Carne e Osso

Zélia Duncan

3 comentários

Alegria do pecado
Às vezes toma conta de mim
E é tão bom
Não ser divina
Me cobrir de humanidade
Me fascina
E me aproxima do céu…

E eu gosto
De estar na terra
Cada vez mais
Minha boca se abre
E espera
O direito ainda
Que profano
Pro mundo ser
Sempre mais humano…

Perfeição demais
Me agita os instintos
Quem se diz muito perfeito
Na certa encontrou um jeito
Insosso!
Prá não ser de carne e osso
Prá não ser
Carne e Osso!…

Alegria do pecado
Às vezes toma conta de mim
E é tão bom
Não ser divina
Me cobrir de humanidade
Me fascina
E me aproxima do céu…

E eu gosto
De estar na terra
Cada vez mais
Minha boca se abre
E espera
O direito ainda
Que profano
Pro mundo ser
Sempre mais humano…

Pois perfeição demais
Me agita os instintos
Quem se diz muito perfeito
Na certa encontrou um jeito
Insosso!
Prá não ser de carne e osso
Prá não ser
Carne e Osso!
Nã nã nã nã nã nã nã…

Perfeição demais
Me agita os instintos
Quem se diz muito perfeito
Na certa encontrou um jeito
Insosso!
Prá não ser de carne e osso
Prá não ser
Carne e Osso!
Carne e Osso!
Carne e Osso!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 comentários para a letra “Carne e Osso

  1. Maura Caçao disse:

    Oi , sou estudande de pedagogia, escolhi essa musuca carne e osso de Zélia Duncan para reprudizr em slide e apresentar em sala de aula o q diz a musica , eu amo a letra por falar de humanidade, perdão…
    Queria uma idéa, pra explicar atraves de figura e jogando a musica de fundo…me ajudaaaa !!! preciso pra sexta feira…..por favor…eu agradeço…bjuss….Maura Cação !!!

  2. Adriana Evangelista disse:

    A música refere-se aos atos humanos, ou seja, fazemos a o nosso destino e não adianta culpar Deus. Explica através da razão e não da religião, por isso carne e osso…A felicidade é o prazer de errar e aprender e isto que nos torna humanos e a perfeição na vida torna a vida “chata” porque só seguimos regrar determinadas muitas vezes pela religião e não criamos, não erramos e acertamosA aegria do pecado às vezes toma conta de mim…Enfim, errar faz parte da vida e isto que nos torna :humanos..