Aonde Quer Que Eu Vá

Os Paralamas do Sucesso

Compositor(a) da letra: Herbert Vianna e Paulo Sérgio Valle

Álbum da letra: ARQUIVO II

Ano de lançamento: 2000

11 comentários

Olhos fechados
Prá te encontrar
Não estou ao seu lado
Mas posso sonhar
Aonde quer que eu vá
Levo você no olhar
Aonde quer que eu vá
Aonde quer que eu vá…

Não sei bem certo
Se é só ilusão
Se é você já perto
Se é intuição
E aonde quer que eu vá
Levo você no olhar
Aonde quer que eu vá
Aonde quer que eu vá…

Longe daqui
Longe de tudo
Meus sonhos vão te buscar
Volta prá mim
Vem pro meu mundo
Eu sempre vou te esperar
Larará! Lararára!…

Não sei bem certo
Se é só ilusão
Se é você já perto
Se é intuição
E aonde quer que eu vá
Levo você no olhar
Aonde quer que eu vá
Aonde quer que eu vá…

Lá! Larará! Larará!
Lá! Larará! Larará!
Aonde quer que eu vá
Lá! Larará! Larará!
Lá! Larará! Larará!
Lá! Larará! Larará!
Aonde quer que eu vá…




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 comentários para a letra “Aonde Quer Que Eu Vá

  1. Valmir Marques Junior disse:

    Com toda certeza, uma música dedicada à sua falecida esposa. Onde ele faz referência que ainda a ama, e que sente sua falta, mas que “Aonde quer que vá, a leva no olhar”(…)

  2. Marcos Andre Paim Pires disse:

    Seria mesmo um homenagem à sua falecida esposa se ele não a tivesse gravado antes do acidente.

  3. Rodrigo disse:

    Na verdade ele gravou essa música para um cachorro que ele tinha da raça labrador…ja vi ele falando isso na televisão.

  4. Naiara Elizabeth disse:

    A música fala de um amor talvez não correspondido ou de um amor longínquo. Que é alimentado através das lembranças… Sem perder as esperanças.

  5. Raphael disse:

    Acredito que o amor dele esteja longe não materialmente.Ele a observa,a princípio está e confuso,não sabe se é a ilusão,não sabe se ela sente o mesmo por ele.Ai ele a leva no olhar,pois sabe que está apaixonado,e o olhar dele reflete isso,o rosto dela talvez.E ao mesmo tempo que o amor dele está longe,se encontra perto fisicamente.

  6. André disse:

    Eu creio que ele esteja falando de um amor platônico por uma pessoa que ele não tem certeza se sente o mesmo por ele!
    Ele ama de longe e não demonstra por medo de não ser aceito….

  7. Ricardo Scona disse:

    Ele fala de uma paixão, uma pessoa que esta distante, em outro lugar, mas que em sua memória é muito presente, rendendo-se a ilusão de tê-la por perto, deixando ele confuso entre o imaginário e a realidade, abrindo espaço somente ao desejo de encontrá-la.

  8. Acredito que o amor dele esteja longe , e que é alimentado através das lembranças , sem perder a esperança .

  9. Ludevaldo disse:

    Não devemos nos esquecer do eu lírico do compositor, então, pode haver uma referência física, mas, a inspiração transcende isso…Então, essa música ganhará vida dependo dos ouvidos de que a ouve…

  10. JPA disse:

    Ele gravou a música antes do acidente da esposa. Porém analisando a letra, lindíssima por sinal, percebe-se que fala de um amor que não se encontra mais ao lado dele. Pode ser um amor correspondido separado pela geografia (num lugar distante) ou separado pelo plano físico (alguém que morreu) ou, ainda, uma ruptura de relação. O fato é que ele não se desprendeu desse amor, a ponto de confundir se é intuição ou se de fato a pessoa já está perto. Mas ele fecha os olhos para encontrar, sentir a presença desse amor, o qual ele não pretende esquecer, ao contrário, estará esperando por ele.