Elis Regina

Só vendo que beleza

Eu tenho uma casinha lá na Marambaia
Fica na beira da praia só vendo que beleza
Tem uma trepadeira que na primavera
Fica toda florescida de brincos de princesa

Quando chega o verão eu sento na varanda
Pego o meu violão e começo a cantar
E o meu moreno que está sempre bem disposto
Senta ao meu lado e começa a cantar

E quando chega a tarde um bando de andorinhas
Voa em revoada fazendo verão
E lá na mata o sabiá gorjeia
Linda melodia pra alegrar meu coração

E às seis horas o sino da capela
Bate as badaladas da Ave-Maria
A lua nasce por detrás da serra
Anunciando que acabou o dia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>