Dead Fish

Bem-Vindo ao Clube

Haverá mais um retorno a
partir daqui?
Não era o que queríamos:
Tudo vai ruir!

Pensei não existir nada
além daqui
Me tornei estável sem
estar bem
Pensava em engordar e
envelhecer
Quando nos encontramos
em nós
Em vida, viver, aqui!
Sentirei falta de todos vocês
Sabíamos que tudo tem
um fim
Seremos homens melhores
onde estivemos
O mundo é que está errado!

Bem vindo ao clube!
Celebrar o fim
Seja feliz!
Bem-vindo ao clube!
É tudo e é agora
Toda intensidade que
sempre quis

E o mundo já foi salvo
E tudo já mudou
O que mais por vir?
Vivos, nos resta viver!

Sim, a vida é maior que nós
O que me importa se já
tenho vocês e a mim?
Se não podemos estar
juntos e parar
Me sentarei sozinho e farei
um brinde a vocês!

Bem-vindo ao clube!
Celebrar o fim
Seja feliz!
Bem-vindo ao clube!
É tudo e é agora
Toda intensidade que
sempre quis!
Tudo que quis!
Tudo que quis!

Um comentário sobre “Bem-Vindo ao Clube

  • Luciano disse:

    Fala de uma cara que pensa já ter feito de tudo nesta vida e está meio que de passagem só esperando a hora de morrer, quando percebe o real sentido de viver e que apesar de ser inevitável a separação dos amigos a qual ele sente falta, ele entende e espera poder reencontrá-los que ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas HTML tags e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>