Faça o download do App do Análise de Letras para Android! É grátis!


Últimas Análises

Minha interpretação sobre a música é que a Geni era uma mulher prostituta que era de todos na cidade e a sociedade em que vivia a repreendia por isso, e quando a cidade foi atacada pelo zepelim e o comandante quis a Geni, a cidade mudou sua perspectiva sobre a Geni por motivos egoístas, e quando o zepelim se foi, Geni voltou a ser repreendida pelo povo.
Na verdade o autor ( Chico Buarque) diz que é para nos mirarmos em cada exemplo destas mulheres, e não para fazermos oque elas fizeram. Ele nos mostra uma maneira, para não sermos submissas perante homens assim eles iram abuzar do poder da mulher! Trata-se de uma crítica ao machismo e a submissão á superioridade da mulher.
Obrigado Ana Rebeca Wanderley
presiso de ajuda
machista
Bom ler a interpretação de outras pessoas. Como são diferentes. Na minha opinião, a letra trata-se claramente sobre a época em que ela foi escrita, ou seja, sobre ditadura. Ouvi essa musica ontem e me remeteu ao que anda acontecendo na atualidade: O que não tem governo nem nunca terá O que não tem vergonha nem nunca terá O que não tem juízo… Ela toda fala sobre o desgoverno, da desesperança de que as coisas vão mudar. Mas fala também sobre aqueles que iriam a luta: O que será, que será? Que todos os avisos não vão evitar Por que todos os risos vão desafiar Por que todos os sinos irão repicar Por que todos os hinos irão consagrar E todos os meninos vão desembestar E todos os destinos irão se encontrar. É uma bela música. Só poderia ser Chico...
se você for homem você se ferrou porque
oiiii
Essa música foi escrita por Chico no meio de um porre de Whisky que ele, dentre outros artistas da música brasileira estavam na casa de Elis Regina em uma reunião informal. Ele escreveu o começo da letra num pedaço de papel, e depois dormiu de bêbado. Elis, no dia seguinte, leu a letra e chorou. Gravou a parte que estava escrita, que, se não me engano parava em "No tapete atrás da porta". Em seguida o produtor junto à Elis, ligaram para Chico pedindo para que ele terminasse a letra, mostrando assim a gravação e acaretando no restante. A emoção de Elis se deve ao fato de que a música fala de um casamento fracassado, onde a mais prejudicada foi a mulher. Sem motivo explícito ao término, foca-se somente na dor e sofrimento da moça, que, apesar de negar, tentar esquecer, humilhar e maldizer o homem com quem esteve todo esse tempo, não tem forças contra o sentimento ainda ardente dentro de si. Elis Regina havia passado por uma situação parecida na época da escrita da música. Pode-se ver a identificação da interprete com a letra em qualquer vídeo onde ela canta esta música.
A música é auto explicativa: trata-se de um militante político de esquerda com dificuldades pra dormir pelo medo de ser alcançado pela OBAN (Operação Bandeirantes) que tinha como integrantes o Delegado Fleury e o Esquadrão da Morte, cujo qual tinha como missão a execução sumária de comunistas, esquerdistas e opositores em geral ao regime comunista. "Era a Dura", refere-se aos carros da OBAN que eram, em maioria esmagadora viaturas a paisana sem nenhuma identificação da polícia, com policiais civis também sem nenhum uniforme ou identificação. Grande parte dos presos e torturados nos porões do DOPS foram capturados em casos como esse, sem quaisquer chance de defesa. Existiam também casas de tortura na região rural das grandes cidades, principalmente na cidade de São Paulo (cidade que sediava a OBAN). "Se eu demorar uns meses, convém as vezes você sofrer. Mas depois de um ano eu não vindo, põe a roupa de domingo e pode me esquecer." refere-se à grande possibilidade de que, após a captura o mesmo fosse torturado, assassinado e descartado, tornando-se assim mais um dos muitos desaparecidos durante a ditadura militar. A parte da roupa de domingo refere-se a um pedido para que a parceira finja que nada aconteceu, e não corra atrás de esclarecimentos ou algo do tipo por sua própria segurança. Podemos pegar como exemplo o caso da Zuzu Angel, que procurou seu filho durante anos e depois disso foi assassinada por forças do regime.
preciso do contesto historico dessa musica
Eu creio que Deus tem grandes propósitos na vida de Chico.
a letra de Chico Buarque faz alusão à esperança de melhores tempos,como o comentário feito anteriormente,como se trata apenas de ilusão se vê enganado e volta à realidade.
Bom dia!
maravilhosa letra e música, estou analisando com meus alunos, falta mais ChicoBuarque no Brasil....