"Quem crê em mim, como diz a escritura, do seu interior fluirá rios de águas vivas." (Jo. 7:38) Águas que fluem do coração do Senhor, Fontes eternas regam sementes de amor Águas que curam, águas que saram, águas do trono de Deus Que santificam, que me restauram, que purificam meu ser E nessas águas eu… Read More

É isso aí Como a gente achou que ia ser A vida tão simples é boa Quase sempre É isso aí Os passos vão pelas ruas Ninguém reparou na lua A vida sempre continua Eu não sei parar de te olhar Eu não sei parar de te olhar Não vou parar de te olhar Eu… Read More

Eu não vou negar Que sou louco por você "Tô" maluco pra te ver Eu não vou negar Eu não vou negar Sem você tudo é saudade Você trás felicidade Eu não vou negar Eu não vou negar Você é meu doce mel Meu pedacinho de céu Eu não vou negar Você é minha doce… Read More

? Bom Ser Crian

É bom ser criança, Ter de todos atenção. Da mamãe carinho, Do papai a proteção. É tão bom se divertir E não ter que trabalhar. Só comer, crescer, dormir, brincar. É bom ser criança, Isso às vezes nos convém. Nós temos direitos Que gente grande não tem. Só brincar, brincar, brincar, Sem pensar no boletim.… Read More ? Bom Ser Crian

(Eu Te Amo) Lucinda

Me paga uma ceva Claro que eu tô afim São regra da casa Se me chamar a mesa, tem que pagar um drink Foi no banheiro, E voltou tão falante Eu sei, você tem muito pra dizer. Mas eu, eu tenho muito pra te dar. Não olha pra mim, eu te amo lucinda. Não olha… Read More (Eu Te Amo) Lucinda

+ 1 Dose

Mais uma doseÉ claro que eu tô afimA noite nunca tem fimPor que que agente é assim? Aê! Garçom! Traz aqui pra mimMais uma dose, "é claro que eu tô afim"Tin tin! Como diz o ditado: "A noite é uma criança", mas eu é que tô sempre mamadoÉ mel na chupeta, pinga na chupeta, cerva… Read More + 1 Dose

+1 Natal

Por que eu fui morar aqui no oitavo andar? Desce pro térreo, aperta o térreo Eu dormi tanto que esqueci Seu presente vai atrasado, sem laço e tudo mais Comprar um amor pra dar de presente mas e a garantia? Tocar teu interfone pra te falar Vim te falar que eu desejo um feliz natal… Read More +1 Natal

1 Eu sem 1 Você

Sei que isso não vai funcionar Mas não durmo sem tentar Falar tudo o que eu tenho pra dizer Sei que você vai hesitar Mesmo assim eu vou falar Tente acreditar no que eu sinto por você É o que você nunca viu É o que ninguém jamais sentiu E que eu não vou dizer… Read More 1 Eu sem 1 Você

1 Para Nós

Tanta paz, santa paz já anoiteceu, tão tranqüilo está. Terá sido numa noite assim? Imagine o anjo a contemplar a ternura de Maria a olhar que o Rei nasceu! Um de nós, menino Deus nasceu Deus se fez um de nós, que amor grandioso maravilhosa luz, envolve ali Jesus na noite em Belém, homem Deus… Read More 1 Para Nós

1 Por Amor 2 Por Dinheiro

Na zona sul hei hei, essa é dedicada para todos os mc's doBrasil que veio do sofrimento rimando e exercendo a profissãoPerigo; é tudo nosso, tudo nosso, tudo nosso Quem é você que fala o que quer quese esconde igual mulher porTrás da caneta vai zé boceta vai da sombra,vai em tão toma seuMundo é… Read More 1 Por Amor 2 Por Dinheiro

10 Minutos

Peço 10 minutos Pra te convencer Nós dois ficamos juntos Se eu conseguir Te fazer corar, te fazer sorrir E não me esquecer Ao se despedir Felicidade Vai me acontecer Tá me acontecendo Me aconteceu Restam 10 minutos Pra te compreender Nós dois perdemos tudo, tudo Se eu conseguir Te fazer chorar, te fazer pedir… Read More 10 Minutos

10 Minutos

Por que você não atende as minhas ligações? Sei que você tem lá suas razões Olho milhões de vezes sua foto Me pergunto em que ponto perdemos o foco Por quê você não atende se vê que sou eu? Será que é o teu jeito de dizer adeus? Rodo mil histórias na minha cabeça Daqui… Read More 10 Minutos

10.000 destinos

Há mais de mil destinos em cada esquina Outras vidas esperando em cada esquina Há quase mil motivos pra gente ignorar O que ouve o que vê em cada esquina Uma vitrine muito bandeira Um imã na geladeira Alça de mira Lente de aumento Vampiro em frente ao espelho ?porque será? me diz? porque será?… Read More 10.000 destinos

100% Hardcore

Homens de visão curta, F.D.P., saiam do meu caminho Se é pra embarreirar, sangue suga, eu prefiro seguir sozinho; Comigo tá tudo certo, sei do meu caminho muito bem, Se você acha, então, que é só chegar e mandar, Que a vida é essa, então, cumpadi, agora você vai saber!! HC! Muito hardcore! Quem não… Read More 100% Hardcore

100% Você

Eu nunca imaginei Que fosse assim tão de repente Quando olhei você com esse sorriso envolvente Tive a impressão que a noite iria ser eterna Foi tão real E agora não sei se a distância vai Separar nossos caminhos Minha unica certeza é que eu Jamais vou te esquecer Me leva, me leva pro seu… Read More 100% Você

1000 Anos

Você fala demais Diz muitas besteiras da boca pra fora Mais sei que se arrepende Por jogar o que não era lixo fora Você briga me ignora Pisa na bola Senti saudade e chora Diz que é de raiva Pra não assumir que me adora Eu sei que um grande amor Não é fácil de… Read More 1000 Anos

1000 Megatons

Derramei minha semente onde chove bem A terra engole e ela morre pra que no lugar Haja vida pra continuar o que eu mal comecei Nada me para se eu não terminei Pensa que é mole ? Paga o preço e vem me acompanhar Nada vale mais do que marchas com o rei Honra, Jeová… Read More 1000 Megatons

12 + 1

(Ouçam) Ela para e enquadra é a viatura Skate e hip-hop, rock quem diria é a irmandade de rua virando diretoria No calibre de idéias, na voz adrenalina PMC-Charlie Brown Puxam o gatilho da rima Pensando em melhores dias pra minha vida eu me afastei de encrenca Mas se liga maluco, aqui não tem comédia… Read More 12 + 1

12 com dezoito

A na moral e a casa do caralho produções artísticas Orgulhosamente apresentam, mais um episódio da série A invasão dos homens fumaça. A primeira emenda da sua constituição Eu uso pra fazer a minha revolução Com o microfone na mão, então preste atenção sangue bom Os cães ladram mais a caravana não pára Dispara com… Read More 12 com dezoito

12 de Outubro

Cadê o meu presente, o meu abraço? A bicicleta que eu sonhei não vem com o laço. Não tem bolo, nem alegria. É dia das crianças, mas não pra periferia. Queria fugir daqui, é impossível, Eu não queria ver lágrimas, é difícil. Meus exemplos de vitória estão todos na esquina, De Tempra, de Golf, vendendo… Read More 12 de Outubro

12 de Outubro

12 de outubro de 2001Dia das CriançaVárias festa espalhada na periferiaNo Parque Santo Antônio hoje teve uma festaFoi bancada pela irmandade, uma organizaçãoTavam confeccionando roupa lá no Parque Santo Antônio láLutandoRemando contra a maréMas tá lá tá firmeTinha umas 300 pessoaNo, na festa das criançaComida, músicaTinha um grupo de rap de uma menininha de 10… Read More 12 de Outubro

1406

Atenção Creuzeback ao toque de quatro ja vai já, já, já, ja vai… Eu queria um apartamento no Guarujá Mas o melhor que consegui foi um barraco em Itaquá Você não sabe como parte um coração Ver seu filhinho chorando querendo ter um avião Você não sabe como é frustrante Ver sua filhinha chorando por… Read More 1406

15 anos

Quando me sinto assim Volto a ter quinze anos Começando tudo de novo Vou me apanhar sorrindo Seu amor hoje Me alimentará amanhã Eis o homem Que se apanha chorando Vivendo e não aprendendo Eis o homem, este sou eu Que se diz seguro Que se diz maduro Seu amor hoje Me alimentará amanhã Eis… Read More 15 anos

17 Anos de Vida

17 anos de vidaEu tô perdidoDo joelho até o umbigoTudo é perigo Resolve logoOu transa ou sai de cimaMas não me olha assimMas não me ri assimQue eu piro Arranjo empregoMonto apartamentoTe levo em lua-de-melPra onde você quiser Só, brotinho, não me obrigueA usar cinismo17 anos de vidaEu também tiveAh eu tô perdido

175 Nada Especial

Mais um dia mais um ônibus que eu peguei no rio Um ônibus tranquilo Estava vazio E a cidade engarrafada como não podia deixar de ser Viagem demorada O que fazer? Sem nenhuma mulher por perto pra bater um papo esperto Resolvi escrever um rap a mais, Mas não estou bem certo sobre o que… Read More 175 Nada Especial

1967

1967, o mundo começou Pelo menos pra mim E a minha história reduzida É mais ou menos assim: Nascido em São Cristóvão Morador de Madureira Desde pequeno acostumado a subir ladeira me lembro muito bem dos meus tempos de moleque que sempre passava as férias no final do 77 Padre Miguel sempre 10 na bateria… Read More 1967

1997

Mil novecentos e noventa e seteNovembro ainda me lembroEra fim de ano eu não tinha nada e você um novo empregoFoi quando tudo aconteceuA vida era difícil mas juntos tudo estava bemAlgumas brigas claro mas isso é tão normal quando se quer alguémComo eu quis você Eu quis matar todos seus amigosFalsos e fingidos que… Read More 1997

2 perdidos

Quando eu quis você Você não me quis Quando eu fui feliz Você foi ruim Quando foi afim Não soube se dar Eu estava lá mas você não viu Tá fazendo frio nesse lugar Onde eu já não caibo mais Onde eu já não caibo mais Onde eu já não caibo mais Onde eu já… Read More 2 perdidos

2 Semanas

Duas semanas longe Pensando só em vc Sonhando c/ o seu olhar Viajando no lugar Vc é o que eu sempre quis Me diga quando ligar Pra poder te encontrar Pego estradas, cruzo o mar Faço planos pra chegar Vc é o que eu sempre quis(sempre quis) Vale tudo o que eu fiz(que eu fiz)… Read More 2 Semanas

2:30 A.m

Liguei para você Deviam ser 2:30 da manhã Eu tinha que saber aonde você ia estar pra te ver Você talvez tenha me feito pensar no que eu tenho que me aprimorar Não é sempre que se pode ganhar Apesar de dizer Que eu perdi o teu telefone, eu liguei Não aguentei esperar, senti vontade… Read More 2:30 A.m

20 Minutes Girl

Eu me lembro como se fosse ontem Quando o coração se partiu Eu fiquei te olhando por 20 minutos E tu nem sequer me viu Eu fiquei imóvel Não pude reagir Pois na hora eu estava tão inseguro Que nao ia realmente conseguir Mas hoje aqui estou cantando pra você E nem sei se isso… Read More 20 Minutes Girl

200 Anos

Uma estrela que brilha no céu Como um presente de papai noel Ela chegou Infalível como um tiro à queima-roupa Na verdade é uma santa às vezes louca Na minha vida Um mistério que não descobri Uma história que ainda não li Que não conheço Mas o seu olhar cruzou o meu caminho E eu… Read More 200 Anos

200 por hora

Não dá pra esquecer teus olhos nem todos os beijos que você me dá, não da pra esquecer o cheiro e o ouro do cabelo a me iluminar, a vida passa tão sem graça mas quando você ta perto fica tudo bem eu corro a 200 por hora mas se é pra te ver mais… Read More 200 por hora

2000 Anos

Dois mil anos se passaram E o planeta encolheu assim, Muitas guerras se travaram, Tantas outras não chegaram ao fim, Muitos homens, quantos homens já viveram? Quantos ainda virão à luz? Só um homem, mais que todo homem, Nos mostrou o caminho que conduz à paz. Novos povos se formaram, Expandiram-se as civilizações, Fronteiras se… Read More 2000 Anos

2092, A Lei da Rua

Meu corpo não obedece Parece um pesadelo Eu peço mas a mente não atende ao meu apelo Eu sinto frio e muito medo tá tudo escuro Eu estou preso e muito além do seu futuro Visão nula Meu DEUS me ajuda! O que é isso aqui que loucura O desespero toma conta e fecha o… Read More 2092, A Lei da Rua

23 de Novembro

Hoje eu parei pra escutar meu coração Que só fala de você desde quando eu te vi Hoje as lembranças já fazem parte dessa canção Que eu escrevi só pra você Nós vamos estar Juntos mesmo quando não estamos perto Já não importa mais o que ficou pra trás Agora é só eu e você… Read More 23 de Novembro

2345meia78

Fim de semana chegando e o coitado tá no ossoMas acaba de encontar a soluçãoColoca um caderninho no bolso,Apanha umas fichas e corre prum orelhãoÉ o seu velho caderninho de telefoneCom o nome e o número de um monte de mulhéE ele vai ligar pra todas até conseguir chamar uma gata pra sair e dar… Read More 2345meia78

24 Horas de Amor

Quando acordei pela manhã Senti um perfume que há muito Muito tempo não sentia Olhei depressa ao meu redor E apalpei o seu lugar Em nossa cama tão vazia Eu que cheguei de um sonho bom Chorei ao ver tudo acabado Tanto amor, tanta doçura Mas o perfume era real E acreditei estar ali Sua… Read More 24 Horas de Amor

3 minutos

Se você me der 3 minutos vai entender o que eu sinto Eu não sou santo, mas não minto (não vou mentir) se você me der 3 minutos Se você me der uma chance Não vou deixar que a gente dance Esqueça o que pensa que sabe Duvide da crença e ?quem sabe? Vai sentir… Read More 3 minutos

3o do Plural

Corrida pra vender cigarro Cigarro pra vender remédio Remédio pra curar a tosse Tossir,cuspir,jogar pra fora Corrida pra vender os carros Pneu,cerveja e gasolina Cabeça pra usar boné E professar a fé de quem patrocina Eles querem te vender, eles querem te comprar Querem te matar de rir…querem te fazer chorar Quem são eles? Quem… Read More 3o do Plural

3×4

Diga a Verdade Ao Menos, Era-Uma-Vez na Vida Você se Apaixonou Pelos meus Erros… Não-Fique pela Metade Vá, eMfrente, Minha Amiga Destrua a Razão Deste Bêco Sem-Saída… Diga: "Ahhh… Verdade!" Ponha o Dedo na Ferida Você se Apaixonou Pelos meus Erros… E eu Perdi as Chaves Mas que Cabeça a Minha (Há!) Agora Vai-Ter, que… Read More 3×4

40 Anos

Nós todos temos quase uns 40 anos na cara coisa tão boa essa sensação tão rara de viver a existência em plenitude Quase não temos tempo para ver crescer os filhos em nossa mente imaginamos estribilhos e assim a culpa é do Apfelstrudel Filho um dia voce vai passar por isso a vida exige tanto… Read More 40 Anos

500 Anos de História

500 anos de história Se não me falha a memória Não há muito que comemorar Melhor que se investir de glórias ilusórias E se por em seu devido lugar Os anos e danos da colonização Índios dizimados, a escravidão Ainda se fazem lembrar De que vale Ter riquezas em demasia No mundo ser a oitava… Read More 500 Anos de História

5am

tenta dormir, nao vem com essa de “fui feita pra ti” sou m-o-kaine, nao e real, nao e real baby me dizer “eu sonhei com voce” pesadelo nao foi pois tu paga um pau poderia ser melhor assim: eu te ligo, e tu vem, mas me esquece no fim vem e curte a “naite” vem… Read More 5am

6 da Manhã

Seis da manhã grande estilo Hora de chega, hora de acorda… É aquilo Responsa quando é responsa vamu chega junto Sem usa disfarce nem muda de assunto… Num posso ser mais um cuzão sem destino Seis da manhã hã hã… Grande estilo… O galo já canto, é hora do acerto Toca despertador… Uh!!! Num tem… Read More 6 da Manhã

7 Vezes

Deixa o mundo avisar de teu nome, Sete vezes escrevi o seu nome, Deixa o mundo avisar de teu nome. Num mundo assim bem grande, sete vezes escrevi seu nome. Num mundo assim bem grande, sete vezes escrevi. Será que é é, fato necessário diz que é é, insistir e repetir que é é, todas… Read More 7 Vezes

765 Motivos pra Morrer

Teu sonho de nº1 é como ganhar na loteria quem mata boy pra usar crack não tem casa com piscina no morro tem bico demais manuseando a espingarda achando que é gibi de passatempo virando ração pra vira-lata O crime é um jogo que poucos chegam ao trono nao entra pra tomar espaço na cela… Read More 765 Motivos pra Morrer

9051

Não quero jogar fora o pouco tempo que nos resta Não quero jogar lenha na fogueira das vaidades Só tenho uma ficha, uma única certeza: Ninguém vai aceitar chamadas a cobrar Ninguém vai aceitar chamadas a cobrar Não adianta reclamar do pouco tempo que nos resta Nos resta aproveitar antes que seja tarde Só temos… Read More 9051

98/99

Há quem faça as contas Há quem vá as compras Quando mais um ano chega ao fim Hora de escrever cartões Hora de rever os planos Mais um ano chega ao fim Que venha em paz o ano que vem, que venha em paz o que o futuro trouxer Cai a neve nas vitrines e… Read More 98/99

A + B

“Já está provado por a + b que a + b não prova nada” E eu, pessoalmente, já mostrei Que é tudo a mesma coisa Mas ainda tem gente que não sabe Ou então tá se fingindo Que “pra quem ta indo, Quem vem vindo Na verdade é quem tá indo”… Por isso é bom… Read More A + B

A 300 Km/h

Eu fico o dia todo imaginando onde você está No que você estará fazendo numa hora dessas Será que aconteceu alguma coisa Que te fez lembrar de mim? Será que a gente estará junto no futuro? Acho que sim. Todo dia, toda hora, o tempo todo Eu tô falando em você E toda vez que… Read More A 300 Km/h

A Alegria

A alegria está no coração de quem já conhece a Jesus. A verdadeira paz só tem aquele que já conhece a Jesus. O sentimento mais precioso que vem do nosso Senhor é o amor que só tem quem já conhece a Jesus. Aleluia, Aleluia, Aleluia, Aleluia. O sentimento mais precioso que vem do nosso Senhor… Read More A Alegria

A Alma E A Matéria

Procuro nas coisas vagas Ciência! Eu movo dezenas de músculos Para sorrir… Nos poros a contrair Nas pétalas do jasmim Com a brisa que vem roçar Da outra margem do mar… Procuro na paisagem Cadência! Os átomos coreografam A grama do chão… Na pele braile prá ler Na superfície de mim Milímetros de prazer Quilômetros… Read More A Alma E A Matéria

A Arca de No

Sete em cores, de repente O arco-íris se desata Na água límpida e contente Do ribeirinho da mata.. O sol, ao véu transparente Da chuva de ouro e de prata Resplandece resplendente No céu, no chão, na cascata. E abre-se a porta da arca. Lentamente surgem francas A alegria e as barbas brancas Do prudente… Read More A Arca de No

A Arca de No

Sete em cores, de repente O arco-íris se desata Na água límpida e contente Do ribeirinho da mata O sol, ao véu transparente Da chuva de ouro e de prata Resplandece resplendente No céu, no chão, na cascata E abre-se a porta da arca Lentamente surgem francas A alegria e as barbas brancas Do prudente… Read More A Arca de No

A Arte do Insulto

Nada mal prum boçal, Retardado mental, infeliz. Tanto quis ser o tal, Conhecido entre os mais imbecis. Muito bem: você tem O talento que faz de você Tão proeminente panaca, Dos que não são comuns de se ver. Começou fazendo bobagem desde que chegou, Não parou nem quando o bar todo esvaziou. Bebe demais, fala… Read More A Arte do Insulto

A Atriz

Chego em casa Encontro apenas seu perfume Alimento certo, nutritivo pro ciúme Um bilhete escrito com batom me diz assim: “Entre um take e outro eu telefono pense em mim” Pra me relaxar ligo a televisão Mas que tolice a minha Triste tentativa em vão Ela me aparece com alguém que não sou eu Vejo… Read More A Atriz

A Bailarina

Um, dois, três e quatro, Dobro a perna e dou um salto, Viro e me viro ao revés e se eu caio conto até dez. Depois, dessa lenga-lenga Toda recomeça. Puxa vida, ora essa! Vivo na ponta dos pés. Quando sou criança Viro orgulho da família: Giro em meia ponta Sobre minha sapatilha. Quando sou… Read More A Bailarina

A Banca

Quem for sangue bom, demorou de se envolver Raízes tem demais, tem pra dar e vender Bom Rap me diverte faz eu viajar no mundo Deus há de fazer aqui no Broklin um escudo Com o tempo, eu vi onde estou Quem vacilou o esqueleto arrastou Os homem de preto aciona o dedo plick pléu… Read More A Banca

A Banda

Estava ? toa na vida O meu amor me chamou Pra ver a banda passar Cantando coisas de amor A minha gente sofrida Despediu-se da dor Pra ver a banda passar Cantando coisas de amor O homem s?rio que contava dinheiro parou O faroleiro que contava vantagem parou A namorada que contava as estrelas parou… Read More A Banda

A Banda do Zé Pretinho

A Banda Do Zé Pretinho chegou Para animar a festa…(2x) Zambá, Zambé, Zambí Zambó, Zambú, Zambá…(2x) Samba Zé Pretinho Samba Rei bonito Crioulo, que eu quero ver Anima a festa, Crioulo Rei Põe alegria Bota a tristeza prá correr… Peça à banda prá tocar Que todos nós Dançamos com você Mistura bumbo com violino Pandeiro,… Read More A Banda do Zé Pretinho

A Beira Mar

A beira mar, a beira mar A beira mar, a beira mar A beira mar, a beira mar A beira mar, a beira mar Essa brisa que nos leva Em cima da pedra no alto do morro Só pra ver o pôr do sol Refletido nas águas do mar, a beira mar A beira mar,… Read More A Beira Mar

A Bela e a Fera

Ouve a declara??o, oh bela De um sonhador tit? Um que d? n? em paralela E almo?a rolim? O homem mais forte do planeta T?rax de Superman T?rax de Superman E cora??o de poeta N?o brilharia a estrela, oh bela Sem noite por detr?s Tua beleza de gazela Sob o meu corpo ? mais Uma… Read More A Bela e a Fera

A Bonequinha

Eu tenho uma bonequinha simEla veio de Paris pra mimEla tem um lindo chapéuE também um amor de véuEu ponho ela em pé não caiEla diz mamãe papai (mamãe, papai)Mas um dia sem razãoEscorregou e caiu no chãoQuebrou o narizinho delaE também o dedinho do péEu levei ela no doutorQue sabia curar sem dorA bonequinha… Read More A Bonequinha

A Brusca Poesia Da Mulher

Minha mãe, alisa de minha fronte todas as cicatrizes do passado Minha irmã, conta-me histórias da infância em que que eu haja sido herói sem mácula Meu irmão, verifica-me a pressão, o colesterol, a turvação do timol, a bilirrubina Maria, prepara-me uma dieta baixa em calorias, preciso perder cinco quilos Chamem-me a massagista, o florista,… Read More A Brusca Poesia Da Mulher

A Carne é Fraca

Toda noite saio com os amigos saio pra balada tento te encontrar coração então viaja longe e num segundo volto começo a pensar Coração logo acelera quando penso em você toda noite eu bebo todas e não consigo te esquecer A carne é fraca ,coração é vagabundo e mesmo assim ainda bebo e não te… Read More A Carne é Fraca

A Carta

Amor escrevo essa carta e me abro Espero que leia e entenda o meu lado É que venho sofrendo a tanto tempo que nem Sei por onde começar a explicar hó meu bem Quando me olhar tente entender Não tenha pena de mim pelo que vem a saber Não posso mais suportar por isso devo… Read More A Carta

A casa

Era uma casa Muito engraçada Não tinha teto Não tinha nada Ninguém podia Entrar nela não Porque na casa Não tinha chão Ninguém podia Dormir na rede Porque na casa Não tinha parede Ninguém podia Fazer pipi Porque pinico Não tinha ali Mas era feita Com muito esmero Na rua dos bobos Número zero

A Casa de Pedra

No ar parei, sei que estou Dirijo a vida pelo retrovisor É este o meu supremo poder Perder meu amor nunca, jamais A arte de saber amar Quem a possui viaja além das nuvens Os anjos dizem amém O sonho começou, sonhar demais Amar, amar sobre todos os aspectos No mundo sou igual a todo… Read More A Casa de Pedra

A Cerca

Fazendo cerca na Fazenda do Rosário Resto de toco velho mandado pelo vigário Meu camarada, eu moro aqui do lado O terreno que tu cerca já está cercado Não entendi a assertiva do compadre Se é lei chama o doutor Se é milagre chama o padre É muito simples, veja ali na frente Está vendo… Read More A Cerca

A Chave Da Porta Da Frente

Becos escuros Ruas desertas Sombras, sussurros Noites e frestas Frio na espinha Beijos roubados Sexo e vertigem Amor e pecado… Tudo que um dia Ja foi o motivo Prá tanto mistério e prazer Apodreceu O nosso fruto proibido E eu vim aqui hoje Só prá dizer… Eu quero te olhar De um lugar diferente Eu… Read More A Chave Da Porta Da Frente

A Che Serve Volare

Veloce come il vento Io correvo verso te, La strada sempre uguale Scompariva agli occhi miei. Ma a che serve volare, Sempre volare, Quando l’amore Non aspetta più te. Ti vedevo nello specchio, Eri bella come allora, Sembravi la regina Della notte e dell’aurora. Ma a che serve volare, Sempre volare, Quando l’amore Non aspetta… Read More A Che Serve Volare

A Cidade

O sol nasce e ilumina as pedras evoluídas Que cresceram com a força de pedreiros suicidas Cavaleiros circulam vigiando as pessoas Não importa se são ruins, nem importa se são boas E a cidade se apresenta centro das ambições Para mendigos ou ricos e outras armações Coletivos, automóveis, motos e metrôs Trabalhadores, patrões, policiais, camelôs… Read More A Cidade

A Cidade Contra o Crime

Estava dando uns bordejos pelaí Quando derepente a figura apareceu E dentre tantos me escolheu Mas o barulho da cidade está tão grande que eu não pude nem ouvir quando o pinta me rendeu Não se move aí, Ô meu Mas que pinóia, eu, o rei da paranóia que não largo a minha bóia mesmo… Read More A Cidade Contra o Crime

A Cidade dos Artistas

Na cidade Ser artista É posar sorridente É ver se de repente Sai numa revista É esperar que o orelhão Complete a ligação Confirmando a excursão Que te leva ao Japão Com o teu pianista E antes que O sol desponte Contemplando O horizonte Conceder entrevistas Aos outros artistas Debaixo da ponte Na cidade Ser… Read More A Cidade dos Artistas

A Cidade é Nossa

Tem catraca eletrônica na escola do seu filho; Detector de metal pra mantê-lo vivo; Diamante, rubi, só enfeitam seu cofre; Presente da mulher que se usar morre; Trancafiado no seu condomínio acha que é livre; O alarme da mansão não evita o calibre; Na televisão compra o artista; Mas a bomba com a mão é… Read More A Cidade é Nossa

A Cidade Ideal

[introdução] Jumento: Àquela altura da estrada já éramos quatro amigos. Queríamos fazer um conjunto, bem. Queríamos ir juntos à cidade, muito bem. Só que, à medida que agente ía caminhando, quando começamos a falar dessa cidade, fui percebendo que os meus amigos tinham umas idéias bem esquisitas sobre o que é uma cidade. Umas idéias… Read More A Cidade Ideal

A Cigana

Na distância vi seu vulto desaparecer Nunca mais seu rosto eu pude ver Na distância vi seu vulto desaparecer Nunca mais seu rosto eu pude ver Uma vez você apareceu na minha vida Eu não percebi você de mim se aproximar Não sei de onde você veio e nem perguntei Talvez de alguma estrada que… Read More A Cigana

A Coisa Certa

Quero lhe oferecer o meu presente Tomara que você aceite, que fique contente Então rasgue o embrulho simplesmente Depois me diga baby O que é que você sente Todo mundo deveria oferecer Acho mesmo que é a coisa certa Todo mundo deveria dar e receber Presentes mísseis de significados Mas se por ventura não for… Read More A Coisa Certa

A Coisa Mais Bela

Tanto tempo eu caminhei Só pensando em um jeito De um dia poder te ter Em meus sonhos imaginei Um paraiso perfeito E nele apenas eu e você! A coisa mais bela do mundo é ela Loucura, desejo, sonhando com ela A coisa mais bela do mundo é ela Sozinho vivendo de amores por ela!… Read More A Coisa Mais Bela

A Conquista do Espa

Costas quentes (sempre em frente) Frente fria (sempre me frente) Sangue quente (sempre em frente) Demente sangria (sempre, sempre) Passo à passo à eternidade Um passo em falso: a cara no chão Um grande passo pra humanidade Um pequeno veneno pra cada um de nós – Lá do alto deve ser bonito! – Aqui de… Read More A Conquista do Espa

A Conquista do Espelho

Eu roubei esses versos Como quem rouba pão Com a mão urgente Com urgência no coração Eu contei stórias Inventei vitórias Como quem tem preguiça Como quem faz justiça Com as próprias mãos Eu roubei quase tudo que eu tenho Só pra chamar a atenção E, quando cheguei em casa Vi que lá morava um… Read More A Conquista do Espelho

A Cor

Queria tanto te falar Das angústias desse meu viver A força que afugenta as idéias E tenta nos impedir de ser mais Então a gente põe o pé na estrada Coragem não se sabe de onde vem(vem do céu) E deixa a promessa de um dia voltar Para os braços daquela que te quer bem… Read More A Cor

A Cruz

Vamos derrubar Essa muralha que existe Entre nós Parar de dar ouvidos A quem que nos ver A sós Nos amamos É o que importa Uma linda melodia Vai tocar agora Vem dançar comigo Essa é a nossa hora Assim juntinhos Nosso amor nunca vai embora Se existe uma barreira Entre os nossos corações Não… Read More A Cruz

A Cruz E A Espada

Havia um tempo em que eu vivia Um sentimento quase infantil Havia o medo e a timidez Todo um lado que você nunca viu Agora eu vejo, Aquele beijo era mesmo o fim Era o começo E o meu desejo se perdeu de mim E agora eu ando correndo tanto Procurando aquele novo lugar Aquela… Read More A Cruz E A Espada

A Culpa é de Quem?

Trabalho oito horas sete dias por semana só por fumar uma erva eu vou entrar em cana Deputados cheiram e bebem e não vão para prisão porque é ilegal? Eles que lesam a pátria e sou eu o marginal Não seja alienado eles falam que faz mal e você aceita calado Procure se informar Uma… Read More A Culpa é de Quem?

A Cura (CPM 22)

Não quero voltar no passado mais Pensei em te ligar Mas não sei se vai ser tão bom assim Mas se eu estiver em depressão profunda Sei que você não presta Mas procurei a cura Dentro de você eu procurei a cura Você sempre pareceu ser tão segura Dentro de você eu procurei a cura… Read More A Cura (CPM 22)

A Cura (Dead Fish)

Dois mil anos mais,apenas por termos fechado os olhos algumas vezes,até quando culpar?Sublimar o que é ruim, apontar o dedo assim, acreditar na redenção.Se o pior está aí não posso estarem seu lugar,certo demais! puro demais!Vidas fogem ao controle com as armas os beijos,carregados de seus pecados, frágeis,intensos.Se deleguei o meu poder,controlado controlar, toda dor… Read More A Cura (Dead Fish)

A Cura (Lulu Santos)

ExistiráEm todo porto tremularáA velha bandeira da vidaAcenderáTodo farol iluminaráUma ponta de esperança E se viráSerá quando menos se esperarDa onde ninguém imaginaDemoliráToda certeza vãNão sobraráPedra sobre pedra Enquanto issoNão nos custa insistirNa questão do desejoNão deixar se extinguirDesafiando de vez a noçãoNa qual se crêQue o inferno é aqui ExistiráE toda raça então experimentaráPara… Read More A Cura (Lulu Santos)

A dança das borboletas

As borboletas estão voando A dança louca das borboletas As borboletas estão girando Estão virando sua cabeça As borboletas estão invadindo Os apartamentos, cinemas e bares Esgotos e rios e lagos e mares Em um rodopio de arrepiar Derrubam janelas e portas de vidro Escadas rolantes e das chaminés Mergulham e giram num véu de… Read More A dança das borboletas

A Danca Das Borboletas

As borboletas estão voando A dança louca das borboletas Quem vai girar não quer dançar só quer voar, avoar Quem vai voar não quer dançar só quer voar, avoar E as borboletas estão girando Estão virando a sua cabeça Quem vai girar não quer dançar só quer girar, não caia! Quem vai girar não quer… Read More A Danca Das Borboletas

A Dança do Aparpa

Se você briga com sua mulher Ela não quer contigo falar Se você chega à noite em casa Fervendo em brasa querendo hanhá Se sua mulher só olha pros lados O fogo cruzado não deixa se aproximar Se sua mulher vai para cama Se deita e não te chama Então vou lhe ensinar, como é… Read More A Dança do Aparpa

A Deusa da Minha Rua

A deusa da minha rua Tem os olhos onde a lua Costuma se embriagar Nos seus olhos eu suponho Que o sol num dourado sonho Vai claridade buscar Minha rua é sem graça Mas quando por ela passa Seu vulto que me seduz A ruazinha modesta É uma paisagem de festa É uma cascata de… Read More A Deusa da Minha Rua

A Deusa dos Orixás

Yansã, cadê Ogum? Foi pro mar Mas Yansã, cadê Ogum? Foi pro mar (3X) Yansã penteia os seus cabelos macios Quando a luz da lua cheia clareia as águas do rio Ogum sonhava com a filha de Nanã E pensava que as estrelas eram os olhos de Yansã Mas Yansã, cadê Ogum? Foi pro mar… Read More A Deusa dos Orixás

A Diferenca

Liberdade concedidanão me interessaE eu não tenho pressapra conferirNessa altura do campeonatoNão vou mais sair no braçopra ninguém me engolirQuem perdeé quem pregaQuem precisaé quem negaO desconhecidoexceção à regraque confunde e cegaos pobres donos do mundoA diferençaTá na crençaDe quem pensa que pensaE apenas alimentaMeias verdadesMeias atitudesMeias bondadesNada disso me interessae eu não tenho pressapra… Read More A Diferenca

A Distância

Nunca mais você ouviu falar de mim Mas eu continuei a ter você Em toda esta saudade que ficou… Tanto tempo já passou e eu não te esqueci. Refrão: Quantas vezes eu pensei voltar E dizer que o meu amor nada mudou Mas o meu silêncio foi maior E na distância morro Todo dia sem… Read More A Distância

A Escada

Refrão(2X) Escada serve pra subir, serve pra descer Um degrau de cada vez, assim que tem que ser Serve pra subir, serve pra descer Um degrau de cada vez assim que tem que ser Ham! A vida na cadeia não é mole Ajuste sua sintonia Dê um trago, tome um gole Cheiro de morte, cheiro… Read More A Escada

A Estação

Senti que alguma coisa ia me dizer No tempo que restava antes de partir Mas seu silêncio me dizia muito mais Que todas as palavras que eu pudesse ouvir No olhar uma tristeza disfarçava No peito uma saudade antecipava Então sua mão meu rosto acariciou E com ternura meus cabelos afagou E a sua voz… Read More A Estação

A Estrada

Você não sabe O quanto eu caminhei Prá chegar até aqui Percorri milhas e milhas Antes de dormir Eu nem cochilei Os mais belos montes Escalei Nas noites escuras De frio chorei, ei , ei Ei! Ei! Ei! Ei! Ei!…(2x) A vida ensina E o tempo traz o tom Prá nascer uma canção Com a… Read More A Estrada

A Experiência

Expulse todas as informações da sua mente Vamos jogar fora nossas alianças e roupas Pois devemos estar Exatamente como viemos ao mundo Também nossos complexos, nossos ódios e traumas Vamos ser felizes, tocando nossas mãos Diante deste céu Que nos ilumina Pense no gesto maior De sermos dois num só Saia dos seus olhos por… Read More A Experiência

A fábrica do poema

Sonho o poema de arquitetura ideal Cuja própria nata de cimento Encaixa palavra por palavra, tornei-me perito em extrair Faíscas das britas e leite das pedras. Acordo; E o poema todo se esfarrapa, fiapo por fiapo. Acordo; O prédio, pedra e cal, esvoaça Como um leve papel solto à mercê do vento e evola-se, Cinza… Read More A fábrica do poema

A fábula

Era uma vez um planeta mecânico Lógico, onde ninguém tinha dúvidas Havia nome pra tudo e para tudo uma explicação Até o pôr-do-sol sobre o mar era uma gráfico Adivinhar o futuro não era coisa de mágico Era um hábito burocrático, sempre igual Explicar emoções não era coisa ridícula Havia críticos e métodos práticos Cá… Read More A fábula

A Faca

Se você quer me matar É só continuar assim E afundar cada vez mais Essa faca dentro de mim Mas cuida pra não me assustar Não me fazer gritar de dó Ao receber no coração De volta todo o meu amor Que no meu peito se aloja Que você viu e nem notou Não há… Read More A Faca

A Fé Solúvel

É, me esqueci da luz da cozinha acesa de fechar a geladeira De limpar os pés, Me esqueci Jesus! De anotar os recados Todas janelas abertas, onde eu guardei a fé… em nós Meu café em pó solúvel Minha fé deu nó Minha fé em pó solúvel É… meu computador Apagou minha memória Meus textos… Read More A Fé Solúvel

A Feira

É dia de feira Quarta-feira Sexta-feira Não importa a feira É dia de feira Quem quiser pode chegar…(2x) Vem maluco, vem madame Vem Maurício, vem atriz Prá comprar comigo… Vem maluco, vem madame Vem Maurício, vem atriz Prá levar comigo… Tô vendendo ervas Que curam e acalmam Tô vendendo ervas Que aliviam e temperam…(2x) Mas… Read More A Feira

A Felicidade

Tristeza não tem fim, felicidade, sim… A felicidade é como a pluma que o vento vai levando pelo ar Voa tão leve mas tem a vida breve precisa que haja vento sem parar… A felicidade do pobre parece a grande ilusão do carnaval, A gente trabalha o ano inteiro por um momento de sonho pra… Read More A Felicidade

A Felicidade

Tristeza não tem fimFelicidade simA felicidade é como a gota De orvalho numa pétala de florBrilha tranquilaDepois de leve oscilaE cai como uma lágrima de amor A felicidade do pobre pareceA grande ilusão do carnavalA gente trabalha o ano inteiroPor um momento de sonhoPra fazer a fantasiaDe rei ou de pirata ou jardineiraPra tudo se… Read More A Felicidade

A Felicidade

Tristeza não tem fim Felicidade sim A felicidade é como a pluma Que o vento vai levando pelo ar Voa tão leve Mas tem a vida breve Precisa que haja vento sem parar A felicidade do pobre parece A grande ilusão do carnaval A gente trabalha o ano inteiro Por um momento de sonho Pra… Read More A Felicidade

A Felicidade

Tristeza não tem fim Felicidade sim A felicidade é como a gota De orvalho numa pétala de flor Brilha tranquila Depois de leve oscila E cai como uma lágrima de amor A felicidade do pobre parece A grande ilusão do carnaval A gente trabalha o ano inteiro Por um momento de sonho Pra fazer a… Read More A Felicidade

A Ferro e Fogo

Eu não preciso que ninguém me diga Se é pra brigar ou pra fugir da briga Eu não preciso que ninguém me siga Eu tô na minha, eu vou na manha (da aranha) Eu não preciso que ninguém me diga Se é pra brigar ou pra fugir da briga Eu não preciso que ninguém me… Read More A Ferro e Fogo

A Festa

Já falei tantas vezes Do verde nos teus olhos Todos os sentimentos me tocam a alma Alegria ou tristeza Se espalhando no campo, no canto, no gesto No sonho, na vida Mas agora é o balanço Essa dança nos toma Esse som nos abraça, meu amor (você tem a mim) O teu corpo moreno Vai… Read More A Festa

A Festa de Santo Reis

Hoje é o dia de Santo Reis Anda meio esquecido Mas é o dia da festa De Santo Reis Hoje é o dia de Santo Reis Anda meio esquisito Mas é o dia da festa De Santo Reis… Eles chegam tocando Sanfona e violão Os pandeiros de fita Carregam sempre na mão Eles vão levando… Read More A Festa de Santo Reis

A Filha

Quando me da uma louca Eu saio pra rua pra beijar na boca Numa calça desbotada e a cabeça virada Pra chamar a atenção de você, só de você… Eu nunca saio da linha Só saio sozinha não tenho ninguém Mamãe as vezes reclama Que eu não vou pra cama com alguém Ela não sabe… Read More A Filha

A flor

Ouvi dizer, do teu olhar ao ver a florNão sei por quê achou ser de um outro rapazFoi capaz de se entregar…Eu fiz de tudo pra ganhar você pra mim, mas mesmo assim… Minha flor serviu pra que você achasse alguémUm outro alguém que me tomou o seu amorEu fiz de tudo pra você perceber… Read More A flor

A Flor da Pele

Não sei quando ou como começou Só sei que me alucina Me perdi do fio condutor Do amor que me domina E você me usa a seu favor Igual mulher de esquina E me leva embora, traidor Assim que se termina Mas se você quer Eu logo vou Sabendo da rotina Despencamos sobre o cobertor… Read More A Flor da Pele

A Flor ou o Espinho

São tantos caminhos só naõ ha tanto tempo a perder A flor ou o espinho, é vce quem tem que escolher A luz ou as trevas, a paz ou a guerra, a escolha só a vce cabera. A vida aqui não é mais que uma estante, este mundo mutante tudo passara Porque? então naõ se… Read More A Flor ou o Espinho

A Força do Destino

Hoje fazem 20 anos Que eles se encontraram Num arrasta! Oh, oh, ah, ah! Com som de vitrola a pilha Cuba-libre, hi-fi e gim-tônica Oh, oh, ah, ah! Fulminante neste instante O encontro que se deu E ali no meio do arrasta Uma chama ardeu E eles se amavam tanto Quanto, achavam, ninguém mais ousou,… Read More A Força do Destino

A Forma

A gente vai e volta Atrás do que é ou foi Se não conseguir, revolta Com a perda dos dois O fã chora quando vê seu ídolo chorar E se decepciona, na necessidade de amá-lo Eu sei que muitos ídolos Se envolvem com seus fãs A amizade é verdadeira, perfeita Quando a mente é sã… Read More A Forma

A Fórmula do Amor

Eu tenho o gesto exato, sei como devo andar Aprendi nos filmes pra um dia usar Um certo ar cruel de quem sabe o que quer Tenho tudo planejado pra te impressionar Luz de fim de tarde, meu rosto em contra-luz Não posso compreender, não faz nenhum efeito A minha aparição será que errei na… Read More A Fórmula do Amor

A Foto da Capa

O retrato do artista quando moço Não é promissora, cândida pintura É a figura do larápio rastaqüera Numa foto que não era para capa Uma pose para câmera tão dura Cujo foco toda lírica solapa Era rala a luz naquele calabouço Do talento a clarabóia se tampara E o poeta que ele sempre se soubera… Read More A Foto da Capa

À francesa

Meu amor se você fôr embora Sabe lá o que será de mim Passeando pelo mundo à fora Na cidade que não tem mais fim Ora dando fora, ora bola Um irresponsável pobre de mim… Se eu te peço prá ficar ou não Meu amor eu lhe juro Que não quero deixá-lo na mão E… Read More À francesa

A Frequência

Somos a voz da estrada,o grito incontrolávelque está tomando todas asestações de seu rádio. Nossa freqüência está no ar,bem perto de vocêe não adianta se esconderdo som de quando você dormesem ter hora para acordar.Do som dos meninosvoltando da escolae das meninas em todo lugar. Nossa freqüência está no ar,bem perto de vocêe não adianta… Read More A Frequência

A Fuga

A fuga cinematográfica e pra quem pode Estilo holywood na terra do sacode pobre Nasci com pouca sorte foda-se Mando aqui com dinheiro droga eu mando aqui Filma malandro sai do inferno Em pleno céu azul no mosquito de ferro Eu quero eu quero outro final Muda todo roteiro o mocinho vai perde Pru bandido… Read More A Fuga

A Galinha

[introdução] Jumento: Acabou? Calma companheiro, eu não sou teu patrão. Cachorro: Como senhor? Vossa excelência não quer ser meu patrão? Jumento: hê, deixa disso, eu sou um pobre coitado igual a você sou um pau-de-arara. Cachorro: Sim, senhor pau-de-arara, Às ordens. Em que posso servi-lo? Aonde quer que o leve? Jumento: Não me leva a… Read More A Galinha

A Garota do Baile

Quem não acreditar Venha ver a multidão Que com ela quer dançar Ela adivinha que eu Estou sofrendo Também querendo Com ela dançar Fico em pé olhando E esperando Que ela se afaste da multidão Para eu me aproximar Com ela dançar Do meu carinho Do meu amor, do meu amor Poder falar (Intr.) E… Read More A Garota do Baile

A gente

Não sei porque mas às vezes, me sinto tão bem Talvez nem perceba Mas são coisas simples que me fazem respirar e seguir em frente Não sei porque mas às vezes me sinto tão bem Talvez nem mereça Quero viver outro tanto Nunca me senti tão sonoro Agora, como sempre, é cedo Me sinto tão… Read More A gente

A Gente Ainda se Ama

Tá na hora de você voltar pra mim e dar mais uma chance pra nos dois. Meu bem a gente já se machucou de mais esta na hora de voltar atrás. Melhor deixar falar a voz do coração preciso de você, você de mim pra que fazer de conta que já não dá mais está… Read More A Gente Ainda se Ama

A Gente Não Tem Jeito

É sempre assim A gente não tem jeito não Não tem vergonha O nosso coração É sem vergonha Sempre faz tudo pra Gente voltar Eu digo não te quero mais Você diz que eu posso ir Que já não aguenta mais Que é melhor não insisitir Mas no meio dessas brigas Nosso amor é uma… Read More A Gente Não Tem Jeito

A Gente se Enrosca

Quando me perdi na solidão; Você apareceu me deu a mão; Foi complicado; Não tem nada errado, quando existe amor; Eu sei que você tem um compromisso; tá difícil, continuar sabendo disso; É um caso antigo; Amor proibido; Eu e você. (Refrão) Mais a gente se enrosca e deixa o amor acontecer; a gente quebra… Read More A Gente se Enrosca

A Gente Se Entrega

Uma dose de saudade misturada com paixão Me deixa de cabeça tonta e embriaga o coração A gente se entrega, a gente se entrega Chora sem querer A gente se entrega, a gente se entrega Pisa na bola e não vê Estou ficando louco, apaixonado, coração tá machucado De tanto levar pancadas de amor Saudade… Read More A Gente Se Entrega

A Gente Vai Se Amar

Não demora por favor Que eu só quero te encontrar Pra te dar de volta Tudo o que eu sonhei Nesse tempo que eu passei a viver depois do fim Eu me abrigo nessa noite escura E as derrotas que eu embelezei Minhas ilhas flutuando pelo ar E as histórias que eu ainda vou contar… Read More A Gente Vai Se Amar

A Guerra dos Meninos

Hoje eu tive um sonho que foi o mais bonito Que eu sonhei em toda a minha vida Sonhei que todo mundo vivia preocupado Tentando encontrar uma saída Quando em minha porta alguém tocou Sem que ela se abrisse ele entrou E era algo tão divino, luz em forma de menino Que uma canção me… Read More A Guerra dos Meninos

A História de Jorge

Ei, xará! Ei, xará! Ei, xará! Olha, essa é a história de uma menino Que tinha um amigo que voava E Jorge se chamava Ninguém acreditava no menino não voava Quando ele dizia que tinha uma amigo que falava, brincava e até voava Todo mundo dele caçoava Um dia Jorge soube de tudo E voou… Read More A História de Jorge

A Idade Do C

Não somos maisQue uma gota de luzUma estrela que caiUma fagulha tão sóNa idade do céu… Não somos oQue queríamos serSomos um breve pulsarEm um silêncio antigoCom a idade do céu… Calma!Tudo está em calmaDeixe que o beijo dureDeixe que o tempo cureDeixe que a almaTenha a mesma idadeQue a idade do céu… Ranhan! Anhan!… Read More A Idade Do C

A Idade Do Céu

Não somos mais Que uma gota de luz Uma estrela que cai Uma fagulha tão só Na idade do céu… Não somos o Que queríamos ser Somos um breve pulsar Em um silêncio antigo Com a idade do céu… Calma! Tudo está em calma Deixe que o beijo dure Deixe que o tempo cure Deixe… Read More A Idade Do Céu

A Ilha Não se Curva

presente em tudo que eu faço em qualquer hora e lugar em toda esquina em cada passo: profana luz a me guiar …vida a fora…noite a dentro… impressa em cada gesto meu brilha a luz no fim do túnel cores capazes de cegar quem tem medo de entregar-se …vida a fora…noite a dentro… inimigos na… Read More A Ilha Não se Curva

A Imagem

Que é que há? tão querendo me tirar? Não assumo essa culpa Nem embaixo de pancada de chuva de canivete E não te meter a besta, tipo burro, Pra você pode ser Aquela figura infernal que espalha o mal Que tal viver a vida inteira Subindo num pau-de-sebo Buscando sossego? Escorrega, cai E, pra completar… Read More A Imagem

A Inocência do Prazer

Já passou, fomos perdoados Por todos os deuses do amor Acabou, podemos ser claros Como era antes, seja lá como for Alguém tentou desesperadamente Sentir algo decente Sou feliz, pois já fui julgada Daqui pra frente, tudo é meu Então fala baixo Fala baixo e sente Eu vou te dar um presente Vento novo, flores… Read More A Inocência do Prazer

A Internacional

De pé, ó vítimas da fome De pé, famélicos da terra Da idéia a chama já consome A crosta bruta que a soterra Cortai o mal bem pelo fundo De pé de pé não mais senhores Se nada somos em tal mundo Sejamos tudo ó produtores Senhores patrões chefes supremos Nada esperamos de nenhum Sejamos… Read More A Internacional

À Janela

Da janela o horizonte A liberdade de uma estrada eu posso ver O meu pensamento voa livre em sonhos Pra longe de onde estou Eu às vezes penso até onde essa estrada Pode levar alguém Tanta gente já se arrependeu e eu Eu vou pensar, eu vou pensar Quantas vezes eu pensei sair de casa… Read More À Janela

A Jangada Voltou Só

A jangada saiu Com Chico Ferreira e Bento A jangada voltou só Com certeza foi lá fora, algum pé de vento A jangada voltou só… Chico era o boi do rancho Nas festa de Natar Chico era o boi do rancho Nas festa de Natá Não se ensaiava o rancho Sem com Chico se contá… Read More A Jangada Voltou Só

A La Antigua

Yo soy de esos amantes a la antigua Que suelen todavía mandar flores De aquellos que en el pecho aún abrigan Recuerdos de románticos amores Yo soy aquél amante apasionado Que aún usa fantasía en sus romances Le gusta contemplar la madrugada Soñando entre los brazos de su amada Yo simplemente soy de esa clase… Read More A La Antigua

A Lei do Morro

Aí malandragem Caguetou no morro é o seguinte A lei do Morro… a lei Não é mole não Se você “caguetar” Tem que ter muita disposição Pra meter a mão na turbina malandro E apertar com precisão Meter a mão na turbina E apertar com precisão E… se não acertar o alvo Você vai se… Read More A Lei do Morro

A Lenda

Bem lá no céu uma lua existe Vivendo só no seu mundo triste O seu olhar sobre a Terra lançou E veio procurando por amor Então o mar frio e sem carinho Também cansou de ficar sozinho Sentiu na pele aquele brilho tocar E pela lua foi se apaixonar Luz que banha a noite E… Read More A Lenda

A letra A

A letra A do seu nomeAbre essa porta e entraNa mesma casa onde eu moroNa mesa que me alimenta A telha esquenta e cobreQuando de noite ela deitaA gente pensa que escolheSe a gente não sabe inventa A gente só não inventa a dorA gente que enfrenta o malQuando a gente fica em frente ao… Read More A letra A

A Loba

Sou dôce, dengosa, polida Fiel como um cão Sou capaz de te dar Minha vida… Mas olha Não pise na bola Se pular a cêrca Eu detono Comigo não rola… Sou de me entregar De corpo e alma na paixão Mas não tente nunca Enganar meu coração Amor prá mim Só vale assim Sem precisar… Read More A Loba

A Loira do Carro Branco

Viajando solitário mergulhado na tristeza Numa curva da estrada eu tive uma surpresa Uma loura encantadora bonita por natureza Me pediu uma carona eu atendi com destreza Sentou bem pertinho de mim com muita delicadeza O meu carro foi o trono, eu passei a ser o dono da rainha da beleza. Foi o dia mais… Read More A Loira do Carro Branco

A Louca

Não vem bancar a louca Não adianta pirar Foi você quem me usou E depois me pediu Pra nunca mais voltar Você já caiu fora Jurou não mais voltar Pediu que eu colocasse outra em seu lugar Mas a gente não manda No nosso sentimento Eu chorei por você muito tempo E agora vem com… Read More A Louca

A Lua e Eu

Mais um ano se passou E nem sequer ouvi falar seu nome, a lua e eu Caminhando pela estrada Eu olho em volta e só vejo pegadas Mas não são as suas eu sei, Eu sei, eu sei O vento faz eu lembrar você As folhas caem mortas como eu Quando olho no espelho Estou… Read More A Lua e Eu

A Lua Que Eu Te Dei

Posso te falar dos sonhos Das flores De como a cidade mudou Posso te falar do medo Do meu desejo, do meu amor… Posso falar da tarde que cai E aos poucos deixa ver No céu a Lua Que um dia eu te dei… Gosto de fechar os olhos Fugir no tempo De me perder… Read More A Lua Que Eu Te Dei

A Lua Que Te Dei

Posso te falar do sonho Das flores De como a cidade mudou Posso te falar do medo Do meu desejo Do meu amor Posso falar da tarde que cai E aos poucos deixar ver No céu, a lua Que um dia eu te dei Gosto de fechar os olhos Fugir do tempo De me perder… Read More A Lua Que Te Dei

A Luz da Light

Lá no morro quando a luz da light pífa A gente apela pra vela, que alumeia também (quando tem) Se não tem não faz mal A gente samba no escuro Que é muito mais legal (e é natural) Quando isso acontece Há um grito de alegria A torcida é grande pra luz voltar Só no… Read More A Luz da Light

A maçã

Se esse amor Ficar entre nós dois Vai ser tão pobre amor Vai se gastar… Se eu te amo e tu me amas Um amor a dois profana O amor de todos os mortais Porque quem gosta de maçã Irá gostar de todas Porque todas são iguais… Se eu te amo e tu me amas… Read More A maçã

A Macaca Vai Cantar

Alô, alô comunidade Esta noite A macaca vai cantar Eu vou mostrar a esse verme Quem é o contexto Da jurisdição Olha aí não tem pedido Traíra passou da tolerância E todos vão ficar sabendo O porquê da cobrança… Enquanto eu curtia o veneno Lá dentro da tranca Ele aqui fora gastava Tudo que era… Read More A Macaca Vai Cantar

A Mais Bonita

Não, solidão, hoje não quero me retocar Nesse salão de tristeza onde as outras penteiam mágoas Deixo que as águas invadam meu rosto Gosto de me ver chorar Finjo que estão me vendo Eu preciso me mostrar Bonita Pra que os olhos do meu bem Não olhem mais ninguém Quando eu me revelar Da forma… Read More A Mais Bonita

A Mais Pedida

Nesse show não entra menor, Um homem censurou, tava de mau humor Não tinha dormido bem porque não levantou Pense como ia ser bom Se nós fizesse um som que ultrapassasse A barreira das AM, FM e dos elevador Aí sim, dá um selin E mostra o seio that you saw Quando eu te vi… Read More A Mais Pedida

A Mala

A mulher que eu arranjei é uma mala não vale nada, eu não quero mais amá-la! Eu não sei qual o meu crime ou se é queima de karma. Mas eu muito já sofri nas unhas dessa infeliz, essa desclassificada. Essa mulher desgraçada só me dá raiva e gastura. É a cruz do meu caminho,… Read More A Mala

A maldição do samba

Quer dançar? quer dançar? então prepara A maldição bateu sambou nunca mais pára E tá na cara a raiz tá cravada no chão Do tronco ao fruto com a nave mãe fazendo a conexão E sangue bom eu disse sangue bom Tem coisas que invadem o coração já disse o joão não Ninguém faz samba… Read More A maldição do samba

A Mancha

A Mancha no tapete parecia mingau A Mancha no tapete parecia mingau Mas não era mingau que que era pessoal Era suco de Cacete, Era suco de pau Era suco de Cacete, Era suco de pau Era suco de Cacete, Era suco de pau Era suco de Cacete, Era suco de pau MANCHA! Mamamamamamamamamamamamancha, Mancha!… Read More A Mancha

A Mancha

A mancha vem comendo pela beira O óleo já tomou a cabeceira do rio E avança A mancha que vazou do casco do navio Colando as asas da ave praieira A mancha vem vindo Vem mais rápido que lancha Afogando peixe, encalhando prancha A mancha que mancha, Que mancha de óleo e vergonha Que mancha… Read More A Mancha

A Mão da Limpeza

O branco inventou que o negro Quando não suja na entrada Vai sujar na saída, ê Imagina só Vai sujar na saída, ê Imagina só Que mentira danada, ê Na verdade a mão escrava Passava a vida limpando O que o branco sujava, ê Imagina só O que o branco sujava, ê Imagina só O… Read More A Mão da Limpeza

A Mão da Limpeza

O branco inventou que o negro Quando não suja na entrada Suja na saída Ê, imagina só Suja na saída Ê imagina só Que mentira danada, ê Na verdade a mão escrava Passava a vida limpando O que o branco sujava Ê imagina só O que o branco sujava Ê imagina só O que o… Read More A Mão da Limpeza

A Medida Da Paixão

É como se a gente não soubesse Pra que lado foi a vida Por que tanta solidão E não é a dor que me entristece É não ter uma saida Nem medida na paixão Foi, o amor se foi perdido Foi tão distraido Que nem me avisou Foi, o amor se foi calado Tão desesperado… Read More A Medida Da Paixão

A Melhor do Planeta

Tu pensas que tu é que és A melhor mulher do planeta Mas eu é que vou fazer Tudo o que te der na veneta. Tu foste marcar dois por quatro Batendo teus pés lá no chão do teatro Não entendo a opereta Fizeste a careta Pior do planeta. Tu foste dançar par constante Num… Read More A Melhor do Planeta

A Melhor Parte De Mim

A melhor parte de mim Leva o meu caminho até você Isso é o que me deixa mais forte Me faz tão bem, me faz tão bem Que perco o medo E me sinto melhor Já posso enfrentar Todos os meus problemas Pois agora sei Que quando acabar você vai estar aqui Eu posso ver,… Read More A Melhor Parte De Mim

A Menina Dan

Quando eu cheguei tudo, tudo Tudo estava virado Apenas viro me viro Mas eu mesma viro os olhinhos S? entro no jogo porque Estou mesmo depois Depois de esgotar O tempo regulamentar De um lado o olho desaforo Que diz o meu nariz arrebitado E n?o levo para casa Mas se voc? vem perto eu… Read More A Menina Dan

A Minha Menina

Ela é minha menina Eu sou o menino dela Ela é o meu amor E eu sou o amor todinho dela A lua prateada se escondeu E o sol dourado apareceu Amanheceu um lindo dia Cheirando a alegria Pois eu sonhei E acordei pensando nela Pois ela é minha menina E eu sou o menino… Read More A Minha Menina

A Minha Menina

Ela é minha menina E eu sou o menino dela Ela é o meu amor E eu sou o amor todinho dela A lua prateada se escondeu E o sol dourado apareceu Amanheceu um lindo dia Cheirando a alegria Pois eu sonhei E acordei pensando nela Pois ela é minha menina E eu sou o… Read More A Minha Menina

A Moca Do Sonho

Súbito me encantou A moça em contraluz Arrisquei perguntar: quem és? Mas fraquejou a voz Sem jeito eu lhe pegava as mãos Como quem desatasse um nó Soprei seu rosto sem pensar E o rosto se desfez em pó Por encanto voltou Cantando a meia voz Súbito perguntei: quem és? Mas oscilou a luz Fugia… Read More A Moca Do Sonho

A Montanha

Nem tão longe que eu não possa ver Nem tão perto que eu possa tocar Nem tão longe que eu não possa crer que um dia chego lá Nem tão perto que eu possa acreditar que o dia já chegou No alto da montanha, num arranha-céu No alto da montanha, num arranha-céu Se eu pudesse,… Read More A Montanha

A Montanha

Eu vou seguir uma luz lá no alto eu vou ouvir Uma voz que me chama eu vou subir A montanha e ficar bem mais perto de Deus e rezar Eu vou gritar para o mundo me ouvir e acompanhar Toda minha escalada e ajudar A mostrar como é o meu grito de amor e… Read More A Montanha

A Morena

Ó, Morena Vem ver Vou lhe mostrar Que o samba é duro prá valer Diz que é rainha do samba Quem é que vai encarar ? Êta morena assanhada Que joga pra cima Que joga pra lá E que a danada do samba Ninguém consegue parar Essa morena assanhada Com jeito gostoso quer me conquistar… Read More A Morena

A Mulher que Eu Amo

A mulher que eu amo Tem a pele morena É bonita, é pequena E me ama também A mulher que eu amo Tem tudo que eu quero E até mais do que espero Encontrar em alguém A mulher que eu amo Tem um lindo sorriso É tudo que eu preciso Pra minha alegria A mulher… Read More A Mulher que Eu Amo

A Namorada

Você, que vem de dentro da saudade que eu sentia Da noite mal dormida, da minha fantasia Você, que renasceu do meu segredo Do meu sonho, do meu medo Do meu verso e da verdade derradeira Você a companheira A namorada à minha espera Meu refúgio, meu regresso, minha vida, meu amor Você, uma lembrança,… Read More A Namorada

A Não Ser Você

Eu vim aqui sem medo Querendo me render Dizer que mesmo longe Eu estava com você Perdão Mas não vá trazer De volta O que sofri E aí só Nos resta inventar A lua e o mar Pra nos refletir E seguir Hoje eu não quero mais me machucar Hoje eu não quero me perder… Read More A Não Ser Você

A natureza divina

Inexistência de medo; Purificação da vida; Compreensão transcedental; Caridade; autocontrole; Prática de sacrifícios; Estudo dos textos védicos Austeridade; humildade; Não-violência; não irar-se; Desapego; gentileza Veracidade; renúncia; Não gostar de ver defeitos; Determinação; modéstia Compaixão para com todas as entidades viventes estar livre da cobiça; cordialidade; clemência; Vigor; pureza; limpeza; Não desejar ser honrado

A Necessidade

A Necessidade obrigou Você a me procurar. Você era, orgulhosa. Mas a necessidade acabou com a sua prosa. Você era, orgulhosa. Mas a necessidade acabou com a sua prosa. “Sou Genaro soalheiro, nome conhecido no samba inteiro” “Se você não acredita é só perguntar a quem é partideiro” “Artisticamente falando Bezerra da Silva tem muito… Read More A Necessidade

A Noite

À noite, quando o calor se mistura com a luz da tv preto e branco À noite, eu quieto dentro de casa ouvindo rajadas de bala À noite, fatos ruins do jornal se unem ao meu cansaço À noite, o mesmo corpo cansadão As vezes se perde de frente a saída Mesmo assim eu paro… Read More A Noite

A Noiva da Cidade

Tutu-Marambá não venha mais cá Que a mãe da criança te manda matar” Tutu-Marambá não venha mais cá Que a mãe da criança te manda matar” Ai, como essa moça é descuidada Com a janela escancarada Quer dormir impunemente Ou será que a moça lá no alto Não escuta o sobressalto Do coração da gente… Read More A Noiva da Cidade

A Novidade

Uh! Heiê! Oh!Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô!Ah! Aaaah!Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô!Ah! Aaaah!Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô!Ah! Aaaah! Heiê! Heiê!Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô!Ah! Aaaah!… A novidade veio dar à praiaNa qualidade rara de sereiaMetade o bustoD'uma deusa MaiaMetade um grandeRabo de baleia… A novidade era o… Read More A Novidade

A onda

Força não há capaz de enfrentar Uma idéia cujo tempo tenha chegado A força não é capaz de salvar Uma idéia cujo tempo tenha passado Força não há capaz de enfrentar Uma idéia cujo tempo tenha chegado É impossível domar a força do mar Pra pegar a onda tem que estar Na hora certa num… Read More A onda

A Ostra e o Vento

Vai a onda Vem a nuvem Cai a folha Quem sopra meu nome? Raia o dia Tem sereno O pai ralha Meu bem trouxe um perfume? O meu amigo secreto Põe meu coração a balançar Pai, o tempo está virando Pai, me deixa respirar o vento Vento Nem um barco Nem um peixe Cai a… Read More A Ostra e o Vento

A Paixão

A paixão dominou Sem eu perceber Pra nos envolver, coração A paixão dominou Mesmo sem querer sem eu entender, a razão Por favor, não me faz sofrer sem você O tempo não pára e a gente sofre a dor há tantas mudanças no campo do amor do amor Sou muito velho pra me apaixonar te… Read More A Paixão

A Palavra

Somos guerreiros sem armas Usamos apenas a palavra Que vem como fogo do céu Que vem como a força do mar Que brilha feito a luz do sol Impossível de se apagar. Nossa missão: pregar a paz, felicidade e o amor Alegria em todo lugar E fé no criador Por isso é precisso coragem Sabedoria… Read More A Palavra

A Palavra Adeus

Eu não posso compreender Porque tudo mudou pra mim Foi uma palavra só Que tudo destruiu em mim Porque o mar tão calmo Não se transformou em fúria E não calou a voz que sem tremer Me disse aquele adeus Vi a luz do entardecer Aos poucos se apagar pra mim Não, não sabia se… Read More A Palavra Adeus

A Partir desse Instante

A partir desse instante Eu não vou mais ficar esperando você E não vou mais deixar Que os meus sonhos se percam buscando você A partir desse instante Eu não vou mais ficar repetindo o seu nome E não vou mais chorar, eu tenho que aceitar Eu não vou mais pensar em você A partir… Read More A Partir desse Instante

A Paz

Quando olho pro futuro Vejo coisas que não podem ser reais As pessoas, esse disturbio Me pergunto onde está você minha paz? (Quero saber, preciso saber) Eu quero uma resposta Faz tanto tempo que você não está aqui… To sentindo tanto sua falta Esqueça os problemas Quero que tudo dê certo que tudo fique bem… Read More A Paz

A Paz

A paz invadiu o meu coraçãoDe repente, me encheu de pazComo se o vento de um tufãoArrancasse meus pés do chãoOnde eu já não me enterro mais A paz fez um mar da revoluçãoInvadir meu destino; A pazComo aquela grande explosãoUma bomba sobre o JapãoFez nascer o Japão da paz Eu pensei em mimEu pensei… Read More A Paz

A Paz É Uma Pomba Branca

E aí Ferrez, a pergunta é uma só mano, O que é atríade, paz, periferia e guerra? As respostas que eu tenho, o que a maioria tem, geralmente são ilusões, Mas eu vou tentar falar de paz, periferia e até de guerra, Firmão truta to com você, o campo de concentração esta ouvindo, A paz… Read More A Paz É Uma Pomba Branca

A Pedra Mais Alta

Me resolvi por subir na pedra mais alta Pra te enxergar sorrindo da pedra mais alta Contemplar teu ar, teu movimento, teu canto Olhos feito pérola, cabelo feito manto Sereia bonita sentada na pedra mais alta To pensando em me jogar de cima da pedra mais alta Vou mergulhar, talvez bater cabeça no fundo Vou… Read More A Pedra Mais Alta

A Perigo

Planos de vôo Tava tudo em cima: céu de brigadeiro sobre nós Pane… pânico Perdemos a altura… puxaram o tapete voador Hoje estamos a perigo Hoje estamos separados, divididos Mas um dia, um dia, nós seremos a maioria Pane…! que pena! Panos quentes Fica tudo como está; no mesmo lugar… impunemente Hoje estamos a perigo… Read More A Perigo

A Permuta dos Santos

[…]Outro recurso muito eficaz, o mais eficaz de todos eles, consiste em “contrariar” os santos. […] levava-se para ali o S. Sebastião da igreja local, trazendo-se, em troca, […] a imagem do Senhor do Bonfim, tudo processionalmente, com rezas e cânticos. Enquanto não chovia os santos não voltavam para seus lugares. (Dicionário do Folclore Brasileiro,… Read More A Permuta dos Santos

A Ponta do Iceberg

Toda vez que eu olho para o tempo E insistentemente tento, tento ver em vão um novo alento Eu vejo um denso espesso nevoeiro que esconde e encobre por inteiro Um oceano de incertezas, algo além do natural, ação da natureza Enquanto o barco segue, talvez você não enxergue Não, não, não, não mais que… Read More A Ponta do Iceberg

A Ponte

Como é que faz pra lavar a roupa? Vai na fonte, vai na fonte Como é que faz pra raiar o dia? No horizonte, no horizonte Este lugar é uma maravilha Mas como é que faz pra sair da ilha? Pela ponte, pela ponte A ponte não é de concreto, não é de ferro Não… Read More A Ponte

A Pousada do Bom Barão

TODOS Vamos tratar uma hospedagem Pra descansar e seguir viagem GATA Olha que linda aquela pensão Se chama “Pousada do bom barão” JUMENTO Para mim, esse nome, não sei não GALINHA Já tou por aqui de tanto barão GATA Mas vamos, mas vamos, não custa tentar É só pruma noite e depois se mandar CACHORRO… Read More A Pousada do Bom Barão

A Praia

Hoje vou cantar por que me faz bem Quero fugir desse lugar e voce vem tambem É só isso que eles fazem? Falam falam falam falam… Deixa eu te mostrar meu baile baile baile baile Não, não vou te levar pra um show Já pensei algo pra nós Viajar pra ver o mar, vou te… Read More A Praia

A Praieira

No caminho é que se vê A praia melhor pra ficar Tenho a hora certa pra beber Uma cerveja antes do almoço é muito bom pra ficar pensando melhor E eu piso onde quiser Você está girando melhor, garota Na areia onde o mar chegou A ciranda acabou de começar, e ela é! E é… Read More A Praieira

A Praieira

No caminho é que se vê A praia melhor pra ficar Tenho a hora certa pra beber Uma cerveja antes do almoço é muito bom pra ficar pensando melhor E eu piso onde quiser Você está girando melhor, garota Na areia onde o mar chegou A ciranda acabou de começar, e ela é! E é… Read More A Praieira

A Primeira Letra

Não sei o que passa Dentro da sua cabeça Será que pede a Deus Prá que eu te esqueça Será que também chora Como eu, está sofrendo Será que não demora E vai voltar correndo… No fundo a gente sabe O que está acontecendo Você foi me ganhando Eu te perdendo Está em minha cara… Read More A Primeira Letra

A Primeira Pedra

Atire a primeira pedra Quem não sofreu, quem não morreu por amor Todo corpo que tem um deserto Tem um olho de água por perto Para ouvir basta abrir os poros Para aceitar basta oferecer Para quê adiar um desejo De alguém que lhe quer tanto beijo Quem de vocês Resiste a uma tentação Quem… Read More A Primeira Pedra

A Primeira Vez

Quando nós nos conhecemos num segundo percebemos que em nós dois Tanta coisa poderia existir daquele dia p'ra depois A impressão que eu sentia era que te conhecia há muito tempo atrás A primeira vez que eu ví você a primeira vez Por aquele nosso encontro eu não sei por quanto tempo eu esperei O… Read More A Primeira Vez

A Princesa

Para mim o teu sorriso é como as estrelas Para mim o seu olhar tem a luz da lua Se eu pudesse eu daria todo o universo pra te amar Ó princesa, por favor, não vá É tão grande essa paixão que eu tenho no meu peito Tanto amor guardado no meu coração Quantas vezes… Read More A Princesa

A Promessa

Não vejo nada. O que eu vejo, não me agrada. Não ouço nada. O que eu ouço, não diz nada Perdi a conta Das pérolas e porcos Que eu cruzei, pela estrada… Estou ligado à cabo A tudo que acaba De acontecer… Propaganda É a arma do negócio. No nosso peito bate Um alvo muito… Read More A Promessa

A Queda

Quantos sonhos em sonhos acordo aterrado A terrores noturnos minha alma se leva É um insight soturno é o futuro passando Na velocidade terrível da queda Na velocidade terrível da queda Ante o colapso final a vertigem próximo ao chào a penúltima descoberta Que a lógica violenta das cores tinge A velocidade terrível da queda… Read More A Queda

A Raça Humana

A raça humana éUma semanaDo trabalho de deusA raça humana é a ferida acesaUma beleza, uma podridãoO fogo eterno e a morteA morte e a ressurreiçãoA raça humana é o cristal de lágrimaDa lavra da solidãoDa mina, cujo mapaTraz na palma da mãoA raça humana risca, rabisca, pintaA tinta, a lápis, carvão ou gizO rosto… Read More A Raça Humana

A Rasteira do Presidente

Alô, alô Dona de Casa, Fiscais do Presidente, se liga, Tabela de preços na mão, E vamos lutar contra a inflação. E não é mole não, Vivendo dessa maneira, Eles inventaram essa tal de inflação, E o Presidente, deu aquela rasteira, Não é mole não. (refrão) O meu salário é o mínimo, porém é o… Read More A Rasteira do Presidente

A Razão e o Porquê

Eu quis encontrar a razão Sondei o Sol, sondei a chama Que emana e incendeia Cadeias de estrelas Galáxias inteiras Que singram a imensidão A luz que permeia Cada partícula que centelha Auauauauá! A razão superior e o porquê Auauauauá! A razão de todo esplendor Auauauauá! Do sopro que habita cada ser Auauauauá! Da fonte… Read More A Razão e o Porquê

A Rede

Nenhum aquário é maior do que o mar Mas o mar espelhado em seus olhos Maior, me causa um efeito De concha no ouvido, barulho de mar Pipoco de onda, ribombo de espuma e sal Nenhuma taça me mata a sede Mas o sarrabulho me embriaga Mergulho na onda vaga Eu caio na rede Não… Read More A Rede

A Resposta

Te perdoar Não vai ser o bastante pra me ver voltar (depois do que eu sofri) Te perdoar Não vai ser num instante que eu vou mudar Enxugue o sangue dos meus olhos! Você falou que dentre nós dois o melhor sempre fui eu Você faltou com a sua palavra ao mentir pra mim Eu… Read More A Resposta

A Resposta É Não

Se alguém dentre nos Tinha de esclarecer Alguma coisa aqui esse alguém é você Quem foi que mentiu? Quem foi que traiu? O que você disser não vai convencer O errado é que sou eu O culpado de tudo E o amor que era meu Ficou só como escudo Pra não notar quem você é… Read More A Resposta É Não

A Rita

A Rita levou meu sorriso No sorriso dela Meu assunto Levou junto com ela O que me é de direito E Arrancou-me do peito E tem mais Levou seu retrato, seu trapo, seu prato Que papel! Uma imagem de são Francisco E um bom disco de Noel A Rita matou nosso amor De vingança Nem… Read More A Rita

A Rosa

Arrasa! O meu projeto de vida Querida! Estrêla do meu caminho Espinho! Cravado em minha garganta Garganta! A santa! Às vezes troca meu nome E some! E some! Nas altas da madrugada… Coitada! Trabalha de plantonista Artista! É doida pela portela Ói ela! Ói ela! Vestida de verde e rosa A Rosa! A Rosa! Garante… Read More A Rosa

A Sacanagem é Roxa

Yo defecava en el mato Cuando me jogaran una piedra La piedra bateu en mi costa Bateu en mi costa Me melei todo de bosta Me melei todo de mierda Só por causa de una piedra… Só por causa de una piedra… Me melei todo de mierda… Você falou, devidamente puto Que eu era um… Read More A Sacanagem é Roxa

A Saudade Não Passa

Mais um ano se passou Desde que você deixou A saudade aqui comigo Eu pensei que fosse fácil Esquecer o seu abraço A lembrança continua sofro, choro pelas ruas Busco por notícias suas Não te acho em nenhum lugar Sinto falta de você O que fiz pra te perder ? Preciso tanto te esquecer A… Read More A Saudade Não Passa

A Saudade Não Passa

Mais um ano se passou Desde que você deixou A saudade aqui comigo Eu pensei que fosse fácil Esquecer o seu abraço A lembrança continua sofro, choro pelas ruas Busco por notícias suas Não te acho em nenhum lugar Sinto falta de você O que fiz pra te perder ? Preciso tanto te esquecer A… Read More A Saudade Não Passa

A Semente

Meu vizinho jogou Uma semente no seu quintal De repente brotou Um tremendo matagal (Meu vizinho jogou…) Quando alguém lhe perguntava Que mato é esse que eu nunca vi? Ele só respondia Não sei, não conheço isso nasceu ai Mas foi pintando sujeira O patamo estava sempre na jogada Porque o cheiro era bom E… Read More A Semente

A Sete Palmos do Chão

Eu bem que tentei ficar aqui, bem na minha Mas eu não consegui Tu achas que tu estás muito bem sozinha Fazendo esse joguinho Saiba que eu só quero a distância de ti Pois me faria tão bem Mas eu não consigo, assim, ser feliz Me ferraria também Me ferraria também Estive pensando em ir… Read More A Sete Palmos do Chão

A Sombra da Maldade

Eu sei que ela nunca mais apareceu Na minha vida minha Minha mente Novamente Eu sei que o que ficou Não desapareceu A minha vida Muda Sempre Lentamente Como a lua, Que dá voltas pelo céu E mexe, Tanto com o presente Quanto o ausente Eu sei, eu sei, eu sei, eu sei Eu sei,… Read More A Sombra da Maldade

A Sorrir

A sorrir Eu pretendo levar a vida Pois chorando Eu vi a mocidade Perdida Fim da tempestade O sol nascerá Finda esta saudade Hei de ter outro alguém para amar A sorrir Eu pretendo levar a vida Pois chorando Eu vi a mocidade Perdida

A sua

Eu só quero que você saiba Que estou pensando em você Agora e sempre mais Eu só quero que você ouça A canção que eu fiz pra dizer Que eu te adoro cada vez mais E que eu te quero sempre em paz Tô com sintomas de saudade Tô pensando em você E como eu… Read More A sua

A Sua Maneira

Ela dormiu no calor Dos meus braços Huuum! E eu acordei sem saber Se era um sonho Algum tempo atrás Pensei em te dizer Que eu nunca cai Nas suas armadilhas de amor… Naquele amor À sua maneira Perdendo um tempo A noite inteira… Não mandarei Cinzas de rosas Nem penso em contar Os nossos… Read More A Sua Maneira

A Técnica do Baixo Elétrico

A técnica do baixo elétrico É diferente da do baixo acústico A técnica do baixo acústico É diferente da do baixo elétrico O cara que toca baixo elétrico Não precisa necessariamente tocar baixo acústico O cara que toca baixo acústico Não precisa necessariamente tocar baixo elétrico O cara que toca baixo elétrico E o cara… Read More A Técnica do Baixo Elétrico

A Televisão

O homem da rua Fica só por teimosia Não encontra companhia Mas prá casa não vai não Em casa a roda já mudou Que a moda muda A roda é triste A roda é muda Em volta lá da televisão… No céu a lua Surge grande e muito prosa Dá uma volta graciosa Pra chamar… Read More A Televisão

A Tendência

Se já não sei quem eu sou E vivo sempre a esperar A tendência… a tendência… Mudei o look, Aumentou minha audiência Sem eu precisar, de essência… de essência… Posso ser triste, emotivo Alegre ou deprimido Mudo até você me aceitar Eu posso ser um nerd assumido Ou fashion colorido O que importa é alguém… Read More A Tendência

A Terceira Lamina

É aquela que fere, que virá mais tranqüila com a fome do povo, com pedaços da vida com a dura semente, que se prende no fogo de toda multidão acho bem mais do que pedras na mão dos que vivem calados, pendurados no tempo esquecendo os momentos, na fundura do poço, na garganta do fosso,… Read More A Terceira Lamina

A Triste Partida

Meu Deus, meu Deus Setembro passou Outubro e Novembro Já tamo em Dezembro Meu Deus, que é de nós, Meu Deus, meu Deus Assim fala o pobre Do seco Nordeste Com medo da peste Da fome feroz Ai, ai, ai, ai A treze do mês Ele fez experiênça Perdeu sua crença Nas pedras de sal,… Read More A Triste Partida

A Tua Boca

Não é veneno A tua boca Quando chama a luz do dia Quando diz que a chama é pouca Quando ama tão vadia Se reclama ser tão pouca A outra boca que esvazia Quando beija ou abandona Quando clama entre as chamas quando chia Quando pia entre as ramas Quando adoça é como ardia Não… Read More A Tua Boca

A Última Chance

Não quero mais te ver, Tire suas mãos de mim agora As últimas palavras que naquela hora eu ouvi No princípio do fim Pra sumir daqui Quer ir embora e me esquece Mas se voltar, se entregue Nada acontece sem você aqui Assim Que tudo fica incompleto Se as horas já não correm enquanto eu… Read More A Última Chance

A Última Guerra

Duas luas sobre a Terra Apoiadas nos meus ombros Iluminam os escombros Da nossa última guerra Seu amor seca hidroelétricas Corrompe os melhores diáconos Seu amor esquenta os átomos E rompe com a minha métrica (refrão) E a poeira Não deixou de cair Passeia aqui através de mim E encontra assim o fim E a… Read More A Última Guerra

A Uma Mulher

Quando a madrugada entrou eu estendi o meu peito nu sobre o teu peito Estavas trêmula e teu rosto pálido e tuas mãos frias E a angústia do regresso morava já nos teus olhos. Tive piedade do teu destino que era morrer no meu destino Quis afastar por um segundo de ti o fardo da… Read More A Uma Mulher

A urgência

Hoje é o dia da revoluçãoNão há ninguém nas ruasVocê está sozinhoPronto… pra sujar as mãos Muito antes de dizerNão havia tempo pra agirEsquecer tudo o que leuMais teorias pra cuspir Muitos já tentaram, muitos vão morrerSeja justo, não há causa, não ceda outra face pra bater Há urgência em estar vivo!Outra forma de pensar!… Read More A urgência

A Usurpadora

Obrigado pelo tempo em vão Agora eu vou que vou, ninguém mais me engana Eu vou fazer por mim o que eu fiz por ti Não passa daqui Se fez demais, eu ri Sua mensagem eu não li Não sonha, não sonha Eu só joguei e te enganei Mas ainda corre atrás, viver sofrendo não… Read More A Usurpadora

A Valsa De Águas-Vivas

Eu faria tudo outra vez, se soubesse que ouviria o eco responder A tudo aquilo que por noites em claro busquei no radar Mas as antenas não traziam nada, então fiz da estática O mar em que com cinzas nos pulmões, afoguei as mágoas Por não escutar nas conchas as ondas E acabei me enforcando… Read More A Valsa De Águas-Vivas

A Velha Historia

Vem cá, diz como está! Faz tempo que agente não se vê , por isso resolvi ligar Vem cá, diz que vai dar Pra gente sair juntos, só me diz a hora, que eu vou te buscar Te esperei por todos esses anos E agora não vou mais me enganar Desde que eu te vi… Read More A Velha Historia

A Vida

Ah! A vida é uma festa É surf, é praia, é verão É bugre na areia, é voar num balão Ah! A vida é uma festa É luz do sol, é sabor Da cor do sorvete, recheio de amor Um carinho, um videoclip Você me liga, eu faço click E nesse jogo sou a princesa… Read More A Vida

A Vida ? Doce

Com a mesma falta de vergonha na cara eu procurava alento no Seu último vestígio, no território, da sua presença Impregnando tudo tudo que Eu não posso, nem quero, deixar que me abandone Não posso, nem quero, deixar que me abandone Não posso, nem quero, deixar que me abandone não Com a mesma falta de… Read More A Vida ? Doce

A Violeira

Desde menina Caprichosa e nordestina Que eu sabia, a minha sina Era no Rio vir morar Em Araripe Topei como chofer dum jipe Que descia pra Sergipe Pro Serviço Militar Esse maluco Me largou em Pernambuco Quando um cara de trabuco Me pediu pra namorar Mais adiante Num estado interessante Um caixeiro viajante Me levou… Read More A Violeira

A Volta

Estou guardando O que há de bom em mim Para lhe dar Quando você chegar Toda ternura E todo meu amor Estou guardando para lhe dar… E toda vez Que você me beijar A minha vida Quero lhe entregar Em cada beijo Certo ficarei Que você não Vai me deixar… Grande demais Foi sempre o… Read More A Volta

A Volta do Malandro

Eis o malandro na praça outra vez Caminhando na ponta dos pés Como quem pisa nos corações Que rolaram nos cabarés Entre deusas e bofetões Entre dados e coronéis Entre parangolés e patrões O malandro anda assim de viés Deixa balançar a maré E a poeira assentar no chão Deixa a praça virar um salão… Read More A Volta do Malandro

A Volta do Malandro

Eis o malandro na praça outra vez Caminhando na ponta dos pés Como quem pisa nos corações Que rolaram nos cabarés Entre deusas e bofetões Entre dados e coronéis Entre parangolés e patrões O malandro anda assim de viés Deixa balançar a maré E a poeira assentar no chão Deixa a praça virar um salão… Read More A Volta do Malandro

A Voz Do Coração

O amor bateu na minha porta outra vez Não vá deixar passar falou a voz do coração Esqueça tudo o que você passou de uma vez Não tenha medo e se entregue a essa paixão Mais eu tenho tanto medo de sofrer Também não quero mais ficar na solidão Você chegou assim tão de repente… Read More A Voz Do Coração

A-Há!

Chama o pessoal da produção aí, por favor, oh! Avisa o Renan que eu não vou poder levar o filho dele no colégio. É que a mulher dele me ligou, me pediu: “Querido, me dá uma mão?” Eu disse: “Até duas!” Também pudera, né!? Avisa o pessoal que talvez não dê pra “mim” ir na… Read More A-Há!

Abandonados Pelo Sistema (Babylon System)

Nestes dias confusos Vibrações negativas rolando pelo mundo afora Como sentir-se feliz, sentir-se seguro Se a realidade a cada dia piora Todos os dias notícias explodem Revelam um novo problema Enquanto crianças padecem e morrem Abandonadas pelo sistema (babylon system) Vitimadas pelo sistema (babylon system) Órfãos do sistema (babylon system) Omisso sistema (babylon system) Todos… Read More Abandonados Pelo Sistema (Babylon System)

Abandono

O que será ser só Quando outro dia amanhecer Será recomeçar Será ser livre sem querer O que será ser moça E ter vergonha de viver Ter corpo pra dançar E não ter onde me esconder Tentar cobrir meus olhos Pra minh’alma ninguém ver Eu toda a minha vida Soube só lhe pertencer O que… Read More Abandono

Abandono

Se voltar não faça espanto, cuide apenas de você Dê um jeito nessa casa, ela é nada sem você Regue as plantas na varanda, elas devem lhe dizer Que eu morri todos os anos, quando esperei você Se voltar não me censure, eu não pude suportar Nada entendo de abandono, só de amor e de… Read More Abandono

Abeced?rio Da Xuxa

A de AmorB de BaixinhoC de CoraçãoD de DocinhoE de EscolaF de FeijãoG de GenteH de HumanoI de IgualdadeJ JuventudeL LiberdadeM MolecagemN NaturezaO ObrigadoP Proteção!Q de Quero-QueroR de RiachoS de SaudadeT de TerraU de UniversoV de Vitória!X o que que é?É Xuxa!Z é zum zum zum zum zumVamos CantarVamos BrincarAlegria pra valer!O abecedário da XuxaVamos… Read More Abeced?rio Da Xuxa

Abidjan, Abidjan

Je me souviens jusqu’à present Je me souviens si bien et si souvent Quand je suis venu à Abidjan Abidjan, Abidjan Mon doux sejour african J’ai laissé le Brésil pour vivre en Afrique De l’outre côte de l’Atlantique j’étais si jeune Et ravi em arrivant À Abidjan, Abidjan Mon doux sejour africain C’est lá que… Read More Abidjan, Abidjan

Abismo

Bem daqui onde estou já não dá pra voltar Nas alturas do amor onde você chegar Lá eu vou E o que mais a fazer a não ser me entregar a não ser não temer O abismo em seu olhar ou é mar? O seu olhar… Não há precipícios na vertigem do amor Só descobre… Read More Abismo

Abololô

Abololô, abolocô E a saudade vem Vem pra dizer que no peito Há vazio há falta de alguém Abololô, abolocô E a saudade vem Vem pra qualquer um qualquer hora Por alguém que foi pra longe já volta Foi para não mais voltar Gente que sente e que chora Alguém que foi embora

Abraça o meu braço

abraça o meu abraço e abre aspas e couraça e casaca e roupa até o polpa o nervo a voz antes da boca aonde a mesma brasa ilesa siamesa dorme acesa embaixo dágua abraça o breu do meu abraço e sua o seu no meu suor na nossa massa mancha que absorve engole goma o… Read More Abraça o meu braço

Abraça Quem Qué

Só quem qué… (só quem qué) Ablaça quem qué… Seja bem vindo ao novo clube o passado esqueça… Festa. Aqui ser o melhor é o que interessa Tudo muito lindo o melhor o mais querido Muito luxo muito brilho muito… Seja bem vindo Parabéns! Foi o q ele disse Um ablaço, um copo de Wiskhy.… Read More Abraça Quem Qué

Abre Essas Pernas

"As mulheres e as galinhas São dois bichos interesseiros A galinha pelo milho E a mulher pelo dinheiro" Abre essas pernas pra mim baby Tô cansado de esperar Você dá pra todo mundo Só pra mim que você não qué dá Esse papo de pele e de química Não tem nada a vê Não é… Read More Abre Essas Pernas

Abri os olhos

Sei Mais do que eu quis Mais do que sou E sei do que sei Só não sei viver Sem querer ser Mais do que sou E o fato é o ato da procura E a cura não existe só O que era certo Eu descobri Nem sempre era o melhor Abri os olhos Não… Read More Abri os olhos