Bezerra da Silva

Asa a Cobra

Se Deus desse asa a cobra
O mundo estava perdido
Carroça andava na frente
E o burro atrás escondido

Carroceiro puxava carroça
E na frente do burro ele vinha
A cozinheira ia pra sala
E a madame pra cozinha
Servente seria chefe
Soldado seria tenente
Chefe ia trabalhar la na vaga do servente
Se deus desse asa a cobra
Meu deus como ia morrer gente

Se Deus desse asa a cobra
O mundo estava perdido
Carroça andava na frente
E o burro atrás escondido

Ai eu queria ver o que iam fazer os ladrões de gravata
Quando vissem a coisa preta
Porque quem não sabe rezar
Não faz trato cm o capeta
Eles estão me entendendo
Pra quem sabe ler um pingo é letra

Se Deus desse asa a cobra
O mundo não estava perdido
Carroça andava na frente
E o burro atrás escondido

Se Deus desse asa a cobra eu só sei que o mundo não estava perdido
A carroça andava na frente
E o sujeito burro atrás escondido

Se Deus desse asa a cobra eu só sei que o mundo não estava perdido
A carroça andava na frente
E o sujeito três ia atrás escondido

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>