Um Bodegueiro na Fiec

1 comentários

Falcão

Você não faria a menor falta
Num dia de domingo no Beach Park
Eu não te levaria nem morta
A passear comigo no Iguatemi
Eu não me atreveria a passar vexame
Perante os meus amigos lá da Aldeota
Pois agora eu tenho o maior respaldo
Nas altas paneladas da alta sociedade

Eu sei que a burguesia fede
Mas tem dinheiro pra comprar perfume
E além do mais o high society
Leva chifre e não tem ciúme
Eu sou “in”, não sou “out” – eu sou VIP

Agora com você eu não quero nem ovo
Eu sei que o meu passado agora me condena
A sua presença só me prejudica
Suja a minha glória, borra a minha fama
Pois hoje eu sou pessoa muito benquista
Com muita influência no meio das rodas
Até já fui chamado pra dar palpite
Na vida sexual da Primeira Dama


One comment on “Um Bodegueiro na Fiec

  1. Rodrigo de Albuquerque disse:

    Essa música é uma piada sobre a burguesia e a elite cearense, que detém o controle da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC).

    O termo “bodega” quer dizer “pequeno comércio” (EX.: mercadinhos, padarias, quiosques, bombonieres, pegue-pagues, bares) e seu dono ou gerente se chama “bodegueiro”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *