O Caminho do Bem

Tim Maia

Compositor(a) da letra: Sergio, Beto e Paulo

Álbum da letra: TIM MAIA RACIONAL VOL. 2

Ano de lançamento: 1976

2 comentários

O caminho do bem (3x)

Já iniciou
Está acontecendo
Fase racional
Não estou sabendo

O caminho do bem (leia logo, saiba logo)
O caminho do bem (está na hora, é agora)
O caminho do bem (acredite, não duvide)
O caminho do bem

O caminho do bem é um só caminho

O caminho do bem é para todos

O caminho do bem é racional

O caminho do bem (4x)

Pode aguardar
Que o mundo inteiro
Logo saberá
No Brasil primeiro

O caminho do bem (leia logo, saiba logo)
O caminho do bem (está na hora, é agora)
O caminho do bem (acredite, não duvide)
O caminho do bem

Vida modesta e fecunda
Amor de um doce paraíso
Reino prepotencial racional
Aonde viver sempre o bem, e não o mal

Leia logo, saiba logo
Está na hora, é agora
Acredite, não duvide
Do que já aconteceu

Já aconteceu
Está acontecendo
Fase racional
Não estou sabendo

O caminho do bem (leia logo, saiba logo)
O caminho do bem (está na hora, é agora)
O caminho do bem (acredite, não duvide)
O caminho do bem

Numa natureza onde não existe regulagem, não pode existir o bem
O bem só pode ser encontrado na imunização racional

O caminho do bem (4x)

Pode aguardar
Que o mundo inteiro
Logo saberá
No Brasil primeiro

O caminho do bem (2x)




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 comentários para a letra “O Caminho do Bem

  1. Leonardo Kracheski disse:

    Tim Maia fez essa música indicando a leitura do livro “Universo Em Desencanto” e consequentemente induzindo os fãs a conhecerem mais sobre esse “novo mundo”

  2. junior disse:

    Hoje vivemos tempos de mediocridade, a ordem é aceitar o que temos. Para obediência do povo se apela para o patriotismo e a soberania, e a ordem é ser submisso ao império mais poderoso. Um país que é tirano e preconceituoso aos seus conterrâneos e submisso ao estrangeiro. Se ele próprio não demonstra valor ao que produz, o exterior nunca dará. Valorizar as pessoas é o adubo para a originalidade, produzir o que é comum,o que já se tem não trás valor e só leva a mais pobreza. Ms com certeza alguém ganha com isso.