Arnaldo Antunes

2 perdidos

Quando eu quis você
Você não me quis
Quando eu fui feliz
Você foi ruim
Quando foi afim
Não soube se dar
Eu estava lá mas você não viu
Tá fazendo frio nesse lugar
Onde eu já não caibo mais
Onde eu já não caibo mais
Onde eu já não caibo mais
Onde eu já não caibo em mim
Quando eu quis você
Você desprezou
Quando se acabou
Quis voltar atrás
Quando eu fui falar
Minha voz falhou
Tudo se apagou você não me viu
Tá fazendo frio nesse lugar
Onde eu já não caibo mais
Onde eu já não caibo mais
Onde eu já não caibo mais
Onde eu já não caibo em mim
Mas se eu já me perdi
Como vou me perder
Se eu já me perdi
Quando perdi você
Mas se eu já te perdi
Como vou me perder
Se eu já me perdi
Quando perdi você

Um comentário sobre “2 perdidos

  • Serjão disse:

    Acredito que toda música pode ter um análise diferenciada, mais nem por isso devemos deixar de expressar o que sentimos e entendemos ao ouvi-la. Neste caso essa letra é simples, no entanto, não deixar de ser prazerosa .

    Quando ele esboça essa situação que parece tão banal, algo é muito evidente e visceral. Praticamente todos já nos apaixonamos dessa maneira. Agente se entrega e percebe ou não que o/a outro/a não corresponde da mesma maneira sendo triste, porém, pelo fato de estarmos apaixonado/a levamos a situação até os extremos.E ai já não dá mais pra suporta e decidimos desistir e terminar com aquilo que mais parece sadomasoquismo. Só então o seu parceiro/a se percebe tão apaixonado/a
    e resolve pedi desculpas ou uma segunda chance.Todavia ele/a de tão despercebido nunca percebeu que você já deu não uma, mais diversas chances e oportunidades pra ele/a. E mesmo ele/a implorando, você se da conta de que já não cabe mais naquele lugar, pois as coisas não mudam assim .”Onde eu já não caibo mais”, e você terminou porque as coisas chegaram ao extremo, e você pecando por amar demais perdoou tanto que se perdeu, deixou de ser quem sempre foi acreditando nesse amor. Só quando volta a racionalidade enxerga o quanto mudou por alguém que não muda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>