Nação Zumbi

Ogan di Belê

Oià
Minha coroa é de Xangô
Eu vim tocar pra mãe Oxum
Ogan di belê
Os búzios foram jogados
Ogan di belê
Oià
As cartas foram jogadas
Ogan di belê
Oià
Minha coroa é de Xangô
Eu vim tocar pra mãe Oxum
Ogan di belê
O batuque que desarma
O baque é minha alma
A alfazema que exala
É quem manda na sala
Sou do meio
Eu sou do Xangô
No terreiro, aliado do tambor
Que vai contra o sorriso da dor
Brincando no tempo opressor
Os búzios foram jogados
Ogan di belê
As cartas foram jogadas
Ogan di belê

Um comentário sobre “Ogan di Belê

  • Jaedson disse:

    Oià = iansã = Santa Bárbara (sincretismo)
    Minha coroa é de Xangô = está dizendo que a cabeça pertence ao orixá Xangô = É filho de Xangô
    Eu vim tocar pra mãe Oxum = vai louvar/invocar à orixá Oxum
    Ogan di belê = ogan é o cargo de quem toca/canta para invocar as entidades no candomblé, di Belê é o título
    Os búzios foram jogados, Ogan di belê = os búzios foram interpretados e o resultado é que o cargo é ogan di Belê
    As cartas foram jogadas Ogan di belê = no jogo de cartas também foi confirmado que o cargo é ogan di Belê
    O batuque que desarma
    O baque é minha alma
    A alfazema que exala
    É quem manda na sala
    Sou do meio = está dizendo que faz parte de uma religião afro
    Eu sou do Xangô = pertence ao orixá Xangô
    No terreiro, aliado do tambor = pelo fato de ser ogan, seu instrumento é o tambor
    Que vai contra o sorriso da dor
    Brincando no tempo opressor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>