sim sinhô Eita pau pereiraMeu bodoque não quebrouHoje eu mandoUm abraço pra […]

Orgulho de um sambista

Você falou que junto comigo não mais desfilavaSe a minha escola perdesse, você não ligavaVocê falou que junto comigo não mais desfilavaSe a minha escola perdesse, você não ligava Ensaiei, fiz o meu samba-enredoPra minha escola ganharE na ala de porta-bandeiraVocê não quis desfilar Meu povo inteiro chorou e você sorriaPois trocou nossa escola de […]

Xote dos cabeludos

Atenção senhores cabeludosAqui vai o desabafo de um quadradão Cabra do cabelo grandeCinturinha de pilãoCalça justa bem cintadaCosteleta bem fechadaSalto alto, fivelão Cabra que usa pulseiraNo pescoço medalhãoCabra com esse jeitinhoNo sertão de meu padrinhoCabra assim não tem vez nãoNão tem vez nãoNão tem vez não No sertão de cabra machoQue brigou com LampiãoBrigou com […]

Qual foi o mal que eu te fiz

DizQual foi o mal que eu te fiz?Eu nãoTe farei essa ingratidãoFoi um palco contra nossa amizadeNão creias, não pode ser verdade Não creias nestas mentirasQue roubam nossa alegriaOs invejosos se vingamArmados de hipocrisia A mentira infelizmenteO mais forte amor destróiMas se eu não tenho remorsoO meu coração não dói DizQual foi o mal que […]

Quem ri melhor

Pobre de quem já sofreu nesse mundoA dor de um amor profundoEu vivo bem sem amar a ninguémSer infeliz é sofrer por alguémZombo de quem sofre assimQuem me fez chorarHoje chora por mimQuem ri melhor é quem ri no fim Felicidade é o vil metal quem dáHonestidade ninguém sabe aonde estáAcaba mal quem é ruimPois […]

Hino do Esporte Clube Bahia

Somos a turma tricolorSomos a voz do campeãoSomos do povo um clamorNinguém nos vence em vibração Vamos avante esquadrãoVamos serás um vencedorVamos conquistar mais um tentoBAHIA, BAHIA, BAHIA!Ouve esta voz que é teu alentoBAHIA, BAHIA, BAHIA! Mais um, mais um BahiaMais um mais um título de glóriaMais um, mais um BahiaÉ assim que se resume […]

A Casta Suzana

Será você a tal Suzana ! A Casta Suzana… Do posto Seis ?… Coitada ! Como está mudada !… Teve “apendicite” E ficou sem “ite”… Quando conheci Casta Suzana, Nas areias de Copacabana… Era namorada de um “Chinês” Mas olhava assim pra um “Japonês”  Taí ! Deu-se a confusão : Estourou a guerra, China com Japão ! Será, será, será.

Duro com duro

Meu bem, tudo acabadoCada um, para seu ladoNosso amor, não nos convémVocê o que pensa fazE eu, também, não fico atrasÉ sabido que há mal que vem pra bemEm plena liberdadeViveremos à vontadeSem mentira, nem humilhaçãoSer feliz, na aparência,Eu não queroTenha paciência!Nem devo escravizar meu coraçãoSei que você, tem prazerVendo alguém padecerE eu também sou […]

É pra frente que se anda

Tudo acabouMal começouAmor,Agora é a sorte quem mandaVocê não quisMe fazer felizSeja o que Deus quiserË pra frente que se anda Eu nunca desconfieiPorque no seu amor acrediteiO amor dia a dia se complicaQuero entende-lo, não sou capaz Não sei mentir, sem zombarPor isso não me vou sacrificarSou assim, é feitio, que hei de fazerTudo […]

Contos da lua vaga

Esperança vivaQue o sangue amansaVem lá do espaço abertoE faz do nosso braçoUm abrigoQue possa guardarA vitória do sentimento claroVencendo todo medoMãos dadas pela ruaNum destino de luz e amorVem agoraQuase não há mais tempoVem com teu passo firmeE rosto de criançaA maldade já vimos demaisOlhaSempre poderemos viver em pazEm tempoTanto a fazer pelo nosso […]

Canção do mundo novo

Quem sonhouSó vale se já sonhou demaisVertente de muitas geraçõesGravado em nosso coraçõesUm nome se escreve fundoAs canções em nossa memóriaVão ficarProfundas raízes vão crescerA luz das pessoasMe faz crerE eu sinto que vamos juntos Oh! Nem o tempo amigoNem a força brutaPode um sonho apagar Quem perdeu o trem da história por quererSaiu do […]

Sol de primavera

Quando entrar setembroE a boa nova andar nos camposQuero ver brotar o perdãoOnde a gente plantouJuntos outra vez Já sonhamos juntosSemeando as canções no ventoQuero ver crescer nossa vozNo que falta sonhar Já choramos muitoMuitos se perderam no caminhoMesmo assim não custa inventarUma nova cançãoQue venha nos trazerSol de primaveraAbre as janelas do meu peitoA […]

Cochichando (Cochicho)

Murmurando Cochichando Vive sempre A falar mal De mim Sem querer Perceber Que afinal Eu não Eu não sou Mal assim Murmurando Cochichando Quem te ouvirDe pensar é capaz Que o nosso amor Já não tem calor E que não somos Felizes demais Eu sou teu E tu eis só minhaQuem nos conhecer Inveja sentirá De nosso amor Porém Sempre a brigar E a duvidar De um bem querer Transformar Sempre em aflição O que só deve Ser prazer Por […]

Me dá um beijo

Me dá um beijo, tô doidinhoTô doidinho pra te beijar Me dá um beijo com muito carinhoBem gostosinho de se lambuzarDepois me aperta daquele jeitinhoBem safadinho, sem ninguém notar É muito bom, vamos ficar juntinhosPra sempre assim nunca se separarDá outro beijo, beija, meu benzinhoQuanto mais beijo quero beijar Me dá um beijo no meu […]

Destá

DestáEu hei de ver você bater em minha portaDestáÉ sempre assim quem rir por último ri melhorDestáA vida é isso e o mundo dá tantas voltasTalvezEm uma delas você vá me encontrar Olha eu sonhei você chorandoSem saber o que fazerSó porque me viu passandoCom um alguém sem ser você Pra quem não tava ligandoReagiu […]

João e Maria

Quem sabe o canto da genteSeguindo na frentePrepare o dia da alegria.A gente sorriaE tudo era só alegriaNa mesma esperançaFicava de novo criança.Na grande avenidaA vida perdidaO encontro marcadoNo claro da lu – aTudo ficou tão contentePorque minha genteDe novo era povo na rua.E o grande cordãoCantava o refrão que cresciaDa simples cançãoQue era de […]

Pequeno concerto que virou canção

Não Não há por que mentir ou esconderA dor que foi maior do que é capaz meu coraçãoNãoNem há por que seguirCantando só para explicarNão vai nunca entender de amorQuem nunca soube amar.Ah…Eu vou voltar pra mimSeguir sozinho assimAté me consumirOu consumirToda essa dorAté sentir de novo O coração Capaz de amor.

Ana Luiza

SuponhoAna LuizaSe a guarda cochilaEu posso penetrar no casteloE galgar a muralha de onde se divisaO vale, os prados, os matos, os montes,as flores, as fontes, Luiza Ana LuizaEu fiz esta canção pra vocêQue pergunta precisa saberOnde anda LuizaLuizaLuizaLuizaPor quê me negas tanto assim a primavera?Se sabes que a última quimeraExiste no mundo de Ana […]

Uns

Uns vãoUns tãoUns sãoUns dãoUns nãoUns hão deUns pésUns mãos Uns cabeçaUns só coraçãoUns amamUns andamUns avançamUns tambémUns cemUns semUns vêmUns têmUns nada têmUns malUns bemUns nada alémNunca estão todos Uns bichosUns deusesUns azuisUns quase iguaisUns menosUns mais Uns médiosUns por demaisUns masculinosUns femininosUns assimUns meusUns teusUns ateusUns filhos de DeusUns dizem fimUns dizem simE não há […]

Coisa mais linda

Coisa mais bonita é você, assim, justinho você Eu juro, eu não sei por que você.Você é mais bonita que a flor, quem dera, a primavera da flor Tivesse todo esse aroma de beleza, que é o amor Perfumando a natureza, numa forma de mulher Por que tão linda assim não existe, a flor, nem mesmo a cor não existe, E […]

O Que É Sympathia?

 1. Simpatia é o sentimento Que nasce num só momento Sincero no coração; São dois olhares acesos Bem juntos, unidos presos Numa mágica atração. 2. Simpatia são dois galhos Banhados de bons orvalhos Nas mangueiras do jardim; Bem longe às vezes nascidos Mas que se juntam crescidos E que se abraçam por fim. 3. São […]

Penas de Minh’Alma (Penas Del Alma)

Entre copos e copos acabei minha vidaSempre chorando teu falso amorNegras lembranças me trás tuas mentirasEu bebo agora um copo de dor Trago pena em minh’almaJá não posso viverTraíste quem te amavaPor isso deve sofrer Queira Deus que te paguemCom a mesma traiçãoAssim verás como é tristeZombar de um coração Pra seguir os teus passos […]

A moda da japonesa

Conheço uma japonesaEla é a princesa da minha cidadeEla é pequenininha muito bonitinhaLinda de verdade Com a boquinha cor de rosaE vestido rodadoEla passa requebrando toda sorridenteOlhando de lado Me dá uma tremedeiraCanto essa rancheiraTodo atrapalhado ArigatôGarantido tôMas e se eu não tôEu também não tô Ela é japonesa?Sim senhor uéE você gosta dela?Ela não […]

A moça que dançou com o diabo

Numa sexta feira santaHá muitos anos atrásNa cidade de são carlosPublicaram nos jornais,Uma moça muito rica,Contrariou o gosto dos pais,Num baile que fez em casa,Ela dançou com o satanás. Quando o baile começouRegulava as nove horasChegou um moço bem vestido,Arrastando um par de esporas,Dando viva para o povo,Como vai minha senhora!Quero conhecer a festeiraPorque estou […]

Roubei uma casada

Comprei um carro na praçaEstava bem conservadoTinha quatro pneu novoQue pouco tinha rodadoDei um repasso no freioPra viajar mais sossegadoPus gasolina no tanqueE saí aceleradoPra roubar uma casadaQue eu já tinha combinado Em frente a casa delaEu pus o carro na calçadaDei um toque na businaEla saiu na sacadaAssim que ela me viuCorreu descendo a […]

Juramento

Por uma desilusão que eu tiveO meu rincão um dia deixeiSentindo a dor da ingratidãoPara bem longe então eu mudeiEu fui viver em outras paragensE até hoje nunca volteiEnquanto lá estiver uma pessoaNem os meus pais eu não reverei. Vivo sentindo grande saudadeMas não esqueço o que jureiSe eu voltar para o meu rincãoUm criminoso […]

Atraente

Rebola bola e atraente vaiEsmigalhando os corações com o péE no seu passo apressadinho, tão miúdo, atrevidinhoVai sujando o meu caminho, desfolhando o mal-me-quer Se mal me quer, seja se quer ou nãoBem reticente, ela só faz calarEla é tão falsa e renitente que atéAtrai só com o seu pensar Como é danada, perigosa, vaidosa, […]

Tendência

Não, pra que lamentarO que aconteceuEra de esperarSe eu lhe dei a mãoFoi por me enganarFoi sem entenderQue amor não pode haver Sem compreensãoA desuniãoTem de aparecerE aí estáO que aconteceuVocê destruiuO que era seu Você entrou na minha vidaUsou e abusou fez o que quisAgora se desesperaDizendo que é infelizNão é surpresa pra mimVocê […]

Samba de roda pra Salvador (não chora meu bem)

Não chora, meu bemNão chora, meu bemNão chora, meu bemQue dias melhores já vemNão chora, não, meu bemNão chora, não, meu bemNão chora, não, meu bemQue dias melhores já vem Foi assim que meu amorConseguiu me convencerIr pro Rio de JaneiroDeixei o meu SalvadorEu parti, parti chorandoSufocando a minha dorParti, parti chorandoSufocando a minha dor […]

Acreditar

Acreditar… eu nãoRecomeçar… jamaisA vida foi … em frenteVocê simplesmente não viu que ficou … pra trás Não sei, se você me enganouPois quando você tropecouNão viu o tempo que passouNão viu que ele me carregavaE a saudade lhe entregavaO aval da imensa dorE eu que agora moro nos braços da pazIgnoro o passado que […]

Três da madrugada

Três da madrugadaQuase nadaA cidade abandonadaE essa rua que não tem mais fimTrês da madrugadaTudo e nadaA cidade abandonadaE essa rua não tem mais nada de mimNadaNoite, alta madrugadaEssa cidade que me guardaQue me mata de saudadeÉ sempre assimTriste madrugadaTudo e nadaA mão fria, a mão geladaToca bem de leve em mimSaibaMeu pobre coração não […]

Todo dia é dia D

desde que saí de casatrouxe a viagem de voltagravada na minha mãoenterrada no umbigodentro e fora assim comigominha própria conduçãotodo dia é dia delapode não ser, pode serabro a porta e a janelatodo dia é dia D há urubus no telhadoe a carne seca é servidaescorpião encravadona sua própria feridanão escapa, só escapopela porta da […]

Tome nota

por todas as ruasonde ando sozinhocom vocêe vocêse é que se lembra(se lembra)olha assim pra mimcomo capa de revistapelo rabo-do-olhode artista,e sorri. eu acho tudo muito legalmas a verdadeé que o nome normal disso aíés-a-u-d-a-d-e;pois bem:sei que vou sozinhosei que vou também sozinhomas aconteceque pareceque vocêé como se é que fosseo próprio meu caminho.

Ogum

Eu sou descendente ZuluSou um soldado de OgumUm devoto dessa imensa legião de JorgeEu sincretizado na féSou carregado de axéE protegido por um cavaleiro nobre Sim, vou na igreja festejar meu protetorE agradecer por eu ser mais um vencedorNas lutas, nas batalhasSim, vou no terreiro pra bater o meu tamborBato cabeça e firmo ponto sim […]

Não mais disso

Eu não sei se ela fez feitiçoMacumba ou coisa assimEu só seiQue eu tô bem com elaA vida é melhor prá mim… Eu deixei de ser pé-de-canaEu deixei de ser vagabundoAumentei minha fé em CristoSou bem-quistoPor todo mundo…(2x) Na hora de trabalharLevanto sem reclamarAntes do galo cantarJá vou!À noite volto pro larPrá tomar banho e […]

Volta meu amor

Foi embora o meu grande amor Fiquei tão sozinho, sem um carinhoNeste mundo senhor Não deiza criador eu sofrer assim Faça voltar este amor pra mim Volta, volta, meu amorQuero sentir novamente seu calor Volta, volta, meu amorQuero sentir novamente o seu calor Vem para os meu braços não me diga mais adeus Eu só quero ouvir amor dos lábios teus O teu […]

Só seu amor não vá embora

Todas as lembranças suas eu desfizSofro quando lembro que já fui felizSuas fotos e presentes joguei foraAh! Ah!Só seu amorSó seu amor não vai embora Tentei me iludir achando que podiaEsquecer você da noite pro diaEu não consegui, tá pior agoraAh! Ah! Ah!Só seu amorSó seu amor não vai embora Essa paixão é doidaEm mim […]

Chico Mulato

Na volta daquela estradaEm frente aquela encruzilhadaTodo ano a gente viaLá no meio do terreiro A imagem do Padroeiro São João de Freguesia De um lado tinha fogueiraEm redor, a noite inteiraTinha caboclo violeiroE uma tal de Teresinha Cabocla bem bonitinhaSambava neste terreiro Era noite de São JoãoTava tudo no serãoTava tava Ramão, o cantadorQuando foi de madrugadaSaiu […]

Chalana

Lá vai uma chalanaBem longe se vaiNavegando no remansoDo rio Paraguai Oh! Chalana sem quererTu aumentas minha dorNessas águas tão serenasVai levando meu amor Oh! Chalana sem quererTu aumentas minha dorNessas águas tão serenasVai levando meu amor E assim ela se foiNem de mim se despediuA chalana vai sumindoNa curva lá do rio E se […]

Moça boiadeira

Fui negociá uma vacadaNa fazenda CorredêraEu levei cinco peãoCapataz Chico Noguêra Nóis cheguemo na fazendaNa tarde de quinta-feiraDe noite fumo drumiPra aliviar a canseira Levantemo bem cedinhoPra vê as vaca na manguêraNa hora da marcaçãoAcendemo uma foguêra Tinha uma tipo mestiçaPerigosa e derradêraTava cos óio vermeioSortando uma faisquêra Quando eu bati o marcadôSó vendo que […]

Cortando estradão

Montado a cavalo, cortando o estradão,Assim é a vida que leva um peão,Não tenho morada, não tenho rincão,E não tenho dona no meu coração. Montar burro bravo, é minha paixão,Não encontro macho que jogue eu no chão,Pra jogar um laço, também sou dos bons,Em qualquer rodeio eu sou campeão ! Ai, como é bom viver […]

Caboclo na cidade

Seu moço eu já fui roceiroNo triângulo mineiroOnde eu tinha o meu ranchinhoEu tinha uma vida boaCom a Isabel minha patroaE quatro barrigudinhosEu tinha dois bois carreirosMuito porco no chiqueiroE um cavalo bom arreadoEspingarda cartucheiraQuatorze vacas leiteirasE um arrozal no banhado Na cidade eu só iaA cada quinze ou vinte diasPra vender queijo na feiraE […]

Amor de índio

Tudo que move é sagradoE remove as montanhasCom todo cuidado, meu amorEnquanto a chama arderTodo dia te ver passarTudo viver ao teu ladoCom o arco da promessaNo azul pintado pra durar Abelha fazendo melVale o tempo que não voouA estrela caiu do céuO pedido que se pensouO destino que se cumpriuDe sentir teu calorE ser […]

Encontros e despedidas

Mande notíciasDo mundo de láDiz quem ficaMe dê um abraçoVenha me apertarTô chegando… Coisa que gosto é poder partirSem ter planosMelhor ainda é poder voltarQuando quero… Todos os dias é um vai-e-vemA vida se repete na estaçãoTem gente que chega prá ficarTem gente que vaiPrá nunca mais… Tem gente que vem e quer voltarTem gente […]

Teu olhar, teu andar

Teu olhar! (Ah! Ah!)Ah! Esse teu olhar (Ah! Ah!)Vive a me convidarPra que? Não sei Teu andar! (Ah! Ah!)Ah! Esse teu andar (Ah! Ah!)Vive a me convidarPra que? Não sei Você não tem coragem de falarEntão me mata com olharVocê não tem coragem de me chamarEntão balança pra me atormentar Esse teu olhar é angelicalMas […]

Um romance que ninguém leu

Sim, você disse que euEm relação a vocêSou uma fonte que já secouUm perfume que não cheirouUm romance que ninguém leuUma chuva que não molhouA semente que não nasceu Mas eu não vou me entregarE, pra você, vou mostrarQue um deserto de muitos anosTransformou-se num oceanoE onde antes havia espinhosHoje planta-se muitas floresIsso você não […]

Tô te filmando (sorria)

Toda vez que eu vejo vocêSinto uma coisa diferente.Toda vez que eu penso em vocêTe vejo nos meus sonhos tão carente.Por que você não cola do meu ladoEsquece os grilos todos do passadoVem comigo e tenta ser felizPare de dizer ta tudo erradoDeixa eu logo ser seu namoradoO resto o destino é quem diz (Refrão)Sorria […]

Nunca vou deixar você

Não mudou nada em mimTenho os mesmos amigosAs mesmas maniasEu não troco de timeNem santo, nem guiasSou fiel até mesmoAo fazer fantasias Meu coração é assimSó quer o teu amorPular a cerca, eu puleiMas só você eu ameiErrar, eu já erreiMas pra você eu volteiTransar eu já transeiMas com você que eu fiquei Você é […]

Cartão postal

Ê! Pelourinho não é maisÊ! Pelourinho não é mais nãoÊ! Pelourinho não é mais sim Pelourinho não é mais aqueleOlha a cara delePelourinho não é mais aqueleOlha a cara deleVocê não fica à toaTem muita gente boaVocê não fica à toaTem muita gente boa Aqui tudo mudouSão 15 anos que brilhouAqui tudo mudouSão 15 anos […]

Noite Preta

Luzes da cidadeMeus olhos não aguentam maisLuzes artificiaisE cadê a noite preta?Eu saio da cidadeProcuro só a escuridãoA purificação na calada da noiteDa noite preta Calada noite preta, noite pretaCalada noite preta, noite pretaCalada noite preta! Fecho os meus olhosA caverna e o coraçãoPerdidos entre um sim e um nãoNa calada da noite pretaDeus, Deus, […]

É o amor

Eu não vou negarQue sou louco por vocêTô maluco pra te verEu não vou negar Eu não vou negarSem você tudo é saudadeVocê traz felicidadeEu não vou negar Eu não vou negarVocê é meu doce melMeu pedacinho de céuEu não vou negar Você é minha doce amada, minha alegriaMeu conto de fadas, minha fantasiaA paz […]

Cada volta é um recomeço

Mais uma vezMeu coração esquece tudo que você me fezE eu volto pra esse amor insano sem pensar em mimPra recomeçar, já sabendo o fim Mas é paixãoE essas coisas de paixão não tem explicaçãoÉ simplesmente se entregar deixar acontecerEu sempre acabo me envolvendo com você Nesses desencontros eu insisto em te encontrarComo se eu […]

Adelaide (You Be Illin)

Andava na rua à noite totalmente sóVez ou outra via coisas em bancas de jornalPensava na gaja, sem motivo me deixouQuando de repente ouvi alguém pequeno gritaireQualquer cola? Poesia? Mariola? Quem vai?Ah! Quem vai? E perguntei a ela: O que fazes aqui? Hein, hein?Ela disse, faminta: Tentando te esquecer!Não faça teatro, chegue perto de mimQual […]

Nosso louco amor

Nosso louco amorestá em seu olharquando o adeusvem nos acompanharSem perdão não hácomo aprender e errarMeu amor, vem me abandonar Já foi assimmares do sulentre jatos de luz,beleza sem dora vida sexualdos selvagensAgora aquipassou a dorna rua a luzda cidade iluminanosso louco amor (trecho cantado utilizando um vocoder)Nosso louco amor é mais que um lance de […]

Quando gira o mundo (Que no Se Acabe El Mundo)

Tudo, tudoPode acontecerFeche os olhosSolte o seu prazerQuando o sonho trazA vida traz Tudo, tudoPode o amor ganharPasse o tempoPasse o que passarA noite vemO dia vai Quando gira o mundoE alguém chega ao fundoDe um ser humanoHá uma estrela soltaPelo céu da bocaSe alguém dizTe amo!E uma esperançaDesce juntoCom a madrugadaComo o sol surgindoCada […]

Baila comigo

Se Deus quiserUm dia eu quero ser índioViver pelado, pintado de verdeNum eterno domingoSer um bicho preguiçaEspantar turista E tomar banho de solBanho de sol!Banho de sol!Sol! Se Deus quiserUm dia acabo voandoTão banal assim como um pardalMeio de contrabandoDesviar do estilingueDeixar que me xingue E tomar banho de solBanho de sol!Banho de sol!Banho de […]

Arrombou a festa

Ai, ai, meu DeusO que foi que aconteceuCom a Música Popular Brasileira?Todos falam sérioTodos eles levam a sérioMas esse sério me parece brincadeira Benito lá de Paula com o amigo Charlie BrownRevive em nosso tempo o velho e chato SimonalMartinho vem da Vila lá do fundo do quintalTornando diferente aquela coisa sempre igualUm tal de […]

Fio maravilha

E novamente ele chegou com inspiração. Com muito amor, com emoção, com explosão em gol. Sacudindo a torcida aos 33 minutos do segundo tempo,Depois de fazer uma jogada celestial em gol. Tabelou, driblou dois zagueiros. Deu um toque driblou o goleiro. Só não entrou com bola e tudoPorque teve humildade em gol. Foi um gol […]

Não Dá Mais Pra Segurar (Explode Coração)

Chega de tentar dissimular e disfarçar e esconderO que não dá mais pra ocultar e eu não posso mais calarJá que o brilho desse olhar foi traidorE entregou o que você tentou conterO que você não quis desabafar e me cortou Chega de temer, chorar, sofrer, sorrir, se darE se perder e se achar e […]

Um grande amor (I Knew Right Away)

Eu logo notei no seu meigo olharQue um grande amor ia começarVocê me sorriu e depoisTomou minha mão e falou baixinhoQue precisava falar comigoSobre o amor eu noteiAmor eu já sei que você me temPois meu coração já é seu tambémA vida é tão bela pra nósJuntinhos seremos assimVocê vivendo pra mim e eu só […]

Se acaso você chegasse

Se acaso você chegasseNo meu chateau e encontrasseAquela mulher que você gostouSerá que tinha coragem De trocar nossa amizadePor ela que já lhe abandonou? Eu falo porque essa dona Já mora no meu barraco À beira de um regatoE de um bosque em florDe dia me lava a roupaDe noite me beija a bocaE assim nós vamos vivendo […]

Enigma

Quis conter-me mas não pudeRevoltado com a atitudeDessa gente “original” Que pensa ser incomumE julga todos por umE prega sem ter moral Insensatos pregadoresEsses cruéis detratoresAgem quase sempre assim São imbecis personagensMolares das engrenagensQue vão roubá-la de mim Nas suas opiniõesEu tenho dois coraçõesCada qual amando mais Diz alguém mais “entendido”Que eu tenho um só […]

Suave é a noite (Tender Is The Night)

É tão calma a noiteA noite é de nós doisNinguém amou assimNem há de amar depois Quando o amanhã nos separarEm nossa lembrança hão de ficarBeijos de verãoTernuras de luarA brisa a murmurarSua canção Tudo tem suave encantoQuando a noite vemA noite é só nossaNo mundo não há mais ninguém Beijos de verãoTernuras de luarA […]

Paraíba

Êta! Êta!Muié macho, sim, sinhô Quando a lama virô pedraE mandacaru secôQuando a ribaçã, de sedeBateu asas e vooEu entonce vim-me emboraCarregando minha dorHoje eu mando um abraço pra ti, pequenina Paraíba masculinaMuié macho, sim, sinhô Êta, pau-pereiraQue em princesa já roncô!Êta, paraíba!Muié macho, sim, sinhôÊta, pau-pereiraMeu badoque num quebrôHoje eu mando um abraço pra […]

Recusa

Esta dor que deixaste em minha almaCom tanta indiferençaEu não posso afasta-la sequerUm momento de mimQuanto mais me desprezasMais quero sentir tua presençaNão consigo esquecer-te, meu deus,Por que sofrer assim ?Sem motivo nenhumTu recusasUm amor tão sinceroSem motivo nenhumAbandonas a felicidadeA minha vida é uma vidaDe mágoa, de dor e descrençaE eu sofro, ao sentir […]