Faça o download do App do Análise de Letras para Android! É grátis!


Últimas Análises

Como já está implícito na letra, este disco de 1976, insere-se em um momento particular na trajetória de Tim Maia. Adepto da cultura Racional, Tim Maia grava diversas músicas que dizem respeito à cultura racional em si, mas também observando outros fatos que estão acontecendo no mundo. Acredito que essa música é um desses casos. Neste caso, todos os países citados tem duas características em comum que, a meu ver, dizem respeito à escolha deles, em específico, para a música. Todos são ex-colônias portuguesas e estão situadas no continente africano. Tim maia desde suas primeiras composições flerta com temas de resistência negra e evidencia o poder dos negros na sociedade, em detrimento da sociedade racista que se apresenta, um exemplo claro disto é a música Rodésia também de 1976. Além disso, nesse período da década de 70 é o momento histórico onde todas as colônias portuguesas remanescentes tornam-se independentes em decorrência de lutas de independência combinadas com uma revolução que derruba a ditadura salazarista portuguesa, a Revolução dos Cravos de 1974. Acredito que além da cultura racional, esse fator de independência dos países e principalmente a independência de negros em relação aos brancos, justifique a expressão e, de modo geral, toda a canção: numa relax, numa tranquila, numa boa. Por fim, agora independentes os residentes desses países poderiam, enfim, conhecer as maravilhas da cultura racional.
LSD ou ácido mesmo. chamam de doce, chocolate...acho que é isso.
Na verdade ele fala da cadeia lembrando das inúmeras vezes que foi preso rsrsrs.
era relacionado a Droga, isso é claro! Ele nunca foi pra Spa porra rs
Esta canção foi feita para o filho de Tim Maia. Retrata a espera e o nascimento do bebe. E é muito bonita.
eu acho que eles está falando dele mesmo nessa musica, valorizando ele mesmo
Tim maia conta que já passou momentos difíceis, mas leu o livro universo em desencanto.
Essa musica quando esculto lembro do Meu pai e dos amigos que perdi que como diz a musica e tristeza vou viver aquele adeus nao pude da e muita saudade
significado
gosto dessa musica
iraddddddooo
iraddo
O interessante é como uma música consegue transmitir o sentimento á outras pessoas e elas corresponderem igualmente, e o mais incrível é corresponderem o sentimento de tristeza, de solidão e de desespero que há no personagem da música, acredito que essa seria uma dos objetivos mais satisfatório de um poeta ou musico, conseguir transmitir seus sentimentos. A musica fala sobre a perda de alguém, não que seja necessariamente sobre a morte, mas o sentimento de não poder mais ver a pessoa que ama, e de um jeito tão simplificado que acabamos nos identificando com algumas partes ou com a musica inteira. Edson Trindade escreveu a musica para a namorada dele, que tinha terminado com ele, não para a filha, mas mesmo assim é um sentimento de perda igual. http://guiadoscuriosos.com.br/blog/2013/10/16/para-quem-edson-trindade-escreveu-a-musica-gostava-tanto-de-voce/
bom
A música é de autoria de Michael Sullivan e Paulo Massadas.