Garotos Podres

Rock de Subúrbio

Em meio a fumaça
das chaminés
ecoam gritos
de uma geração
gritos que são
porta-vozes
de uma juventude
amordaçada

Oh Oh Oh Oh, Rock de Subúrbio!
Oh Oh Oh Oh, Rock de Subúrbio!

Quero ver em cada garagem
da periferia
pulsar o ritmo
da revolta
queremos subverter
a ordem burguesa
que existe na música
e na arte

Oh Oh Oh Oh, Rock de Subúrbio!
Oh Oh Oh Oh, Rock de Subúrbio!

Façam da música
uma forma
de fazer cair por terra
a sua mordaça
queremos subverter
a ordem burguesa
que existe na música e na arte

Oh Oh Oh Oh, Rock de Subúrbio!
Oh Oh Oh Oh, Rock de Subúrbio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>