Categorias
Carmen Costa Colé

Cachaça

Passa pra dentro vagabundo, tá todo dia de cara cheia

É a danada da cachaça

Você pensa que cachaça é água
Cachaça não é água não
Cachaça nasce do alambique 
E água vem do ribeirão

Pode me faltar tudo na vida
Arroz feijão e pão
Pode me faltar manteiga
E tudo mais não faz falta não
Pode me faltar o amor 
Há, há, há, há!
Isto até acho graça
Só não quero que me falte
A danada da cachaça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *