Faça o download do App do Análise de Letras para Android! É grátis!
Asa
Lei
Luz
Meu
Obi
Om
Se


Últimas Análises

que coisa chata da para fazer a nalise morfologica da muisca ritimo perfeito
Certeza, que essa é uma das poucas canções do Djavan se tratando da Ditadura Militar... Melhor ainda, por ser a única canção dele interpretada pela Elis Regina...
Um olhar de criança que vê o pai sair para trabalhar a família passando necessidade e o sustento difícil que sai da terra. O alumbramento ( de ver uma serpente que dança como um ritmo de lambada no meio da terra, da plantação de milho ) e mesmo com dias quentes as noites são frias ( solitárias ) o amor de filho distante de um pai que sai cedo e dorme cedo para tirar do chão como uma guerra o sustento da família ( dente por dente ). e todos sempre reclamam é a corrente ( todos reclamam e passam as necessidades rezando juntos por dias melhores ) Um lamento de corrente.
Gostaria muito de saber a interpretaçao dessa letra.Obridada!
O retrato da fragilidade humana diante do sentimento de ser traído, de ter apostado diante de todos os riscos o sentido de viver numa paixão que falhou, que feriu, que machucou até as ultimas instâncias os sentimentos que lhe foram devotados, mas também um retrato de um amor que não se acaba nem diante da soberba da ausência do pedido de perdão, e que aguarda infinitamente a reenlace do amor que não aconteceu plenamente.
Como o título fala a saudação "Boa Noite" é formal e expressa a alegria que ele sente, comparando que quem não está apaixonado vê um mundo de uma forma diferente a visão de um apaixonado. Ele percebe que possui um amor maior do que ele imaginava, e o seu jeito dominador não funciona, pois essa paixão vai mais além do que esperava. E que não consegue controlar os sentimentos por ser algo tão intenso e involuntário; fazendo uma comparação com um time,pois o time é forte e que não desiste fácil das coisas. Já perto do refrão mostra que as intenções dele são de proteger, cuidar e amar simultaneamente.
A julgar pela música Nobreza — e não pela sexualidade do cantor —, acredito que o segredo na verdade seja outro homem. Embora contra os preceitos da sociedade, a emoção de tê-lo supera a culpa de viver um relacionamento não convencional. O sofrimento se dá justamente por não poder revelar esse amor.
Essa musica me intrigou a bastante tempo, por não ser nada evidente na primeira nem na segunda leitura. Como se sabe, o Djavan é um cara muito espiritualizado, não é simples compreender as entrelinhas. No caso, a musica Liberdade, que esse amor que eh tratado, pode ser compreendido não só como um amor humano, mas como um sentimento puro espiritual, qual ele diz "ou um gen da mesma cor, cintila em mim", leia-se: "Ou algo parecido(não definido) eu estou, sentindo". Também, o trecho mais forte da letra, em minha opinião seria: "cruzar os muros do além, e assim pousar na terra". Algo de inimaginável, mas, que podemos tentar imaginar o que seria sentir esse amor, essa coisa boa demais dentro de nós. , uma espécie de Nirvana. Pra concluir, e fechando dignamente no estilo da letra, ele diz "pousar a vida em suas mãos"... Entregar de uma vez, confiar, não temer. Na real, eu creio que ele não quis tratar de um amor humano, tangível, mas sim de cunho espiritual. Essa eh a minha leitura. Ouço essa musica sempre, todos os dias.
...vira lapidar o sonho ate gerar o som....pai ,mãe,princesa,luz,o luar...pra mim é a forma subliminar de falar de uma das maiores riquezas...#amo djavan
sdfghjhgfds
partitura
Eu posso estar errada, mas me veio uma ideia de que essa música pode estar relacionada ao BBB. Sobre estar "preso" e a parte do Biel poder ser o nome do Bial meio disfarçado (kkk) ... Minha interpretação é essa.
"Assim Que o dia amanheceu" - Ele acabou de acordar e vai começar a traduzir seus pensamentos e sentimentos. "Lá no mar alto da paixão," - Seria a paixão em "alto mar". Uma paixão em seu auge, forte, que já está em alto mar e não à margem perto de acabar ou do inicio. Seria como você ser tripulante de um barco e quando olhar em volta só vê mar... A paixão estava em tudo. Lá no mar alto da paixão, "Dava prá ver o tempo ruir" O tempo aqui seria referente ao clima, digamos assim. O tempo ruir seria a tempestade no mar da paixão que está em uma fase conturbada. - Ao dizer ruir, também dá a impressão que antes estava tudo bem e começou agora a dar problema, "a ruir". "Cadê você? Que solidão! Esquecera de mim?" - Se remete aos dois primeiros versos, onde o autor acabou de acordar e viu que estava sozinho. *Esta primeira estrofe seria uma introdução de tudo que está acontecendo* "Enfim, De tudo o que Há na terra Não há nada em lugar Nenhum! Que vá crescer Sem você chegar" - Ele se sente sozinho. E não olha a sua volta, para ele "não há nada em lugar nenhum", não há pessoas e nem nada. Assim, nada "irá crescer", nenhum sentimento. A menos que a pessoa amada chega, ai, ele vai voltar a ver o mundo novamente. Resumindo, ele se sente sozinho e só pensa em ter a amada, tanto faz o resto do mundo. "Longe de ti Tudo parou Ninguém sabe O que eu sofri…" - Eu praticamente interpretei essa parte na explicação de cima. Longe da amada o mundo parou. Ou seja, ele não progride mais, ele não continua a vida dele, ele não vê as pessoas, coisas novas, etc.. Ele só pensa no momento em que estava com a amada e só vai voltar a viver quando estiver novamente com a mesma. "Amar é um deserto E seus temores" Com o amor, inevitavelmente virão os temores. Medo de perder a pessoa,medo da pessoa amada sofrer, medos virão. O deserto é amar, no sentido de que no amor você está sozinho, é um sentimento individual você sente sozinho por mais que seja correspondido. (como o amor é subjetivo seus temores também são e é isso que esses dois versos dizem) "Vida que vai na sela Dessas dores" Você começa a agir de acordo com essas dores. Por exemplo, você não quer que a pessoa sofra, então você vai vai agir para que ela não sofra. Outro exemplo: você não quer perder a pessoa amada, então você vai agir de forma que não perca ela. A sela seria como você fosse um cavalo e os seus medos estivessem te guiando. "Não sabe voltar Me dá teu calor…" Você não tem o poder de parar de amar e é isso que este verso quer dizer. Depois que você entra neste "Deserto" você não sabe o caminho de volta. Ele termina a estrofe fazendo uma suplica para que a amada volte. *Outra interpretação pode ser que a Vida não sabe voltar, como se fosse voltar no tempo para sentir o calor da amada de novo.* "Vem me fazer feliz Porque eu te amo" - É isso ai "Você deságua em mim E eu oceano" Ele é somente o Oceano que seria a paixão. A amada deságua nele pode ser duas coisas: 1- Ela chove no Oceano, que é a paixão, e assim ela está fazendo o "tempo ruir" como dito na primeira estrofe. 2- Pode ser o encontro casual deles que sempre acontece. Assim como o rio que deságua no mar. "E esqueço que amar É quase uma dor…" - Levando em consideração a segunda hipótese, quando eles se encontram e ficam juntos, ele até esquece de toda dor que o amor dele faz ele sentir. Levando em consideração a primeira hipótese, Não teria lógica o esses dois últimos versos, então a primeira hipótese está errada e eu to com preguiça de ir (no celular) até lá apagar. Acabei a minha interpretação bjs
Lambada de Serpente - seria o sinal de uma traição - se percebe quando no meio de uma noite fria sente-se um vento quente. como se uma serpente passasse por vc na forma de uma corrente quente. isso indicaria para tomar cuidado com possíveis traições.
HAVIA MAIS QUE UM DESEJO(Não creio que não haja amor de uma das partes, e sim que havia amor) A força do beijo(era de ambas as partes) Por mais que vadia (sim, sexo se pudores, livres e intensos) Não sacia mais...(Alguém ou os dois precisam de juras eternas e compromisso, mas algo os impede... Meus olhos lacrimejam teu corpo, (o chora da saudade de não ter a possibilidade de ter o tempo inteiro... Exposto a mentira do calor da ira( se diz até que tudo bem, que não se precisa tanto, que o outro pode ir... mentiras da ira de quem não pode ter o que quer... no afa de um desejo que não contraíra (o querer além do que se pode ter, ou do que o outro pode doar...no amor a tortura esta por um triz...os dois podem estar sendo torturados, aturar e se mostrar feliz faz parte de continuar no jogo com o que se tem...mesmo tendo o álibi de ter nascido cheio de sonhos e ter convivido sem realizá-los , mesmo que não se tenha tudo...há mais que um desejo se ha amor então se paga o preço