Faça o download do App do Análise de Letras para Android! É grátis!


Últimas Análises

a letra dessa musica é top 10 melhores letras de musicas brasileiras, brasil anos 80 bom D+
Very intriguing… great post! :D
Acredito que o Casuza se refere não só à sua doença como também a situação política em que ele estava inserido.Ele era um cara muito inteligente.Ele achou uma maneira inteligente de protestar toda a sua insatisfação e indignação com os governantes do seu país.
muito bom
Nessa música, Cazuza retrata uma história com alguém que ele se envolvia sempre, mas não amava, apenas sente vontade de ter essa pessoa por perto, mostrada nos versos "O nosso amor a gente inventa pra se distrair" e em "E o meu(amor), poesia de cego, você não pode ver." Nota-se também que essa história teve um recente fim, citado nos versos "No meu mundo um troço qualquer morreu, num corte lento e profundo entre você e eu."
É isso aí mãe, tamo junto! \/
Caraca que burrice desse povo! Cazuza tinha razão...
O teu amor é uma mentira Que a minha vaidade quer " acho que ele fala do amor das coisa da vida que a vida é uma mentira que a vaidade dele quer( talvez um sonho de poder viver). E quando acaba a gente pensa Ele nunca existiu. "pra sempre sempre acaba kkkkkkkkkkkkkkkk"
BRASIL- Essa letra emblemática e histórica do poeta Cazuza, continua mais atual do que nunca, pois retrara o Brasil como ele é. Com suas riquezas e suas mazelas. Sempre quando ouço tal música automaticamente me recordo da histórica novela VALE TUDO - A MELHOR NOVELA DE TODOS OS TEMPOS. O tema de abertura de vale tudo era Brasil na entoada todas as noites pela magna cantora Gal Costa, e se me recordo ela cantou essa música no show do álbum: "O Sorriso do gato de Alice". Brasil! Mostra a tua cara Quero ver quem paga Prá gente ficar assim Brasil! Qual é o teu negócio? O nome do teu sócio? Confia em mim…(2x) Confia em mim Brasil!!
Terminei de imprimir a música e agora estou fazendo meu trabalho de religião
Concordo com o listovaldo do 40, pois vejo apenas que ele falava na canção sobre sua realidade. É sabido que as drogas destroem as células do corpo, logo quando se usa elas morrem por overdose, nós porém continuamos vivos. E uma vez que ele havia contraído uma doença incurável em que se poderia dizer que "seus inimigos" os vírus estavam no poder (do seu corpo). Minha opinião.
SIMPLES E CLARO: A letra se refere ao próprio Cazuza, em um desabafo sobre sentimentos de decepção com ele mesmo. Analisem nesse contexto que irão comprovar isso. Outros pontos interessantes: 1. O garoto que pensava em mudar o mundo era ele mesmo. 2. Ele compôs essa música ao saber que era soropositivo. 3. Vi um depoimento do Cazuza onde ele afirma que, ao compor a letra, sequer sabia o significado de ideologia. Ele apenas achou que ela (a tal palavra) se encaixaria bem na letra, e de certo. 4. Na ultrapassada mania de idolatrar alguns pensadores, muitas pessoas costumam querer enxergar/invetar algo que simplesmente não existe. 5. Nessa canção ele foi genial e simples.
A letra, para mim, fala de um relacionamento tumultuado, principalmente pelo caráter confuso do rapaz... Leiam a análise detalhada que eu fiz em meu blog: http://mundovastomundoo.blogspot.com.br/
This blogpost is definitely cool and useful.
Kassia, boa tarde. Segue a minha contribuição ao seu pedido: A música Brasil foi composta exatamente no período de transição da ditadura para o regime democrático, com a eleição do presidente Tancredo Neves pela via indireta. Como Cazuza era contra o colégio eleitoral, ele faz uma crítica ao congresso e à mídia, que dava sustentação e legalidade àquele processo de “cala boca” ao povo, já que este não teve nenhuma participação na escolha do presidente. A “festa pobre” a que ele se refere é aquilo que a mídia batizou de “festa da democracia”, ou melhor, à eleição que aconteceu com o povo pedindo “Diretas já!”. Sem me estender muito, e indo apenas ao trecho solicitado, segue a minha análise: “Brasil, mostra a tua cara”: O poeta demonstra seu desejo de que a conjuntura seja transparente, desnuda e a nação brasileira mostre a sua verdadeira identidade, ou talvez “mostrar a cara” signifique mostrar quem está dominando, quem está mandando reprimir e criar a recessão. “Quero ver quem paga para a gente ficar assim”: Sabemos que os países imperialistas (especialmente os Estados Unidos) financiam a miséria do terceiro mundo, seja no fomento de guerras, influenciando na escolha ou derrubando presidentes, etc. “Qual é o teu negócio? o nome do teu sócio?”: Essa relação NEGÓCIO X SÓCIO sinaliza para uma “construção”, uma simulação, que gera lucros e que causa a pobreza do povo, porque isso é bom para um grupo ou para as facções. “Confia em mim”: O poeta almeja que a nação constituída e organizada confie em seu povo para resolver os seus problemas. Um abraço.