Skank

Uma Canção É Pra Isso

Thurururu! Thurururu!
Thurururu! Thurururu!

Uma canção é prá acender o Sol
No coração da pessoa
Prá fazer brilhar como um farol
O som depois que ressoa…

Uma canção é prá trazer calor
Deixar a vida mais quente
Prá puxar o fio da paixão
No labirinto da gente…

Prá consertar
Prá defender a cidadela
Prá celebrar
Prá reunir bairro e favela…

Uma canção me veio sem querer
Naquela hora difícil
Joguei-a logo nesse iê iê iê
Por profissão ou por vício…

Prá clarear a escuridão
E o mundo encerra
Prá balançar
Prá reunir o céu e a terra…

Thurururu! Thurururu!
Thurururu! Thurururu!
Thurururu! Thurururu!
Thurururu! Thurururu!

Uma canção é prá fazer o Sol
Nascer de novo
Prá cantar o que nos encantou
Na companhia do povo…

Prá consertar
Prá defender a cidadela
Prá celebrar
Prá reunir bairro e favela
Oooooooh!…

Uma canção é prá acender o Sol
No coração da pessoa
Prá fazer brilhar como um farol
O som depois que ressoa…

Prá clarear a escuridão
E o mundo encerra
Prá balançar
Prá reunir o céu e a terra…

Thurururu! Thurururu!
Thurururu! Thurururu!
Thurururu! Thurururu!
Thurururu! Thurururu!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>