Fantasia

Simone

Compositor(a) da letra: João Bosco e Aldir Blanc

Álbum da letra: Quatro paredes

Ano de lançamento: 1974

0 comentários

Olhando na quarta-feira as ruas vazias
Com os garis dando um jeito em nossa moral
Custei a compreender que fantasia
É um troço que o cara tira no carnaval

E usa nos outros dias por toda a vida
Dizendo: “Olá! Como vai?” e coisas assim
O nó da gravata apertando o pescoço
Olhando o fundo do poço e rindo de mim

Ria, rasguei a fantasia
Ria, queimei a garantia
Ria, tô solto por aí
Doido, eu danço de Pierrot
Triste, morrendo em meu amor
Ria vendo você morrer

Olhando na quarta-feira as ruas vazias
Com os garis dando um jeito em nossa moral
Custei a compreender que fantasia
É um troço que o cara tira no carnaval

E usa nos outros dias por toda a vida
Dizendo: “Olá! Como vai?” e coisas assim
O nó da gravata apertando o pescoço
Olhando o fundo do poço e rindo de mim

Ria, rasguei a fantasia
Ria, queimei a garantia
Ria, tô solto por aí
Doido, eu danço de Pierrot
Triste, morrendo em meu amor
Ria vendo você morrer de rir




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *