Não Pare na Pista

3 comentários

Raul Seixas

Não pare na pista
É muito cêdo
Prá você se acostumar
Amor não desista
Se você pára
O carro pode te pegar
Bibi! Fonfon! Pepê!
Se você pára
O carro pode te pegar…(2x)

Você me xingando
De louco pirado
E o mundo girando
E a gente parado
Meu bem me dê a mão
Que eu vou te levar
Sem carro e sem mêdo
Pr’o guarda multar
Meu bem me dê a mão
Que eu vou te levar
Sem carro e sem mêdo
Prá outro lugar…

Não pare na pista
É muito cêdo
Prá você se acostumar
Amor não desista
Se você pára
O carro pode te pegar
Bibi! Fonfon! Pepê!
Se você pára
O carro pode te pegar…

Você me xingando
De louco pirado
E o mundo girando
E a gente parado
Meu bem me dê a mão
Que eu vou te levar
Sem carro e sem mêdo
Pr’o guarda multar
Meu bem me dê a mão
Que eu vou te levar
Sem carro e sem mêdo
Prá outro lugar…

Não pare na pista
É muito cêdo
Prá você se acostumar
Amor não desista
Se você pára
O carro pode te pegar
Bibi! Fonfon! Pepê!
Se você pára
O carro pode te pegar
Mamãe! Papai! Irmão!
Se você pára
O carro pode te pegar
Vovó! Nené! Lili!
Se você pára
O carro pode te pegar…


3 comments on “Não Pare na Pista

  1. Adrian Fuzetto disse:

    Use, experimente, mas não se acostume.

  2. Marcelo disse:

    Entendo que esta letra nos alerta pra não se acomodarmos, e evoluirmos… “Não pare na pista, É muito cêdo, Prá você se acostumar”

    Esta mensagem tem o mesmo contexto da musica Tente Outra Vez… O Carro é o progresso da vida “Amor não desista, Se você pára, O carro pode te pegar”

    Há criticos que entendem o Carro como o estado político em vigencia na época, e a letra é um sacode para a sociedade não achar normal as coisas como são e se conformarem com a situação.

    A natureza segue seu curso e somos parte dela, não devemos empacar e debruçar num penhasco… “O mundo girando, E a gente parado”

    Rau sempre fez o possível pra impulsionar seus ouvintes rumo ao desconhecido, rumo a movimentação da vida, mais sempre em frente com coragem para o que vier em relação as nossas decisões… “Que eu vou te levar Sem carro e sem mêdo Pr’o guarda multar”

    É isso !!! Nascemos e nos defrontamos com a situação atual e isso vai tomando conta de nós artificialmente como se fosse normal… (Normal passarmos por mendigos e acharmos natural, vemos a criminalidade e considerar um fato rotineiro, normal votarmos em quem rouba menos, normal a mesmisse dos conceitos comuns, normal acreditarmos na primeira explicação que recebermos…)

  3. dinho disse:

    muitos atropelamentos, muitos motoristas bebados, distraidos, entao tome cuidado ao atravessar a rua…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *