Últimas Análises
Queria uma analise morfologica dessa muscia!!


Nessa musica ao ouvir vejo que ao mesmo tempo que trata de um subjetividade, essa subjetividade depende do outro, sempre... O seu olha melhora o meu. Quando falamos do outro na musica vejo que trata de uma dependencia do outro, e sim de uma base para se olhar um apoio, pois o seu olhar é seu. Isso sim é a verdadeira subjetividade.


A letra mostra como a vida é apenas parte do mistério e ainda há muita coisa a se desvendar.


A música está falando de um relacionamento que chegou ao fim porque uma das partes decidiu isso na incerteza de o amor ter esfriado, acabado ... mas como uma das partes ainda tem esperança de voltar os dois continuam ligados


Esta música nos leva a refletir sobre as fragilidades e a efemeridade de todo e qualquer ser humano, independente de sua condição social, da sua genialidade ou não, de ser bom ou ruim, famoso ou comum.


E uma mãe lava a outra. É ou não é Carlos Alberto?


Para o usuário de cocaína que quer se ver livre dela mas não consegue, essa composição é ideal. A abstinência é exatamente o que está descrito na letra.


Muitas vezes as pessoas querem amar ou apaixonar-se, mas não de mais. Evitando que o extremo a escravizem. Às vezes não querem sentir de jeito algum dor ou raiva, pois são sentimentos ruins que viciam o modo de vida. Mas, os sentimentos nada mais são que percepções sensoriais do ambiente físico e social, em geral são "sentidos" e não escolhidos, decididos como experiência. Imagine agora não ter sentimento algum. Os sentimentos nos motivam querer ou não algo. O resultado é que a vontade se esvai. A pessoa corre o risco de três coisas, uma, cair em depressão, duas, tornar-se amarga, e três,iniciar uma viagem sem fim na procura deste algo que não mais se apresenta. A verdade é que seja amor ou ódio, o ser humano não pode viver sem. A falta de sentimentos é pior que a dor da alma. O nada, A ausência, O vazio que não se preenche é o de pior que pode acontecer. A pessoa não vive a vida, ela apenas passa por ela. Mas, confesso: Gostei da história do Manequim contada pelo Berk. Também do André e da Raíssa. E dos demais também para se politicamente correto =) Não me recordo de outra música que trate de um sentimento parecido, talvez "um amor maior" do J Quest. O artista inovou ao abordar tal tema. Eu acredito que é um pedido, uma súplica, por alguém por quem lutar, por quem se dedicar. Grande abraço!


esta musica fala que dos mais brutos até os mais inteligentes,passaram pela fase de criança...pois cada ser é diferente por fora e igual por dentro!


Acredito que toda música pode ter um análise diferenciada, mais nem por isso devemos deixar de expressar o que sentimos e entendemos ao ouvi-la. Neste caso essa letra é simples, no entanto, não deixar de ser prazerosa . Quando ele esboça essa situação que parece tão banal, algo é muito evidente e visceral. Praticamente todos já nos apaixonamos dessa maneira. Agente se entrega e percebe ou não que o/a outro/a não corresponde da mesma maneira sendo triste, porém, pelo fato de estarmos apaixonado/a levamos a situação até os extremos.E ai já não dá mais pra suporta e decidimos desistir e terminar com aquilo que mais parece sadomasoquismo. Só então o seu parceiro/a se percebe tão apaixonado/a e resolve pedi desculpas ou uma segunda chance.Todavia ele/a de tão despercebido nunca percebeu que você já deu não uma, mais diversas chances e oportunidades pra ele/a. E mesmo ele/a implorando, você se da conta de que já não cabe mais naquele lugar, pois as coisas não mudam assim ."Onde eu já não caibo mais", e você terminou porque as coisas chegaram ao extremo, e você pecando por amar demais perdoou tanto que se perdeu, deixou de ser quem sempre foi acreditando nesse amor. Só quando volta a racionalidade enxerga o quanto mudou por alguém que não muda


Essa música fala que todo mundo já foi inocente mesmos os mais tiranos e que todo mundo já foi ingênuo intelectualmente mesmos os mais geniais


Está canção de Arnaldo Antunes,mostra que todas as pessoas são iguais dentro das diferenças.Todas já passaram por várias fases diferentes da vida,tiveram atitudes bem diferentes,porém são seres humanos,que já foram neném,criança,todos já tiveram medo,todos morrerão(am),todos tiveram pais,ou seja,todos são seres humanos por igual,independente de qualquer fator.


Meu mail cissasport@yahoo.com.br ta com problemas....enviar para cissasport@hotmail.com


A leitura que faço dessa letra é que para cada ação há uma trilha sonora, desde o "baixar o santo" ao "ganhar dinheiro". É como se a realidade fosse um filme que se processa a cada instante. E no cinema ficamos extasiados quando a cena é acompanhada de uma bela e oportuna trilha sonora (Vide O Grande Chefão. É claro que na trama real a dinâmica é outra, mas a vida imita a arte de alguma forma.


cissasport@yahoo.com.br


Alguem me ajude, urgente. A monotonia tomou conta de mim , tanto emocional quanto física. Não tenho medo da vida, da morte, a vida não tem sentido. Estou sem reação até do fogo. É tão desesperador que percebo tudo e nao consigo chorar....nem rir. Alma penada me ajude, urgente. Alguma alma em sofrimento, que esteja vagueando, sem destino, empreste suas penas para que eu possa sair do lugar que me encontro. Vivo sem emoção. É desesperador a vida sem sentido. Alguém me dê um coração, uma vida, não sinto amor, nem prazer algum Meu coração nem apanha, nem reage a perdas e sofrimentos. Preciso urgente de uma emoção, qualquer emoção, pequena que seja para sentir-me vivo!!!


Todo mundo foi criança, mas o futuro desta criança vai ser bom ou ruim dependo do caminho que ela percorre, das pessoas que lhe cuidam e das situações que presencia


Todas as coisas possuem caracteristicas proprias. As coisas estao relacionadas 'as pessoas, conforme gosto e valores.


Está linda música de Arnaldo Antunes, remete ao fato de que todo mundo foi criança do mais bom até o mais ruim: Einstein, Freud, Platão (bons). Hitler, Bush, Sadam Hussein. e etc


Letra muito rica. Lavar as mãos é = a "deixa pra lá". Ninguém faz nada mesmo.Depois de brincar com o povo brasileiro, no chão da areia que as águas da impunidade vem e leva tudo, as mãos da justiça ficam limpas, aparentemente, e aí, pega na mamadeira e mama novamente. A doença vai embora? Não, porque uma mão de um corrupto água a mão de outro e assim vai na segunda, terça, quarta...


A letra contém a história do fervor por um sentimento de um manequim estagnado numa vitrine dos shoppings de São Paulo, onde este, vê todos os dias, pessoas sorrindo, pessoas chorando, mas na ausência de qualquer sentimento possível, nosso manequim suplica em letra de música, um pouco destas coisas.


Marcou minha infância esse música! Quando era criança só imaginava que essa musica era 'para a hora de lavar as mãos' mas se pegar ela agora (principalmente agora) vera o duplo sentido dela.


Numa ausência de qualquer emoção, de sentimentos e de desejos, a letra é a o desejo, a súplica por coisas que façam a vida valer a pena, ainda que sensações ruins, qualquer movimentação... retrata, perfeitamente, o desespero do vazio e da angústia que é não sentir nada. ''Qualquer coisa que se sinta...Tem tantos sentimentos, deve ter algum que sirva''


Eu interpreto essa musica de duas maneiras. Priemiro como a constatação que a musica, hoje em dia, se tornou parte do nosso cotidiano pois para cada coisa que fazemos, inclusive as coisas que parecem sem importancia, temos um tipo de musica correlacionada. Por outro lado, o refrão me parece ser uma critica ou, pelo menos, um questionamento a isso. Agente atribui uma serie de significados e funções às musicas e deixa de considerar a musica em si. Ela acaba se afastando da sua principal função que é ser ouvida. Essa critica fica evidente no verso "Musica para surdo e mudo".


É a perfeita descrição do "sentimento de falta de sentimento", ou seja, é a vivência de uma incapacidade para sentir emoções que ocorre algumas vezes em quadros depressivos graves. Muito Boa!


A música do extraordinário Arnaldo Antunes é de fácil interpretação, devido a aparente facilidade no entendimento das palavras do mesmo. Mas dentro da mente dele com certeza há interpretações embutidas por trás da composição. Mostra uma pessoa apaixonada, declarando-se à pessoa amada, quando diz que é um sonho para essa pessoa, e passa o dia pensando nela, e que é sua melhor amiga.


ess música é linda! e fala exatamente a confusão que é a alma humana, suas aflições , medos ...esse é mesmo um grito de socorro!!!ela cantada pelo Nei é tudo de bom!!!!


Acho que o que o Antunes quis falar nessa música ficou bem claro na letra, não necessitando muita abstração. A palavra socorro é ao mesmo tempo em que parece um diálogo com alguem do mesmo nome, é também uma súplca por ajuda. Um grito que contrasta com a forma que o cantor interpreta suas músicas. Fala de uma pessoa que já não vê mais sentido na vida e ainda assim vive, sem emoção, e em busca algum sentimento sentimento para lhe dar sentido.


nao sei se voces notaram, mas ha um duplo sentido nessa musica! Talvez o autor nem tenha tido esse pensamento, mas acabei vendo algo inusitado! Uma mao lava outra, lembre-se do cliche, em quanto uma mao lavar a outra estarei livre de qualquer sujeira ou apuro! Bem Arnaldo Antunes


lekal '-'


 
© 2003-2015 analisedeletras.com.br