Olhos verdes

Dalva de Oliveira

Compositor(a) da letra: Vicente Paiva

Álbum da letra: 78 RPM

Ano de lançamento: 1950

0 comentários

Vem de uma remota batucada
Numa cadência bem marcada
Que uma baiana tem no andar
E nos seus requebros e maneiras
Na graça toda das palmeiras
Esguias altaneiras a balançar

São da cor do mar, da cor da mata
Os olhos verdes da mulata
Tão cismadores e fatais, fatais
E num beijo ardente e perfumado
Conserva o travo do pecado
Dos saborosos cambucais




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *