Edson Cordeiro

Cartinha cor de rosa

A cartinha que eu ontem achei
Na janela do meu bangalô
Era tua, eu logo adivinhei
Porque meu coração palpitou
Pequenina de róseo matiz
Perfumada tal qual uma flor

E me fez um instante feliz
Pensando em teu amor
Mas quando a li, a palpitar
Que tristeza, que desilusão
Eu vim a saber que infelizmente
Já não é só meu, teu coração

A cartinha que eu ontem achei
Na janela do meu bangalô
Era tua, eu logo adivinhei
Porque meu coração palpitou
Pequenina de róseo matiz
Perfumada tal qual uma flor
E me fez para sempre infeliz
Pensando em teu amor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>