Faça o download do App do Análise de Letras para Android! É grátis!


Últimas Análises

Tens (calmaria) parece que foi escrito p/evitar a censura também -- não foi?
Um amor antigo, o qual não foi possível levar a diante. As recordações de um tempo em que não era preciso assumir grandes responsabilidades, pois "escreviam os beijos nos muros a giz"; tampouco assumir um real compromisso, afinal, ..."agente sempre se casava ao luar..." Também existe um "pouco de prazer em sofrer, querer te ver, talvez eu fosse capaz..." Eles seguiram cada um com sua vida, mas não conseguiram se esquecer e, mesmo que haja dor em um reencontro, mesmo que seja tarde demais, o sentimento não foi embora. O coração insiste em lembrar e deseja que o outro o faça também: Lembra de mim???
Obrigada Ivan por cantar tão maravilhosamente essa música! Obrigada "meu amor"por mandá-la para mim!Alegrou a minha alma e meu coração!
A letra é maravilhosa, pois demostra a imensidão...onde pode chegar um grande amor! O QUERER ter uma pessoa por completo...O querer se doar inteiramente... Viver..Viver...Quem não quer sentir isso???!!! É o ENCONTRAR a cara metade tão sonhada por todos NÓS! Que DEUS abençõe os poetas, para continuarem escrevendo coisas tão belas...incentivando o ser humano a viver melhor.
A letra da musica, mostra a gratidão que ele tem em ver tal alegria em sua amada,como ela consegui encontrar felicidade a daca instante,cada pensamento positivo,cada olhar. Também o desejo dele em participar junto com ela todo esse momento.
O novo tempo é o momento de se mostrar, de lutar pelo seu espaço, por um país livre. "No novo tempo, apesar dos perigos/Da força mais bruta, da noite que assusta, estamos na luta/Pra sobreviver, pra sobreviver, pra sobreviver" Apesar de todas as violências sofridas, estavam todos na luta pela sobrevivência, pelo direito à palavra... Nesse "novo tempo" queriam a liberdade, a democracia, queriam o direito à reunião, queriam uma vida plena, queriam deixar um Brasil melhor de herança aos filhos... aos brasileiros. E, "apesar dos castigos/ De toda fadiga, de toda injustiça, estamos na briga/ Pra nos socorrer, pra nos socorrer, pra nos socorrer" E, não importando o "castigo" (o exilio, a prisão, a censura) estavam "na briga' pra se ajudar, pra apoiar, pra vencer o inimigo comum: a repressão da ditadura...
não tm video dessa musica..pq ela é boa