Ana Carolina

O Rio

Eu vou atravessar o rio a deslizar
Que me separa de você
O tempo atravessa em meu lugar
E deixo pra depois o que eu tinha que fazer
O destino aceito sem dizer sim ou dizer não
Sem entender
E fica a sensação de saber exatamente porque menti
Eu sei de onde vim e pra onde irei ie, ie, ie, ie, ie
Mas com você eu fico sem saber onde estou
Nós dois que sequer nos parecemos
E não cabemos num mesmo espelho
Mas nos olhamos toda manhã
A ferrugem mesmo pouca
Corrói os trilhos
As ruas nos atravessam
Sem olhar pro lado
Estou em você
E fica a sensação de saber exatamente porque menti
Eu sei de onde vim e pra onde irei ie, ie, ie, ie, ie
Mas com você eu fico sem saber onde estou
Eu vou atravessar o rio a deslizar
Que me separa de você
O tempo atravessa em meu lugar
E fica a sensação de saber exatamente porque menti
Eu sei de onde vim e pra onde irei ie, ie, ie, ie, ie
Mas com você eu fico sem saber onde estou
Eu vou atravessar o rio a deslizar
Que me separa de você

0 comentário sobre “O Rio

  • Cristina MF disse:

    Na verdade estava buscando uma resposta para esta música, mas, bom, entendo como sendo um relacionamento, o qual ela não consegue se separar, mesmo que sinta que deveria.
    E vocês? Ajudem-me…

  • Célia Seabra disse:

    Essa música fala sobre mentiras, mágoas e comodidades.
    No início ela fala
    “Eu vou atravessar o rio a deslizar que me separa de vc O tempo atravessa em meu luga E deixo pra depois o que eu tinha que fazer”
    Ela fala claramente sobre o comodismo, ela tinha algo pra fazer, mas acaba deixando pra lá
    Depois ela menciona mentira.
    Resumindo o que eu entendi da música:
    Provavelmente ela fala sobre algo que ela mentiu, o que acabou magoando a pessoa que ela amava, ela se sente culpada tenta pedir desculpas, mas a pessoa não aceita, a consciência dela a condena e ela começa a se sentir confusa com essa situação, não sabe mais o que fazer.
    Quando ela fala que vai atravessar o rio, quer dizer que ela esta disposta a pedir desculpas, de passar por cima do orgulho que “desliza”, escorre, dela, ou seja, uma pessoa orgulhosa, ultrapassar as dificuldades que é passar por cima do orgulho e pedir desculpas pelo que fez, quando ela menciona o tempo e fala “o tempo atravessa em meu lugar e deixo pra depois o que tinha de fazer” ela quer dizer que a cada segundo ela desiste da ideia de pedir desculpas e acaba deixando pra lá, mas que todos os dias quando vê a pessoa que ela ama, a consciência pesa e ela se sente culpada novamente, o que a deixa mais confusa, isso fica claro no verso “nós dois que não nos parecemos, E não cabemos no mesmo espelho, mas nos olhamos toda manha”.
    É um ciclo vicioso, ela mentiu, viu que o amor dela ficou magoada, se sentiu culpada, quis se desculpar, mas o orgulho não deixou, e como ela encontra essa pessoa todos os dias ela acaba sentindo remorso, quer se desculpar, mas não sabe o que fazer, a menção dela falar que sabe de onde vem e pra onde ela ira mostra o desejo dela de querer fazer algo a respeito.

    Bom a música fala sobre a confusão que ela se encontra depois de magoar alguem que ela ama muito, apesar das diferenças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>