Categorias
Francisco Alves

Samba de nego

Samba de nêgo 

Não se pode freqüentar 

Só tem cachaça 

Pra gente se embriagar 

Eu fui num samba 

Em casa de Mãe Inez 

No melhor da festa 

Fomos todos pro xadrez 

No fim do samba 

Minha caboca chegou 

Virei os óio 

E meu Santo me pegou 

Caí de lado 

Vim de frente, vim de banda 

Meu Santo disse 

Que eu vinha lá de Aruanda