Sou Mais do Tempo do Figueiro

1 comentários

Falcão

Sim, eu já tomei um inseticida
Pois eu adoro essas comidas
Que vêm pra gente, lá dos EUA
Ora, mas se o que é bom pros Estados Unidos
Não vai ser bom pro povo esgalambito
Enfraquecido, que nem nós

Nós devia agradecer era a boa vontade
Deste povo amigo que, com caridade
Só querem ver é o nosso bem estar
Quero deixar registrada minha gratidão
A essa grande organização denominada FMI
Composta de homens íntegros e justiceiros
Que em matéria de dinheiro
É só quem sabe administrar

Vou-me embora desta terra
Let’s go negrada
Se um dia eu me der bem
É mesmo que nada

Don’t go, don’t go away
Please don’t go, don’t go


One comment on “Sou Mais do Tempo do Figueiro

  1. Rodrigo de Albuquerque disse:

    Essa música é um deboche à chamada “Síndrome de Vira-Lata”, onde alguns brasileiros preferem exaltar tudo o que vem dos Estados Unidos em detrimento à valorização das coisas de seu país, o Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *