Televisão de Cachorro

Pato Fu

0 comentários

Às vezes penso que eu assisto tv
Como o cãozinho que olha o frango rodar
Que mais e mais saboroso de se ver
Aguça cada vez mais meu paladar

E quando uma gotinha de óleo cai
Como uma novidade que entra no ar
Eu paro tudo, eu paro de pensar
Só pra ficar te olhando, televisão

Por que o que está lá dentro
É tudo o que eu quero ter?
Por que o que está lá dentro
É tudo o que não posso ser?

Eu perco horas babando sem saber
Que se o galã morreu não foi por mim
E quando outros cãezinhos vem me imitar
São telespectadores no mesmo canal

E meu cachorro nada vê na tv
E é aí que eu vejo o burro que o bicho é
A tela plana não deixa ele perceber
A propaganda bacana de frango

(solo)

Às vezes penso que eu assisto tv
Como o cãozinho que olha o frango rodar
Que mais e mais saboroso de se ver
Aguça cada vez mais meu paladar

Por que o que está lá dentro
É tudo o que eu quero ter?
Por que o que está lá dentro
É tudo o que não posso ser?

Por que o que está lá dentro
É tudo o que eu quero ter?
Por que o que está lá dentro
É tudo o que não posso ser?




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *