Ate O Fim

18 comentários

Engenheiros do Hawaii

Não vim até aqui
Prá desistir
Agora!
Entendo você
Se você quiser
Ir embora…

Não vai ser a primeira vez
Nas últimas 24 horas
Mas eu não vim até aqui
Prá desistir
Agora!…

Minhas raízes estão no ar
Minha casa é qualquer lugar
Se depender de mim
Eu vou até o fim…

Voando sem instrumentos
Ao sabor do vento
Se depender de mim
Eu vou até o fim…

Eu não vim até aqui
Prá desistir
Agora!
Entendo você
Se você quiser
Ir embora
Não vai ser a primeira vez
Nas últimas 24 horas…

Ainda não se curva
Noite adentro
Vida afora!
Toda vida
O dia inteiro
Não seria
Exagero
Se depender de mim
Eu vou até o fim…

Cada célula
Todo fio de cabelo
Falando assim
Parece exagero
Mas se depender de mim
Eu vou até fim..

Eu não vim até aqui
Prá desistir
Agora!
Não vim até aqui
Prá desistir
Agora!…


18 comments on “Ate O Fim

  1. Germano disse:

    pelo que eu entendi, a música fala de uma pessoa que não quer desistir dos seus ideais

  2. Jessica Costa disse:

    A pessoa que nao vai desistir dos seus objetivos! Que vai ate onde preciso for para consegui-los!!!

  3. Davi Figueirêdo disse:

    mostra que a pessoa nunca deve desistir das suas escolhas,e do que pensa!!!

  4. Edelvan Guia disse:

    A letra da música nos passa que mesmo com influências contrárias,não devemos desistir de nossos planos,sonhos e metas.
    “Eu não vim até aqui
    Prá desistir
    Agora!
    Entendo você
    Se você quiser
    Ir embora”
    Esse trecho reforça bem o meu modo de pensar.

  5. R disse:

    Fala do passado do cantor e as dificuldades pra chegar a fama:
    “Voando sem instrumentos
    Ao sabor do vento
    Se depender de mim
    Eu vou até o fim…”

  6. Nathalia disse:

    Retrata a maneira de como as pessoas desistem facilmente de suas metas com o trecho
    ” Entendo você
    Se você quiser
    Ir embora…
    Não vai ser a primeira vez
    Nas últimas 24 horas ”
    mas o eu-lirico é diferente, não irá desistir e lutará até o fim.. passando até por minimas coisas como uma célula ou até mesmo um fio de cabelo.

    uma simples análise. Obrigada !

  7. José Linhares disse:

    Considero a análise de todos aqui, e aceito. mas eu também acredito que seja o seguinte: o fato de ele se dirigir diretamente a uma pessoa dá a impressão de se tratar de uma questão romântica, de uma possível separação que ele tenta evitar, segurando o relacionamento até o fim.

  8. Rodrigue disse:

    Essas musica lembra situações na vida em que temos que continuar mesmo com as dificuldades, as vezes temos ao nosso lado uma pessoa que acaba desistindo de sonhos os quais era comum e você tem que continuar mesmo sem estrutura,você não se limita aquele momento de dificuldade e coloca o pé na estrada, sua afina:
    “Minhas raízes estão no ar
    Minha casa é qualquer lugar
    Se depender de mim
    Eu vou até o fim…”

  9. Victor Aragão disse:

    Muito bom galera, acho que ta todo mundo certo. Mas acho que o começo da música trata-se de um momento de dúvida onde ele discute com ele mesmo se deve ou não desistir. Aquele momento onde pensamos uma voz diz pra desistir e outra diz pra continuar

  10. Francisco Alpendre disse:

    Até o Fim é uma letra interessante, leve porém profunda. Na minha ótica trata-se uma transição de separação consumada, um divórcio concluído, porém lamentado. As raízes no ar e a casa em qualquer lugar denotam um indivíduo já liberto, cujas dores já passaram e foram cicatrizadas. Todavia, algo ainda o prende à pessoa amada (ou que se deixeou de amar), embora não haja mais a necessidade absoluta de estarem juntos. Pode-se continuar (não vim até aqui pra desistir agora) mas, se acabar, acabou (entendo você, se você quiser ir embora). Já passei por situação análoga, em todas as fases, sensação lírica de Deja Vu.

  11. Esta música ao meu ver se trata de um casal, ela quer ir, mas ele não quer que ela vá embora ela esteja sempre dizendo que quer(não vai ser a primeira vez, nas ultimas 24 horas)Então ele começa a apresentar diversas soluções:

    “Minhas raízes estão no ar
    Minha casa é qualquer lugar”

    Aqui ele diz que deixa até mesmo suas raízes e sua casa pra segui-la em qualquer lugar, porque se depender dele, ele vai até o fim

    “Voando sem instrumentos
    Ao sabor do vento”

    De novo ele fala de si mesmo abandonando tudo por ela, os instrumentos (por ele ter uma banda) ele deixaria até mesmo isso e viveria ao sabor do vento, porque se depender dele, irá até o fim. Ele está disposto a tudo pra ir até o fim com ela. Aí depois disso ele começa a falar que ainda nem é madrugada e ele pensa nisso tudo… Que a amaria “todo dia o dia inteiro”, não seria exagero… Ele ama “Cada célula Todo fio de cabelo” e falando assim parece exagero. Mas se depender dele, irá até o fim!

  12. Danilo disse:

    Acho que é assim:
    “é estranho esse pensamento, mais imagino um cara que tem seu prazo de vida vencida e que ele precisa sair pra entrar outro no lugar como se ele tivesse pagado pra viver. No exemplo eu não vim até essa Ilusão ou vida ou teatro sei la, pra desistir, agora .

    Se depender de mim eu vou até o fim. ” se fica até o fim descobre que tudo era mentira e perde a fé e fica com o destino talvez traiçoeiro.
    minha casa é qualquer lugar.
    “Algo fora dessa prisão, quanto mais tempo demora pra sair, algum lugar não tão bom assim será sua morada( mar, fogo , gelo terra ) doidera ahsuhaushau.

  13. Ricardo disse:

    É legal ver tanta interpretação diferente! Essa é a beleza da arte… Nessa música, sinto que Gessinger está falando da própria banda Engenheiros do Hawaii, das saídas de ex-membros (…entendo você se vc quiser ir embora…), da trajetória dele mesmo enquanto artista (… eu não vim até aqui pra desistir agora…) e da vida nômade que se leva com shows pelo Brasil afora (…minhas raízes estão no ar, minha casa é qualquer lugar…). Valeu pessoal! E tome Engenheiros “sem filtro, na veia!”

  14. CL disse:

    Esta canção versa basicamente sobre Cuba. Faz alusões à insubmissão do país perante o embargo econômico estadunidense(“A ilha não se curva noite adentro, vida afora”) e à debandada de cubanos à outros países (“Entendo você
    Se você quiser/Ir embora/Não vai ser a primeira vez/Nas últimas 24 horas”).

  15. edezio disse:

    Há cinco anos atrás eu estava na faculdade, muitas dificuldades e eu assim pensava EU NÃO VIM ATÉ AQUI PRA DESISTIR AGORA…; essa música era meu incentivo a continuar mesmo com todas as dificuldades, mas infelizmente abandonei o curso.

  16. Fernanda Ângelo disse:

    Penso que se trata de uma disputa entre o ego e o superego. Enquanto o superego cheio de defesas quer desistir, o ego luta contra isso tirando as barreiras do caminho.
    É assim que todo ser humano procura enfrentar a vida. Quando o superego vence (desiste) começam as angústias.

  17. Nathan disse:

    A música retrata o constante conflito interno do cubano: Fugir ou não da ilha? Afinal, ela nao se curva ao discurso neoliberal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *