3o do Plural  Engenheiros do Hawaii

A letra pergunta: quem são eles? quem eles pensam que são? Mas não responde. Na verdade o escritor faz um desafio a "eles", como se as pessoas um dia fossem acordar e dizer: quem voces pensam que são? Não vão. Eles sabem bem quem são, eles estão lá há muito tempo e vão continuar, eles estão acima da discussão acerca de regimes políticos, diferenças culturais, econômicas, sociais, etc. O escritor não sabe precisar quem são eles, mas sabe que estão lá, por detrás da cena, os seus nomes não estão escritos, mas eles controlam eu e você. A letra termina com "vedar os olhos.... eles não querem te deixar pensar", e acerta, pois apesar de hoje ser o momento da história onde nós temos, em tese, o maior potencial de adquirir conhecimento, aprendizado e informação, o que acontece de fato é que todos estamos mais alienados do que nunca, mais cegos, mais isolados e suscetíveis às idéias implantadas por "eles" através dos "meios de informação". Nós estudamos mais do que antigamente, trabalhamos mais, e pensamos o tempo todo nos "problemas" impostos pela rotina. Além disso, nos divertimos engolindo as idéias colocadas goela abaixo pela TV, PC, internet, sites de toda espécie, que passam a integrar nosso sistema de valores e como nós nos enxergamos e entendemos os outros. Em suma, passamos a viver numa sociedade com valores "impostos", feitos sob medida para a cabeça de cada um, e que guiam nossa percepção dos direitos humanos, direitos individuais e de nossas liberdades individuais. Tornamo-nos um poço de " necessidades fabricadas", valores deturpados, focados no "eu", nas nossas vontades, cheios de direitos e de liberdade para ser e fazer o que bem entender, sem interferência dos demais. Qualquer um que traga discurso contrário à essa liberdade é tomado de plano como ignorante, atrasado ou preconceituoso, e assim não somos mais do que bonecos de ventríloquo, repetidores de críticas televisionadas, pensadores de idéias engessadas e implantadas, e preconceituosos contra qualquer um que não seja mais um de nós. No fim, refletimos menos e pensamos menos, conversamos menos e somos menos críticos com relação ao verdadeiro problema. A pergunta é, na verdade, quem nós somos? Somos uma grande boiada, massa de manipulados, que fala diversas linguas, e mora em lugares e países diferentes, mas que sucumbimos e nos prendemos pelas mesmas rédeas lançadas sobre todos. E como não fazer parte disso, ora, acreditem ou não, conheçam ou não, Jesus Cristo é a resposta. Não esse "jesus" mercadoria que se vende hoje em dia, como parte do sistema voltado a desmoralizar o verdadeiro Cristo. É viver de acordo com sua vontade que nos faz pensar menos em nós e mais nos outros, nos permite filtrar as idéias que nos tentam implantar e nos permite ver através dessa realidade programada que nos cega.

(0)
Leia mais

Capitulo 4, Versiculo 3  Racionais Mcs

Ele critica tanto o governo que se uniu ao pior governo da história desse país (http://goo.gl/2w112j). Já gostei muito de Racionais, acompanhava desde sua primeira aparição na rádio "Projeto Rap Brasil", que lançou eles para fama, mas percebi que as letras parecem ter saído do PSOL, vitimização dos negros, culpando os ricos pelos pobres existirem, justificando e incentivando crimes pela condição social. Vale lembrar que eles personificam as mulheres como algo descartável e não confiável. Realmente não é uma letra vazia, mas pouco se aproveita em toda discografia.

(0)
Leia mais

Canto Para Minha Morte  Raul Seixas

Concordo com o Thiago, a morte ocorre uma única vez e por tomarmos consciência disso nós humanos criamos muita expectativa geradora de estresse. Para lidarmos com isso sem nos perturbarmo em demasia, e não abreviarmos nossa vida prematuramente é bom ouvirmos opiniões de pensadores gênios como o Raul.

(0)
Leia mais

Homem Que Sabia Demais  Skank

Fala de alan turing . O cara q quebrou o códigos de criptografia nazistas na segunda guerra. Pos guerra foi humilhado por assumir publicamente sua condição de homossexual. Veja o livro um homem que sabia demais

(0)
Leia mais

1406  Mamonas Assassinas

Essa música é uma crítica ao consumismo, o nome da música é uma referência ao número (011) 1406 que era de um programa na tv daquela época que vendia um monte de tranqueira como é citado na música. A parte do xuxa e o pelé é uma forma de dizer que o brasileiro é ferrado, pode estar chovendo xuxa mas no colo do brasileiro pobre sempre cai Pelé. Não tem racismo ai.

(0)
Leia mais

Jesus Chorou  Racionais Mcs

o começo é óbvio é uma charada , quando ele diz , o que é , o que é clara e salgada cabe no olho e pesa uma tonelada , o que quer dizer é a lágrima ela é salgada como água do mar ela é clara é tão pequena mais o fardo o peso dessa dor é tão pesada como uma tonelada ..... cocaina nada a ver ......

(0)
Leia mais

Toca Raul  Zeca Baleiro

Todo artista fica contrariado quando está mostrando sua obra e as pessoas ficam pedindo obras de outros artistas... Porém, como não se está falando de um artista qualquer, Zeca teve a grande sacada de compor Toca Raul, e além de homenagear o grande Raul Seixas, trata com bom-humor, no início, até algumas provocações. Digo no início porque atualmente Zeca até já gravou música do Raul, e essa música passou a ser tocada em quase todos o shows desse valoroso artista!

(0)
Leia mais

Sociedade Alternativa  Raul Seixas

Há uma conradição na análise do Gedielson, quando diz que o trecho "tomar banho de chapéu ", remete a um momento em que ele estava tendo uma visão obscura de estar sendo resgatado pelas forças ocultas, e entrou debaixo do chuveiro... de fato, isso foi relatado por ele -também, no livro "As Valkírias ", mas neste, ele deixa claro que isso aconteceu APÓS o estrondoso sucesso da música . Logo, não poderia ter inspirado a mesma.

(0)
Leia mais

Eu Te Devoro  Djavan

Boa Gabriel! Nada como um video para desmistificar as coisas... Agora, minha gente, não sejamos obtusos! Não precisam ser literais, isso se chama licença poética. Djavan certamente quiz dizer com "eu te devoro" algo que foge do dicionario, sem um contexto canibalistico ou necessariamente sexual. Seria mais uma coisa dos apaixonados, fissurados emalguem ou algo, como quem começa a ler um livro e não quer largar mais. Mas, quem já foi "devorado" por um par de olhos desconcertante (como os do Leo Di Caprio), deve entender do que fala Djavan. Quem nunca foi, só lamento kkkkk PS: essa discussão foi reascendida com uma entrevista que Leo deu à Folha (http://www1.folha.uol.com.br/serafina/2016/03/1735033-coma-mao-no-oscar-dicaprio-ouve-jorge-ben-jor-e-procura-djavan.shtml?cmpid=twfolha). Se nem a gente entende, imaginem explicar pro próprio!

(0)
Leia mais

Uma brasileira  Paralamas Do Sucesso

Partindo do pressuposto de que onde há palavra, há interpretação. Seja esta, polissêmica ou não, o fato de o colega ter interpretado, como interpretou não tem problemas algum. Eu não sei o que o Hebert e o Brown quiseram dizer, mas no conjunto, eu interpreto da seguinte maneira: A canção fala de uma relação entre duas pessoas, onde para uma dessas pessoas, o cara ou a menina era tudo para ele (a), no início. Porém, com o passar do tempo, ele(a) percebe que ele(a), é como todos os outros e ainda mora longe, mas incendeia ele ou ela :) Ele pede para ela deixar as coisas como estão, por isso diz: Deixa o sal no mar, mas ele não esquecerá dela ou vice-versa, pois sempre se lembrará através da canção. Depois ele diz: Esse Ão de são, hei de cantar naquela canção...Ou seja, toda vez que cantar ele se lembrará. A parte do interior do milho: não vejo como a espiga sendo a parte que não serve mais e sim uma demostração para dizer que são iguais. Embora um possa estar perto do mar e outro no interior,

(0)
Leia mais

Acima Do Sol  Skank

Eu acredito que a música retrata uma conversa entre amigos, onde um acaba de se separar de sua namorada a quem nunca deu valor e seguindo disso o seu amigo lhe dá conselhos. Porém, pude perceber outra interpretação que ninguém citou aqui. Pode ser também que um dos amigos se separou da namorada ou esposa e ficou em depressão sem olhar pros lados " vc nunca olha sua a sua volta " com pensamentos sempre negativos e não quer saber de mais ninguém a não ser essa pessoa. "Assim ela já vai achar um cara que lhe queira como vc não quis fazer " ela vai atrás de outro alguém q goste dela... E ele só pensa nela e não busca mais ninguém que possa gostar dele também.

(0)
Leia mais

7 Vezes  Rappa

Jeff Ferreira discordo do ultimo trecho da sua análise onde vc diz: E nos 7 CDs do Rappa, sempre teve o nome de Yuka, nos primeiros que ele participou, e nos demais como forma de agradecimento, dizendo YUKA irmão tu faz parte do Rappa! Tiraram ele da banda no pior momento da vida dele, foi uma puta sacanagem o que fizeram.

(0)
Leia mais

Vida Louca Vida  Cazuza

Essa música ele escreveu quando soube que tinha contraído o vírus da HIV, após o diagnóstico da doença ele escreveu essa música, como uma forma de despedida, no filme mesmo na cena final ele canta essa música quando está próximo da morte.

(0)
Leia mais

3 minutos  Engenheiros do Hawaii

Juntando os comentários de Nikolas e Cochise, a letra tem relação com as bandas que querem se expressar, fazer músicas originais, mas a indústria fonográfica limita essa criação. "Músicas profissionais" devem durar cerca de 3 min para poder vender no rádio e televisão.

(0)
Leia mais

A Perigo  Engenheiros do Hawaii

Concordo com a Mariana Maia, pois parece fazer maia sentido. Estava tudo indo bem, banda no auge com uma carreira promissora a frente; de repente brigam, se dividem e a banda corre o risco de acabar, mas ele (HG) continua em frente, insistindo em tocar e manter a banda em sua trajetória.

(0)
Leia mais

Carimbador Maluco  Raul Seixas

O cara mais inteligente da música brasileira. Não existe ou ainda vai existir alguém perto da sua capacidade intelectual. Sinto me muito bem ao escutar suas músicas e perceber o quanto suas músicas tem sentido. Porra Raul, era para você está aqui com a gente ainda. Tenha certeza que você desempenhou bem o seu papel e ajudou muitas pessoas com suas músicas. Vamos atrás da essência da vida que é o mais importante. Obg Raul!!!

(-1)
Leia mais

O Pouco Que Sobrou  Los Hermanos

As pessoas vêem tudo no amoroso... Gente, por favor! Escutem de novo e vejam a dor que se tem nesta música! Agonia de quem vive com dor existencial! Depressão! “Eu cansei de ser assim Não posso mais levar Se tudo é tão ruim Por onde eu devo ir? A vida vai seguir Ninguém vai reparar Aqui neste lugar Eu acho que acabou Mas vou cantar Pra não cair Fingindo ser alguém Que vive assim de bem" Aí mostra claramente uma pessoa descontente de quem é! "Eu cansei de ser assim". Pode ser descontente pela a aparência, por se ter tornado uma pessoa fraca, fria ou muito libertina, por ser uma pessoa sem controle emocional, uma pessoa que sente a vida amarga; em suma: alguém com depressão. Algo (depressão) que acarreta a infelicidade do eu-lírico. Algo tão forte que ele simplesmente "NÃO PODE MAIS LEVAR" a vida adiante - pensamento suicida -, pois isto - a infelicidade de ser quem é - faz "TUDO TÃO RUIM" - acordar, comer, andar... A vida se transforma em um fardo, e eu-lírico não sabe o que fazer - "PARA ONDE DEVO IR"? Não vendo alternativas para esta dor, tamanha agonia de infelicidade e de estar perdido, o suicídio é algo que tremula na cabeça daquele que se pronuncia. Ele diz a si mesmo que isto é a melhor alternativa, que as pessoas que o amam vão superar a dor da sua perda - "A VIDA (das pessoas que amam) VAI SEGUIR" - e que, depois de certo tempo, estas pessoas vão se acostumar com ele não existindo e esquecendo dele, do caixão e do corpo dentro dele, pois é apenas um corpo, não mais ele - "NINGUÉM VAI REPARAR AQUI NESTE LUGAR (caixão) -, então ele se mata - "EU ACHO QUE ACABOU"... ou será que não? No próximo verso, o eu-lírico, mesmo com tamanha vontade de morte, ainda tenta viver... viver " FINGINDO SER ALGUÉM QUE VIVE ASSIM DE BEM" com vida. Consegue se pegar a algo momentâneo para ficar "melhor" - pega na música, no cantar, para tentar seguir em frente (um placebo), para não cair na tentação da morte - "MAS VOU CANTAR PRA NÃO CAIR". "Eu não sei por onde foi Só resta eu me entregar Cansei de procurar O pouco que sobrou Eu tinha algum amor Eu era bem melhor Mas tudo deu um nó E a vida se perdeu Se existe Deus, em agonia Manda essa cavalaria Que hoje a fé Me abandonou" Novamente a crise... Mesmo cantando, para se sentir melhor, o eu-lírico ainda se sente perdido; não sabe quem é si mesmo, pois perdeu a si mesmo - o outro "eu" de fé, de vontade de viver ("EU NÃO SEI POR ONDE FOI") -, então o que fazer? "SÓ RESTA SE ENTREGAR". Não tem mas jeito! "Viver" a vida em busca de pequenas coisas para seguir em frente, ficar olhando para si mesmo e TENTAR ver o que se tem de melhor bem no FUNDO do ser... Cansa "PROCURAR O POUCO QUE SOBROU". Quem se fala " TINHA ALGUM AMOR " pelo mundo, pelas pessoas ou até mesmo por UMA PESSOA, e ele, com o tal do amor, "ERA BEM MELHOR"... mas, de repente, a depressão veio e "TUDO DEU UM NÓ", perdendo o amor pelo mundo, pelas pessoas e A PESSOA, que ele amava, se afastou - ou foi o eu-lírico que parou de amá-la? -, então a "A VIDA SE PERDEU". Agora a parte mais forte da música: mesmo com tudo isto - dor, infelicidade, tristeza, AGONIA - a pessoa que se fala ainda tem fé, embora abalada, e pega nela - assim como cantar - para ir em frente... Talvez por não conseguir tirar a própria vida ele se apega nestas coisas. Mas mesmo com a pouca fé, "O POUCO QUE SOBROU", ainda está pedido... Por que tanto sofrimento? Por que tanta dor? Por que tem que ser com ELE? Alguém pode explicar? Alguém pode ajudar? "SE EXISTE DEUS, eu estou EM AGONIA, Senhor! Manda um sinal, MANDA A CAVALARIA para me salvar, pois HOJE A FÉ ME ABANDONOU e não sei se vou aguentar mais...."

(1)
Leia mais

S.O.S.  Raul Seixas

Vcs inventam cada teoria doida UEHAIEHAIEHEAHIE Vamos pelo obvio. Acho que Raul tentaria passar a mensagem um pouco mais clara do que ficar inventando metaforas e mensagens super escondidas nas musicas. Ai vai então a minha analise da letra: Quando ele fala sobre o domingo, ele ta dizendo sobre a mesmice de todos os domingos. "formigas que trafegam sem porque " nessa frase ele fala da população vista de um lugar alto, seguindo suas vidas rotineiras sem um "porque". " tento uma transmutação " é exatamente oq ta dizendo. O moço do disco voador que ele pede pra levar, são aliens, seres de outros planetas, ele pede pra levarem ele pq ele ve que o povo da terra é muito atrasado, então ele quer sair da terra, quer ir pra um lugar melhor. " e nas mensagens que nos chegam sem parar " < sinais de vida extraterreste, mas ngm liga, pq estão ocupados demais vivendo sua mesmice. " ja fui macaco em domingos glaciais " <programas de tv que ele participou, e com oportunidades boas pra passar mensagens importantes, ele não soube aproveitar Bom eu poderia explicar melhor, mas to com preguiça, mas é basicamente isso ai

(0)
Leia mais

S.O.S.  Raul Seixas

Após Raul deixar a velha Bahia e chegar ao Rio para gravar, ainda em inicio de carreira, se deparou com a rotina levada pelo carioca: Domingo, missa, praia, céu de anil, violência. Ele, em seu alto grau de abstração daquela realidade mediocre, observa a futilidade do mundo material e tenta fugir a partir de sua propria transmutação (evolução do seu estado de espírito). Sintetizando tudo, as musicas de Raul pode ter inumeras interpretacoes dependendo de cada ponto de vista.

(0)
Leia mais

La Belle De Jour  Alceu Valença

Qual o problema da moça, mulher, senhora, ser prostituta, ou deixar de ser? A música cumpriu seu papel, letra bonita, melodia harmoniosa. Mais engraçado é notar que a mesma melodia foi base, mais tarde, de "Girassol". Mesmos acordes, mesmo compasso, dá até pra cantar uma por cima da outra, ou intercalar os versos.

(0)
Leia mais

Maracatu Atômico  Chico Science & Nação Zumbi

"Maracatu Atômico" é de autoria de Nelson Jacobina, falecido em maio de 2012. http://rollingstone.uol.com.br/noticia/morre-aos-58-anos-nelson-jacobina/ A música foi gravada, se não me engano, por Gilberto Gil e Jorge Mautner. Chico Science só tem a melhor das interpretações dela.

(1)
Leia mais

Coração Noturno  Raul Seixas

Essa música é muito boa, ele fala sobre a beleza do universo e a renovação a cada amanhecer (bom dia sol). Em outra parte ele fala que o coração é companheiro dele porque ele assim como todos nós somos espíritos, e esse coração/corpo é companheiro de aventura em cada amanhecer...

(0)
Leia mais

Pra Rua Me Levar  Ana Carolina

Uma composição da Ana com o Antônio Villeroy, super parceiro dela. Feita para a Maria Bethânia. Bom, nessa música o personagem possivelmente está falando de um amor que foi perdido. ______________________________________... "Não vou viver como alguém que só espera um novo amor Há outras coisas no caminho aonde eu vou As vezes ando só, trocando passos com a solidão Momentos que são meus e que não abro mão" Nessa 1ª estrofe, nos 2 primeiros versos, o personagem não quer se preocupar com a solidão, ele pode preencher o vazio com outras coisas na vida, não vai ficar se desgastando. Nos 2 últimos versos ele já expressa que gosta de refletir sozinho sobre as coisas, que isso também é importante para ele. ______________________________________... "Já sei olhar o rio por onde a vida passa Sem me precipitar e nem perder a hora Escuto no silêncio que há em mim e basta Outro tempo começou pra mim agora" Nessa estrofe ele deixa transparecer que aprendeu a lição e que agora já sabe o caminho a seguir; vai recomeçar a vida, fazer diferente, que a vida e as dificuldades lhe mostraram o correto a ser feito. ______________________________________... "Vou deixar a rua me levar Ver a cidade se acender A lua vai banhar esse lugar E eu vou lembrar você" Agora ele vai deixar ser guiado pela vida, deixar as coisas acontecerem naturalmente. E em certos momentos a vida lhe trará lembranças do amor que ele perdeu. ______________________________________... "É... mas tenho ainda muita coisa pra arrumar Promessas que me fiz e que ainda não cumpri Palavras me aguardam o tempo exato pra falar Coisas minhas, talvez você nem queira ouvir" Mas, apesar do que expressa a estrofe anterior, ele diz que ainda é cedo pra tomar uma decisão, ainda há coisas a serem feitas e ele não está preparado para isso no momento. Há coisas para serem acertadas, mas talvez a pessoa que rompeu com ele esse laço amoroso não se importe tanto com isso, provavelmente brincou com seus sentimentos.

(0)
Leia mais

Meu Mundo é o Barro  Rappa

Essa musica tem varias interpretacoes mas para mim conta historia de um migrante provavelmente nordestino "peço licença,eu sou novo aqui" "Não tenho trabalho nem classe" se referindo que trabalha de maneira informal nao tendo reconhecimento de classe trabalhista nem direitos. "Eu tenho fé que um dia vai ouvir falar de um cara que era só um Zé não é noticiário de jornal não é" o eu-lirico acredita que vai vencer na vida e que as pessoas irao conhece-lo ficar famoso porem nao pelos noticiarios (policiais por roubo,crimes,homicidio como q sociedade esperade um cara que era "zé")e sim pq venceu na vida. "Sou quase um cara não tenho cor nem padrinho" foge dos padrões sociais,negro,não tem "conchavos" nao tem conhecimentos politicos nem conhece pessoas influentes. O resto acho que ja vou dito aqui acho que na ultima estrofe dps se falar como ele já "andou errado" agora ele quer acertar a vida e se segura em sua palavra,sua mão e sua lavra ou seja,no seu trabalho ele legitima suas atitudes de um homem agora honesto.

(0)
Leia mais

7 Vezes  Rappa

Olha acredito que possa ter sido feita para o Yuka sim mas que tem um significado subjetivo de cunho religioso "deixa o mundo avisado de teu nome" acho que faz alusão de pregar o nome de Deus,deixar o povo "avisado" levar conhecimento da palavra de Deus para o povo. "Num mundo assim bem grande,7 vezes escrevi seu nome." Acho que se refere aos 7 continentes e que ele teria que levar o nome de Deus aos 7 continentes. Quando fala "castigo será que é obrigatório estudar pra ter?" Pode estar se referindo as pessoas que nao tem "estudo" conhecimento dos ensinamentos da doutrina e questiona se essas pessoas que não tem esse conhecimento merecem ser castigadas pelos seus pecados.

(0)
Leia mais

A sua  Marisa Monte

Que linda música. Pra mim, diz respeito a uma mãe e um filho que vai crescendo e a mãe acaba por deixa-lo livre, mas sempre estará por perto pra tomar conta...

(0)
Leia mais

Velha Infância  Tribalistas

Esse letra fala da paixão de infância de duas crianças fala do verdadeiro amor , sem brigas , ele idealiza sua amada , dizendo que ela é um sonho , ou seja , um sonho que ele está vivendo , e quando não ver sua amada pensa todos os dias , assim como os nossos sonhos ..

(0)
Leia mais

Morena  Los Hermanos

É, morena, tá tudo bem Sereno é quem tem A paz de estar em par com Deus Pode rir agora Que o fio da maldade se enrola Nessa parte ele conforta ela dizendo que a paz, a presenca divina do sentimento estao com a morena, que ela pode sorrir, rir, que a maldade nao os afetam Pra nós, todo o amor do mundo Pra eles, o outro lado Eu digo mal me quer Ninguém escapa o peso de viver assim Nessa parte diz desejando todo amor pra ele e a morena, e os que invejam o outro lado do amor, que é o mal que os desejam e que ninguém sem um amor, escapa do mau sentimento Ser assim, eu não Prefiro assim com você Juntinho, sem caber de imaginar Até o fim raiar Nessa parte diz que ele nao quer estar do outro lado, da ausencia do amor, do sentimento, prefere junto com a morena, sem saber o que vai dar, sem sabee como vai ser. Ja o final raiar tem dois sentidos, o amor e a paz durante o romance, ou a vida toda.

(0)
Leia mais

Morena  Los Hermanos

É, morena, tá tudo bem Sereno é quem tem A paz de estar em par com Deus Pode rir agora Que o fio da maldade se enrola Nessa parte ele conforta ela dizendo que a paz, a presenca divina do sentimento estao com a morena, que ela pode sorrir, rir, que a maldade nao os afetam Pra nós, todo o amor do mundo Pra eles, o outro lado Eu digo mal me quer Ninguém escapa o peso de viver assim Nessa parte diz desejando todo amor pra ele e a morena, e os que invejam o outro lado do amor, que é o mal que os desejam e que ninguém sem um amor, escapa do mau sentimento Ser assim, eu não Prefiro assim com você Juntinho, sem caber de imaginar Até o fim raiar Nessa parte diz que ele nao quer estar do outro lado, da ausencia do amor, do sentimento, prefere junto com a morena, sem saber o que vai dar, sem sabee como vai ser. Ja o final raiar tem dois sentidos, o amor e a paz durante o romance, ou a vida toda.

(0)
Leia mais

Vapor Barato (O Rappa)  Rappa

Vapor barato A música começa com uma declaraçao : "Sim eu estou tão cansado" O eu-lírico não têm mais forças para lutar, mas continua convicto à sua ideologia. Sua mente e vestimenta seguem firme em seu ideal. Quando ele diz: "Eu vou tomar aquele velho navio" significa que ele vai seguir outro caminho, nesse caso caminho da contra-cultura, juntamente com as drogas (vapor barato), isso pois ele cansou de lutar contra a ditadura, então preferiu viver à margem. Fica clara esta decisão quando ele afirma não precisar de dinheiro, entao irá se adaptar a esse novo estilo. Ele também afirma "eu preciso esquecer a minha honey baby" Nesse caso a honey baby é a sua liberdade individual. Então para esquece-la, afasta-se do sistema, e procura alívio nas drogas, que encontra na contra-cultura. "Mas não prá dizer Que eu estou indo embora Talvez eu volte Um dia eu volto Quem sabe! Mas eu preciso Eu preciso esquecê-la…" Como visto no início, ele têm esperança no seu ideal, mas no momento o que ele precisa é esquecer a sua liberdade. Por isso "prende-se" às drogas. Um conforto ilusório, que talvez nao tenha volta, por isso o "talvez eu volte".

(0)
Leia mais

Entre A Serpente E A Estrela  Zé Ramalho

Eu me traumatizei com os arranjos finais da música. Ou seja, tenho até medo, não da letra, mas dos arranjos da música. Tudo isso aconteceu em 03' (tinha 3 anos) se não me engano. Eu tava brincando na sala normalmente, enquanto o rádio tocava, fiquei um pouco amedrontado com o final da musica, que mesmo brincando, eu escutava. Até hoje eu tento tirar a p... desse trauma dessa musica da minha cabeça, apesar de ouví-la (por curiosidade) muitas vezes sozinho. Acho que eu preciso de um banho de sal grosso. rsrsrs

(2)
Leia mais

Ha tempos  Legião Urbana

COM UMA QUIMERA (VIRUS) QUE SE ALIMENTA DE SAL E SE AMBIENTA NA AGUA SALGADA O LEGIAO URBANA PODE ACABAR COM A AGUA DO MAR CONVERTENDO TOTALMENTE O H2O AGUA EM OXIGENIO.E TODA CONVERSAO PODE SER REVERTIDA TAMBEM.

(0)
Leia mais

Ainda e cedo  Legião Urbana

COM UMA QUIMERA (VIRUS) QUE SE ALIMENTA DE SAL E SE AMBIENTA NA AGUA SALGADA O LEGIAO URBANA PODE ACABAR COM A AGUA DO MAR CONVERTENDO TOTALMENTE O H2O AGUA EM OXIGENIO.E TODA CONVERSAO PODE SER REVERTIDA TAMBEM.

(0)
Leia mais

Será  Legião Urbana

TODOS OS COMPONENTES DO CARRO JA ESTAO QUEBRADOS E UM SEGREDO DE GUERRA. QUUANDO SE ENTRA EM ESTE TIPO DE GUERRA ELETRONICA SE ESGOTAM TODAS AS POSSIBILIDADES AS ELETRONICAS LEVAM AO EQUIVOCO NAO IMPORTA O QUE VC FACA A ELETRONICA FARA O RESTO.

(0)
Leia mais