Nelson Sargento

Vai dizer a ela

Vai correndo
Vai dizer a ela
Que são muito tristes os dias meus
Que a saudade lentamente me devora
Depois que ela me disse adeus

Vai correndo
Vai dizer a ela
Que volte pelo amor de deus
A solidão já tomou conta do meu lar
Dia e noite a minha vida é chorar

Vai correndo, vai
Depressa por favor
Dizer a ela que volte ao meu amor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>