Cai cai balão

Aurora Miranda, Francisco Alves

Compositor(a) da letra: Assis Valente

Álbum da letra: 78 RPM

Ano de lançamento: 1933

0 comentários

Cai, cai, balão!
Você não deve subir
Quem sobe muito
Cai depressa sem sentir
A ventania
De sua queda vai zombar
Cai, cai, balão!
Não deixe o vento te levar

Numa noite na fogueira
Enviei a São João
O meu sonho de criança
Num formato de balão
Mas o vento da mentira
Derrubou sem piedade
O balão de meu destino
Da cruel realidade

Atirada pelo mundo
Eu também sou um balão
Vou subindo de mentira
No azul da ilusão
Meu amor foi a fogueira
Que bem cedo se apagou
Hoje vivo de saudade
É a cinza que ficou!




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *