Ceu de Santo Amaro

Caetano Veloso

3 comentários

Olho para o céu
Tantas estrelas dizendo da imensidão
Do universo em nós
A força desse amor
Nos invadiu…
Com ela veio a paz, toda beleza de sentir
Que para sempre uma estrela vai dizer
Simplesmente amo você…

Meu amor..
Vou lhe dizer
Quero você
Com a alegria de um pássaro
Em busca de outro verão
Na noite do sertão
Meu coração só quer bater por ti
Eu me coloco em tuas mãos
Pra sentir todo o carinho que sonhei
Nós somos rainha e rei

Na noite do sertão
Meu coração só quer bater por ti
Eu me coloco em tuas mãos
Para sentir todo o carinho que sonhei
Nós somos rainha e rei

Olho para o céu
Tantas estrelas dizendo da imensidão
Do universo em nós
A força desse amor nos invadiu…
Então…
Veio a certeza de amar você…




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 comentários para a letra “Ceu de Santo Amaro

  1. Leo Jaime de Vargas disse:

    Acredito que a primeira estrofe dessa poesia romântica em forma de música busca descrever aquilo que muitas vezes não conseguimos descrever, mas que só quando amamos é que sentimos, porque tantas coisas impossíveis outrora renascem no nosso tão ao alcance, como se desse pra conquistar tudo, vencer tudo, ganhar tudo e ter tão pouco, e isso nos torna plenos e nos sentimos tão tranquilos evem aquela sensação de que todo os universo cabe em nós, pois o amor, assim como o universo é imensurável,as estrelas testemunham deste amor, estrelas são como o brilho que se adquire quando o amor brota nos olhos, e vem aquele encantamento, mesmo em meio as trevas do espaço o amor sempre chega com seu brilho.
    A segunda estrofe traz uma singeleza extraordinária, onde o “herói” declara explicitamente o seu amor, por que seu amor se revela de uma maneira simples desde o fim da primeira estrofe quando diz: ” Simplesmente amo você..” com a alegria de um pássaro, pois o amor desperta em nós a vontade das descobertas, como coloquie anteriormente a possibilidade de fazer coisas que antes não acreditávamos ser em possíveis, o amor nos faz voar por todos os horizontes, e na segunda parte da segunda estrofe este ‘herói” declara sua rendição completa a este amor.
    Na última estrofe fala da força do amor que invade nosso corações, pois o amor é forte como a morte e todas as coisas podem vencer.

  2. Fátima disse:

    Olá, muito boa sua análise, mas a letra dessa música não é de Caetano Veloso e sim de Flávio Venturini. veja esses links:
    http://www.museuclubedaesquina.org.br/flavio-venturini/discos/porque-nao-tinhamos-bicicleta/
    e
    http://www.paginadamusica.com.br/edanteriores/abril01/flavioventurini.htm

  3. Nairana Valente Ribeiro disse:

    Essa música é do Flávio Venturini e o Caetano apenas a interpretou e popularizou.
    A música, como a arte em geral, me serve para interpretar e expandir a profundidade da experiência humana. Essa música me serve pra ser cantada diante do espelho.