Boicote

Câmbio Negro

0 comentários

Uni-vos então irmãs e irmãos, lutemos em prol de nossa libertação
do jugo dos idiotas, patifes, imbecis que querem impedir o hip-hop no nosso país
ou transformar em moda aí é foda só vai aparecer bodinho na tv a gente vai se foder
por culpa de tipinhos que nunca foram na Ceilândia, em favelas, na periferia,
nas quebradas de São Paulo nunca pisaram na São Bento mas vão jurar que fazem parte do movimento. Juntem-se breakers, rappers, grafiteiros do DF, de São Paulo, BH, Goiânia, Maranhão, Piauí, Ceará,
unidos nós somos foda o bicho vai pegar,
temos que atacar formemos nossa guerrilha vamos arrebentar os alicerces do sistema, não tenham pena
agindo com inteligência, sem violência, com certeza eles sofreram as consequências
de seus atos insanos pseudos seres humanos nós b-boys não nos enganamos
pois a longa distância sentimos o cheiro deles, X diz a vocês agora é a nossa vez.

(refrão 2x)
Vamos mostrar a todos o quanto somos fortes,
boicote, boicote.

Vamos atacar por todos os lados manter os escroques sobre fogo cruzado
grafites nas paredes, break nas ruas, rap nos salões, emissoras de rádio, televisões
quando se derem conta estarão dominadas entremos pelos poros, por todas as brechas
olhos, ouvidos, narinas aparando as arestas ligar pras rádios pertubar, infernizar os caras,
comer o juízo se for preciso, eu não ligo se disserem que eu encho o saco,
o fato é que queremos ouvir rap nacional na programação normal,
sem dar mole pra pilantra um abraço nos merecemos ter o nosso espaço.
Temos que exigir o que queremos ver, ouvir, ler, vocês vão ver
se essa porra melhora ou não melhora, tem que ser agora.
E se algum deles se recusar, quiser dar uma de forte a solução é bem simples véi: boicote.
(refrão)




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *