Liniker e os Caramelows

Zero

A gente fica mordido, não fica?
Dente, lábio, teu jeito de olhar
Me lembro do beijo em teu pescoço
Do meu toque grosso, com medo de te transpassar

A gente fica mordido, não fica?
Dente, lábio, teu jeito de olhar
Me lembro do beijo em teu pescoço
Do meu toque grosso, com medo de te transpassar

A gente fica mordido, não fica?
Dente, lábio, teu jeito de olhar
Me lembro do beijo em teu pescoço
Do meu toque grosso, com medo de te transpassar

Peguei até o que era mais normal de nós
E coube tudo na malinha de mão do meu coração
Peguei até o que era mais normal de nós
E coube tudo na malinha de mão do meu coração

A gente fica mordido, não fica?
Dente, lábio, teu jeito de olhar
Me lembro do beijo em teu pescoço
Do meu toque grosso, com medo de te transpassar

A gente fica mordido, não fica?
Dente, lábio, teu jeito de olhar
Me lembro do beijo em teu pescoço
Do meu toque grosso, com medo de te transpassar

Peguei até o que era mais normal de nós
E coube tudo na malinha de mão do meu coração
Peguei até o que era mais normal de nós
E coube tudo na malinha de mão do meu coração

Deixa eu bagunçar você, deixa eu bagunçar você
Deixa eu bagunçar você, deixa eu bagunçar você
Deixa eu bagunçar você, deixa eu bagunçar você
Deixa eu bagunçar você, deixa eu bagunçar você
Deixa eu bagunçar você, deixa eu bagunçar você
Deixa eu bagunçar você, deixa eu bagunçar você

A gente fica mordido, não fica?

0 comentário sobre “Zero

      • Thalys Tawan disse:

        Quem é você para ditar o que é ou não arte? Arte é uma forma de se expressar e se você não percebeu isso na letra, provavelmente você faltou muitas aulas de artes.

  • essa musica n presta de forma alguma,deveriam apagar ela da existencia!!!eu sou gay e odeio essa musica,n representa agente de forma alguma!

    3
    19
    • Thalys Tawan disse:

      Gente a pior coisa é ver syag atacando a própria comunidade… gata, temos que nos apoiar nas mínimas coisas! Liniker por exemplo, trouxe visibilidade trans na industria da música brasileira. Se não gosta da música, tudo bem, mas desejar que “deveriam apagar ela da existência” é o mesmo que desejar que toda a visibilidade que essa simples musica trouxe fosse jogada ao relento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>